Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FAUP
Você está em: Início > Notícias > Paul Owen | Ciclo Internacional de Conferências Contexto(s) na Arquitectura Contemporânea: 5 Continentes

Notícias

Paul Owen | Ciclo Internacional de Conferências Contexto(s) na Arquitectura Contemporânea: 5 Continentes

22 de Março de 2018 (Quinta-feira), 18h30, Auditório Fernando Távora - FAUP

A segunda conferência do Ciclo Internacional de Conferências Contexto(s) na Arquitectura Contemporânea: 5 Continentes vai ter como convidado o arquitecto australiano Paul Owen, do atelier Owen Architecture sediado em Brisbane, na Austrália. A conferência está marcada para o dia 22 de Março, às 18h30, no Auditório Fernando Távora.

O Ciclo continua a a 11 de Abril, com Rick Joy, oriundo da América, no dia 18 de Abril com Li Xiaodong, da Ásia, e David Chipperfield, do continente europeu, em data a anunciar em breve.

Paul Owen
Nascido em 1967, Paul Owen fundou o atelier de arquitectura Owen and Vokes and Peters em Brisbane, na Austrália, em 2003, sendo actualmente a principal figura de Owen Architects. Paul Owen é conferencista convidado em diversas instituições. Destaca-se a participação nas Lecture Series SLQ, na University of Queensland, Faculty of Engineering, Architecture & Information Technologye nas Lecture Series leccionadas na Bond University, School of Architecture, ambas em 2013. Participou também nas Australian Contemporary Speaker Series, na National Gallery of Australia e na Monash University, em Melbourne, em 2012; assim como integrou a AIA National Conference, em 2011, 2010 e 2006.
O trabalho de Paul Owen tem merecido a atenção regular da crítica e dos seus pares, sendo objecto de destaque em diversas exposições. Em 2008 esteve representado na Place Makers, Contemporary Queensland Architects, em Brisbane; e em Abundant, na exposição de maquetes conceptuais na Bienal de Arquitetura de Veneza; em 2013, enquanto membro dos Curators of Cool, foi responsável pela mostra 'Ordinary – Amazing – Beautiful', apresentada no Queensland Museum, em Brisbane; Brisbane Powerhouse, esteve representado em Paul Owen and Marianne Harvey, na exposição 'Cloud', promovida por 7 With Another.
Paralelamente, a sua obra é frequentemente divulgada em publicações de Arquitectura e Design: Architecture AU, Architectural Review Asia Pacific, Architecture Review UK, Artichoke, Monocle Magazine, The Design Files, Wallpaper Magazine, entre outras.
Entre os principais prémios recebidos, destacam-se o Robin Dods Award, nos Queensland Regional Architecture Award, atribuído pelo Australian Institute of Architects - AIA (2016), vencedor na categoria de arquitectura residencial, obra nova, com a Rosalie House (2016) e, igualmente no Queensland Regional Architecture Awards, AIA, vencedor do Don Roderick Award na categoria património, com a Bayside Fire Station; o State Award, Small Projects, nos Queensland Architecture Awards, AIA, com a Red Hill House (2011), conquistou a Gold Coast House of the Year, nos Queensland Architecture Awards, AIA, com a Cabarita Beach House. Venceu ainda o Silver Award, do Design Institute of Australia Awards, com a Alderley House (2008), entre outros.
A sua prática profissional abrange diversos programas, embora com predomínio da habitação unifamiliar, entre as quais onde se destacam: Bulimba Hill House (2007-2009), Red Hill House  (2007-2009), Queenslander Lowered (2007-2010), St Lucia House (2008-2012), Ranley Grove House (2011-2015), New market Valley House (2010-2012), Bayside Firestation (2013-2015), Rosalie House (2012-2015) ou Cabarita Beach House (2003-2008).
Através de uma abordagem culta, Owen concilia elementos e materiais que decorrem de um forte conhecimento da casa tradicional de Queensland, da sua espacialidade e da tecnologia local de construção em madeira pintada. A atualização de elementos históricos e vernaculares, o tratamento das zonas de transição entre interior e exterior, ou o atento desenho dos dispositivos de sombreamento, fazem com que a sua Arquitectura manifeste um humanista desejo de conforto e de diversidade ambiental, culturalmente enraizado. Desse modo, a sua pesquisa ambiciona apelar aos sentidos humanos e dialogar com o contexto, tanto quanto procura a expressão de modos de vida, de desenho arquitetónico e de métodos construtivos alinhados com a contemporaneidade.
owenarchitecture.com.au

A conferência será proferida em inglês, sem tradução.

Entrada livre (sujeita à lotação da sala).
Programa sujeito a alterações (sem aviso prévio).


O Ciclo Internacional de Conferências Contexto(s) na Arquitectura Contemporânea: 5 Continentes, produzido pela FAUP, através do seu centro de investigação, CEAU, numa acção conjunta dos grupos de investigação Arquitectura: Teoria, Projecto, História + Atlas da Casa, tem como principal objectivo aprofundar o conhecimento em torno de temas com pertinência contemporânea e internacional. Com o propósito de confrontar o pensamento contemporâneo nacional com a actualidade internacional, pretende-se debater a produção e ideias arquitectónicas segundo uma perspectiva alargada aos 5 continentes, como o próprio título sugere. De forma a reunir diversas abordagens aos mesmos assuntos em diferentes culturas e geografias, territorialmente dispersas, este ciclo contará com a participação de um arquitecto/conferencista de cada um dos cinco continentes.

+ info
Ciclo Internacional de Conferências Contexto(s) na Arquitectura Contemporânea: 5 Continentes

Poster
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2018 © Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2018-10-23 às 09:24:07