Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Horário da Biblioteca durante o verão
Você está em: Início > MM0056
Autenticação




Mapa das Instalações
Edifício A (Administração) Edifício B (Aulas) - Bloco I Edifício B (Aulas) - Bloco II Edifício B (Aulas) - Bloco III Edifício B (Aulas) - Bloco IV Edifício C (Biblioteca) Edifício D (CICA) Edifício E (Química) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício G (Civil) Edifício H (Civil) Edifício I (Electrotecnia) Edifício J (Electrotecnia) Edifício K (Pavilhão FCNAUP) Edifício L (Mecânica) Edifício M (Mecânica) Edifício N (Garagem) Edifício O (Cafetaria) Edifício P (Cantina) Edifício Q (Central de Gases) Edifício R (Laboratório de Engenharia do Ambiente) Edifício S (INESC) Edifício T (Torre do INEGI) Edifício U (Nave do INEGI) Edifício X (Associação de Estudantes)

Metodologias de Investigação

Código: MM0056     Sigla: MINV

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Ciências da Comunicação

Ocorrência: 2017/2018 - 2S Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Página Web: https://moodle.up.pt/course/view.php?id=724
Unidade Responsável: Departamento de Engenharia Informática
Curso/CE Responsável: Mestrado em Multimédia

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
MM 54 Plano de estudos oficial 1 - 6 45 162

Docência - Horas

Teórico-Práticas: 3,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teórico-Práticas Totais 1 3,00
Carla Susana Lopes Morais 1,00
Luciano José Santos Reis Moreira 2,00
Mais informaçõesA ficha foi alterada no dia 2018-02-09.

Campos alterados: Objetivos, Resultados de aprendizagem e competências, Fórmula de cálculo da classificação final, Programa, URL da página, Componentes de Avaliação e Ocupação, Objetivos, Resultados de aprendizagem e competências, Fórmula de cálculo da classificação final, Programa, URL da página, Componentes de Avaliação e Ocupação

Língua de trabalho

Português - Suitable for English-speaking students

Objetivos

Metodologias de Investigação é uma unidade curricular obrigatória no 2.º semestre do 1.º ano do plano de estudos do Mestrado em Multimédia. Atendendo aos objetivos orientadores do Mestrado em Multimédia, a unidade curricular pretende contribuir para capacitar o estudante para realizar uma dissertação que inclui uma componente teórica e uma componente empírica. Como tal, torna-se importante promover o desenvolvimento de competências como escrita científica, desenho metodológico, e comunicação científica.

Importa realçar o papel da unidade curricular na tomada de consciência da relevância da dimensão ética e no desenvolvimento de padrões de atuação coerentes com as melhores práticas de investigação na área do Multimédia.

A unidade curricular pretende contribuir para capacitar os futuros mestres a integrar dados da investigação mais recente assim como conciliar investigação e desenvolvimento nos momentos de conceção e avaliação de produtos, processos e serviços em diferentes contextos profissionais. Simultaneamente, pretende-se contribuir para aumentar a capacidade de significar a relevância da atuação dos mestres em multimédia a nível sócio-profissional.

Resultados de aprendizagem e competências

Escrita científica

  • Identificar os principais componentes constituintes de um artigo científico e de uma dissertação de mestrado
  • Utilizar o sistema Descoberta da UP, Web of Science e Scopus e selecionar artigos científicos relevantes para a área de interesse
  • Utilizar um software (EndNote ou Mendeley) enquanto software de gestão bibliográfica como apoio à escrita
  • Analisar o conteúdo de artigos científicos sob a forma de uma recensão crítica
  • Citar de forma apropriada as fontes bibliográficas e referências de acordo com as normas da APA
  • Preparar um projeto de dissertação de mestrado respeitando a estrutura recomendada no mestrado

 Desenho metodológico

  • Distinguir o método científico clássico do método popperiano
  • Categorizar e formular objetivos, questões e hipóteses de investigação
  • Descrever as principais características dos desenhos metodológicos (experimental, quasi-experimental e não-experimental)
  • Avaliar a adequação de uma determinada opção metodológica aos objetivos de investigação no que diz respeito à validade teórica, interna e externa da investigação

 Recolha, tratamento e apresentação de dados

  • Descrever e comparar entre si as principais características das diferentes técnicas e instrumentos de recolha de dados: inquérito (entrevista e questionário), observação e estudo documental, no que diz respeito à comunicação e ao acesso aos dados
  • Identificar as técnicas e instrumentos de recolha de dados utilizados numa determinada investigação
  • Selecionar as técnicas e instrumentos de recolha de dados mais adequados aos objetivos de investigação formulados e compatíveis com os recursos e calendário do mestrado.
  • Formular itens concisos, pertinentes e claros (não-ambíguos) para um questionário
  • Construir uma base de dados coerente em SPSS a partir de um questionário
  • Calcular estatísticas simples (frequência absoluta, frequência relativa, média, mediana, desvio-padrão) através do SPSS
  • Elaborar um guião de entrevista semi-estruturada
  • Criar categorias para proceder a uma análise de conteúdo de acordo com os seguintes princípios: exaustividade, homogeneidade, pertinência, objetividade e fiabilidade, e produtividade
  • Produzir e integrar quadros e figuras adequados ao tipo de dados e ao contexto de apresentação

 Sentido ético 

  • Diferenciar os casos de aplicação das garantias de confidencialidade, anonimato e consentimento informado no âmbito da investigação
  • Integrar no projeto de investigação os procedimentos éticos necessários para assegurar que o projeto de investigação respeita escrupulosamente os direitos e dignidade dos participantes antes, durante e depois da investigação se realizar

Comunicação científica 

  • Preparar diapositivos de apoio a apresentações orais coerentes com os princípios da aprendizagem multimédia
  • Apresentar em público, concisa, organizada e claramente, um projeto de investigação em multimédia

Reflexividade

  • Questionar as virtudes e limitações do processo de revisão científica por pares.
  • Debater o lugar do multimédia enquanto área de investigação multidisciplinar

Modo de trabalho

Presencial

Programa

- Introdução ao curso: Perspetivas epistemológicas sobre a investigação científica
- Estrutura do artigo científico e da dissertação de mestrado
- Técnicas de pesquisa de literatura
- Questões e hipóteses de investigação, validade da investigação
- Desenho do estudo: desenhos experimentais, quase-experimentais e não-experimentais
- Técnicas e instrumentos de recolha de dados
- Abordagens quantitativas e qualitativas
- Técnicas de análise de dados
- (Novas) Tendências de investigação multimédia
- Ética na era digital

Bibliografia Obrigatória

Gay; L. R., Mills, G & Airasian, P.; Educacional Research: competencies for analysis and applications, 2011

Observações Bibliográficas

A bibiografia recomendada pode ser consulta na página Moodle associada à UC.

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem


  • Aulas com componente expositiva e componente baseada na resolução de problemas (PBL) e dinâmicas de grupo.

  • Apresentação de trabalhos pelos estudantes.


 

Software

SPSS
NVIVO

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída sem exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Prova oral 20,00
Teste 25,00
Trabalho escrito 55,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Elaboração de projeto 72,00
Estudo autónomo 42,00
Frequência das aulas 48,00
Total: 162,00

Fórmula de cálculo da classificação final

A avaliação terá componentes formativas e contínuas, conjugando parâmetros flexíveis com outros mais “convencionais”, como um teste. Haverá momentos de auto e heteroavaliação nas apresentações das tarefas desenvolvidas. Os docentes da disciplina farão exercícios de arbitragem, moderação e garantia de bom senso e transparência. Em todos os casos, as atividades dos alunos são tipicamente balizadas por quatro critérios:


a) Rigor científico
b) Criatividade/originalidade
c) Clareza
d) Empenho/apresentação

Além das tarefas, haverá um teste teórico. Numa escala de 0 a 20, a nota final terá o seguinte perfil:

A - Avaliação da proposta de dissertação
B - Avaliação da apresentação da proposta de dissertação
C - Avaliação do projeto de investigação de grupo
D - Avaliação da apresentação do projeto de investigação de grupo
E - Teste escrito final 

Ponderação:
A - 30%
B - 10% 
C - 25% 
D - 10%
E - 25% 

A nota final de cada aluno resultará da seguinte fórmula: A*0,30+B*0,10+C*0,25+D*0,10+E*0,25

 

Avaliação especial (TE, DA, ...)

Os descritos na FEUP. Exceções a ponderar em cada caso.

Melhoria de classificação

Sem exame final. A melhoria da classificação será realizada pela submissão e apresentação de uma proposta de investigação, com tema e estrutura a combinar com os docentes da UC.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2019-07-19 às 09:50:28 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais