Saltar para:
Logótipo
Você está em: Início > CC3010
Mapa das Instalações
FC6 - Departamento de Ciência de Computadores FC5 - Edifício Central FC4 - Departamento de Biologia FC3 - Departamento de Física e Astronomia e Departamento GAOT FC2 - Departamento de Química e Bioquímica FC1 - Departamento de Matemática

Estágio

Código: CC3010     Sigla: CC3010     Nível: 300

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Ciência de Computadores

Ocorrência: 2017/2018 - 1S

Ativa? Sim
Página Web: http://www.dcc.fc.up.pt/estagio-1ciclo
Unidade Responsável: Departamento de Ciência de Computadores
Curso/CE Responsável: Licenciatura em Ciência de Computadores

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
L:CC 13 Plano de estudos a partir de 2014 3 - 18 486 486
MI:ERS 3 Plano Oficial desde ano letivo 2014 3 - 18 486 486

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
José Paulo de Vilhena Geraldes Leal Regente

Docência - Horas

Outra: 1,00
Tipo Docente Turmas Horas
Outra Totais 1 1,00
José Paulo de Vilhena Geraldes Leal 1,00

Língua de trabalho

Português

Objetivos

O estágio tem como objectivo aferir a capacidade dos alunos para enfrentarem os desafios de um mercado trabalho competitivo e promover o enriquecimento curricular dos alunos tendo em vista a sua integração profissional junto das empresas do sector informático.

Resultados de aprendizagem e competências

Durante o estágio os alunos deverão ser capazes de:

1. integrar-se nos processos de trabalho da empresa;

2. aplicar os conhecimentos adquiridos nos primeiros três anos do ciclo de estudos na análise e na resolução de problemas da empresa.

Modo de trabalho

Presencial

Programa

As propostas de estágio são elaboradas por empresas com as quais o Departamento de Ciência de Computadores, através da Faculdade de Ciências, mantém protocolos de colaboração. As propostas são validadas pelo(s) regente(s) da unidade curricular.

Bibliografia Obrigatória

<>; <> (A sugerir pelo orientador exteno)

Observações Bibliográficas

A sugerir pelo orientador exteno

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Realização do trabalho em empresa supervisionado por orientador na empresa. A nota final será dada com base em informação obtida do orientador através de uma ficha de avaliação e com base num relatório final elaborado pelo aluno.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Defesa pública de dissertação, de relatório de projeto ou estágio, ou de tese 50,00
Trabalho prático ou de projeto 50,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Elaboração de relatório/dissertação/tese 0,00
Realização de Estágio 0,00
Total: 0,00

Fórmula de cálculo da classificação final

O trabalho de estágio será avaliado segundo as seguintes directivas:

Autonomia com que o trabalho foi desenvolvido
(Informação a fornecer pelo orientador)


  • Baixa – dificuldade em progredir de forma autónoma;

  • Média – alguma autonomia mas com situações de bloqueio que requereram a intervenção do orientador;

  • Elevada – muito boa capacidade de resolução de problemas de forma autónoma coma intervenção do orientador focada na definição dos passos seguintes do trabalho.


Grau de satisfação dos objectivos
(A avaliar pelo relatório e informação do orientador)


  • Baixo – atingiram-se os objectivos considerados mínimos para o trabalho proposto;

  • Médio – atingiram-se os objectivos pretendidos embora não na totalidade;

  • Elevado – atingiram-se plenamente, ou mesmo ultrapassaram-se, os objectivos definidos.


Nível de dificuldade intrínseca do trabalho desenvolvido
(A avaliar pelo relatório e apresentação/discussão)


  •  Baixo – trabalho relativamente fácil, quer do ponto de vista científico quer técnico, baseado em conhecimento bastante disseminado;

  • Médio – trabalho com alguns detalhes de complexidade elevada requerendo conhecimentos mais avançados/específicos, técnicos ou científicos;

  • Elevado – trabalho relativamente complexo, requerendo um aprofundamento substancial dos conhecimentos e capacidades técnicas e ou científicas, possivelmente resultando em alguma contribuição inovadora.





































  Grau de autonomia

  Baixo Médio Elevado
Satisfação dos objetivos


Baixa E D C
Média D C B
Elevada C B A














































  Avaliação sugerida

  E D C B A
Gradu de dificuldade


Baixa 10-12 11-13 12-14 13-15 14-16
Média 11-13 12-14 13-15 14-16 16-18
Elevada 12-14 13-15 14-16 16-18 18-20


As notas acima de 16 devem corresponder a trabalhos considerados muito bons ou excelentes, suportados por um relatório muito bem estruturado, objectivo e completo, e realizados com grande autonomia.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2022 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2022-10-07 às 16:31:11 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias