Saltar para:

Bibliotecas, Repositórios e Arquivos:
Recursos - Arquivo Digital

O Arquivo Digital da U.Porto assegura o acesso agregado a informação produzida e acumulada no contexto sistémico da Universidade do Porto, por entidades como os Órgãos de Governo, a Reitoria, Unidades Orgânicas de Ensino e Investigação e estabelecimentos dependentes, assim como por instituições que antecederam a criação do ensino superior universitário na cidade do Porto. A Academia Real de Marinha e Comércio da Cidade do Porto e a Academia Politécnica do Porto constituem exemplos destas últimas.

A informação – metadados descritivos e objetos digitais – encontra-se organizada por entidades produtoras e, dentro destas, por séries informacionais ou coleções.

O Arquivo Digital da U.Porto disponibiliza atualmente mais de 20.000 registos de documentos em texto integral e maioritariamente em acesso livre. Os documentos mais antigos são do século XVIII – produzidos pela Academia Real de Marinha e Comércio da Cidade do Porto – e os mais recentes têm apenas alguns anos de existência.

Uma parte dos documentos digitalizados apresenta-se deteriorada pelo tempo, pelo uso e por condições ambientais e atmosféricas adversas. A reprodução digital tornou-os amplamente acessíveis, ao mesmo tempo que contribuiu para assegurar a preservação no longo termo da informação que contêm. Os Livros de Inscrições e Exames, onde ficou registado o percurso académico dos estudantes que transitaram da Academia Politécnica do Porto e da Escola Médico-Cirúrgica do Porto para a Universidade do Porto, são os que melhor ilustram esta realidade.

O arquivo digital disponibiliza informação variada, de diferentes épocas, que retrata e documenta as atividades desenvolvidas ao longo dos anos pela Universidade do Porto e pelas instituições que a antecederam - desde as atas mais antigas do Senado e da Assembleia da Universidade até aos documentos académicos que subsistiram da primeira Faculdade de Letras (1919-1928), passando por um arquivo noticioso que já conta com mais de 5.000 recortes de imprensa, recolhidos ao longo do século XX.