Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > MA313

Nutrição e Alimentação em Aquacultura

Código: MA313     Sigla: NAA

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Biologia Aplicada

Ocorrência: 2023/2024 - 4T (de 22-04-2024 a 14-06-2024) Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Clínicas Veterinárias
Curso/CE Responsável: Ciências do Meio Aquático

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
LCMA 27 Plano Oficial em Vigor 3 - 5 49 135

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Ana Rita Jordão Bentes Cabrita Regente

Docência - Horas

Teórica: 4,00
Práticas Laboratoriais: 3,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teórica Totais 1 4,00
Ana Rita Jordão Bentes Cabrita 1,143
Luísa Maria Pinheiro Valente 0,857
Marta Isabel Póvoas Monteiro 1,143
Práticas Laboratoriais Totais 2 6,00
Luísa Maria Pinheiro Valente 1,715
Ana Rita Jordão Bentes Cabrita 1,714
Marta Isabel Póvoas Monteiro 2,571

Língua de trabalho

Português

Objetivos

Com a disciplina de Nutrição e Alimentação em Aquacultura, é garantida aos alunos uma formação específica no domínio da biologia aplicada, em que se inserem as ciências do meio aquático. Com o programa da disciplina de Nutrição pretende-se fornecer um conjunto de conhecimentos de base da nutrição animal, com orientação específica posterior para a nutrição e alimentação dos peixes. A transformação de alimentos com valor relativamente baixo, noutros que se tornem mais atractivos para o consumo humano, é normalmente um dos objectivos fundamentais de toda a Produção Animal. Se bem que a possibilidade de efectuar esta conversão de modo 100 % eficiente seja um ideal inatingível, o grau em que os diversos componentes da dieta são utilizados, constitui a preocupação central dos nutricionistas. Os custos da alimentação artificial num sistema de piscicultura intensiva representam entre 40 e 70 % do total dos custos de produção. A preparação cuidada do ensino da disciplina de nutrição, deverá contribuir para a preparação de técnicos sensíveis e capazes de contribuir para a gestão optimizada dos recursos alimentares utilizados.

Resultados de aprendizagem e competências

Em primeiro ciclo de Bolonha, o resultado a obter visa o domínio dos principios gerais da Nutrição e Alimentação.

Modo de trabalho

Presencial

Programa

Tópicos programáticos
Aspetos introdutórios
Conceitos básicos e metodologia
Fisiologia Digestiva
Bioenergética
Regulação da ingestão voluntária
Proteínas e Aminoácidos
Hidratos de carbono e fibra
Lípidos e ácidos gordos
Matérias-primas e aditivos
Princípios de formulação

Bibliografia Obrigatória

Guillaume Jean 070; Nutrition and feeding of fish and crustaceans. ISBN: 1-85233-241-7
Halver John E. 340; Fish nutrition. ISBN: 0-12-319651-5
Steffens Werner; Principles of fish nutrition. ISBN: 0-7458-0555-8
Halver John E. 340; Finfish nutrition and fishfeed technology. ISBN: 3-87903-052-9

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

O programa que acaba de se apresentar de forma genérica constitui a base dos temas a abordar ao longo das aulas teóricas da disciplina de nutrição. Face à evolução do conhecimento científico, será o mesmo ajustado e melhorado sempre que necessário. As aulas teóricas constituem a primeira motivação dos alunos para cada um dos temas a tratar ao longo da disciplina. Serão sempre que possível acompanhadas de material didático do tipo de diapositivos e filmes, que permitam a melhor compreensão de cada assunto a tratar. Durante as aulas teóricas, procurar-se-á sensibilizar os alunos para a importância das matérias lecionadas, mantendo a sua atenção, provocando sempre que possível a sua intervenção na discussão dos temas. A motivação dos alunos para o estudo de matérias mais técnicas, constitui um desafio importante para o ensino nas áreas aplicadas da biologia. A bibliografia apresentada será constituída por livros de texto, sendo a lista bibliográfica completa fornecida aos alunos no início do curso. Para temas concretos, poderá haver recurso a artigos publicados em revistas da especialidade. De realçar a existência de uma bibliografia vasta e atualizada no domínio da nutrição e alimentação de peixes. A Internet constitui, igualmente, uma base essencial de pesquisa motivacional para os alunos. As aulas práticas constituirão o complemento essencial dos temas abordados nas aulas teóricas proporcionando, simultaneamente, alguma experiência prática de base na análise de alimentos, formulação e fabrico de alimentos compostos e aplicação de parâmetros usados na avaliação de resultados em ensaios de nutrição. No início de cada aula prática, será sempre fornecido aos alunos um protocolo contendo os objetivos a atingir com a aula, as metodologias e aparelhos a utilizar, caso seja esse o caso.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Exame 90,00
Trabalho prático ou de projeto 10,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Elaboração de projeto 20,00
Estudo autónomo 66,00
Frequência das aulas 49,00
Total: 135,00

Obtenção de frequência

Condições de Frequência: A frequência é obtida de acordo com o enquadramento legal em vigor no ICBAS da Universidade do Porto.

Fórmula de cálculo da classificação final

Fórmula de avaliação: Nota Final = 0,90 * Valor do Exame Final + 0,10 * Valor do Trabalho

Melhoria de classificação

A classificação do trabalho prático não é passível de ser melhorada, sendo que os estudantes que pretendam fazer melhoria de classificação à unidade curricular apenas o poderão fazer na componente de exame com um peso para a classificação final de 90%.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2024 © Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2024-05-19 às 21:53:12 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias