Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Acesso ao Finantial Times
Você está em: Início > EIC0085
Autenticação




Mapa das Instalações
Edifício A (Administração) Edifício B (Aulas) - Bloco I Edifício B (Aulas) - Bloco II Edifício B (Aulas) - Bloco III Edifício B (Aulas) - Bloco IV Edifício C (Biblioteca) Edifício D (CICA) Edifício E (Química) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício G (Civil) Edifício H (Civil) Edifício I (Electrotecnia) Edifício J (Electrotecnia) Edifício K (Pavilhão FCNAUP) Edifício L (Mecânica) Edifício M (Mecânica) Edifício N (Garagem) Edifício O (Cafetaria) Edifício P (Cantina) Edifício Q (Central de Gases) Edifício R (Laboratório de Engenharia do Ambiente) Edifício S (INESC) Edifício T (Torre do INEGI) Edifício U (Nave do INEGI) Edifício X (Associação de Estudantes)

Laboratório de Bases de Dados e Aplicações Web

Código: EIC0085     Sigla: LBAW

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Sistemas de Informação

Ocorrência: 2013/2014 - 2S (de 10-02-2014 a 06-06-2014) Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Página Web: http://web.fe.up.pt/~jlopes/doku.php/teach/lbaw/index
Unidade Responsável: Departamento de Engenharia Informática
Curso/CE Responsável: Mestrado Integrado em Engenharia Informática e Computação

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
MIEIC 145 Plano de estudos a partir de 2009/10 3 - 7 70 189

Docência - Horas

Teóricas: 2,00
Práticas Laboratoriais: 3,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teóricas Totais 1 2,00
Sérgio Sobral Nunes 1,00
João António Correia Lopes 1,00
Práticas Laboratoriais Totais 6 18,00
Daniel Augusto Gama de Castro Silva 3,00
Tiago Boldt Pereira de Sousa 3,00
João António Correia Lopes 6,00
Sérgio Sobral Nunes 3,00
André Monteiro de Oliveira Restivo 3,00
Mais informaçõesA ficha foi alterada no dia 2014-02-09.

Campos alterados: Objetivos, Resultados de aprendizagem e competências, Pre_requisitos, Métodos de ensino e atividades de aprendizagem, Bibliografia Complementar, Avaliação especial, Obtenção de frequência, Programa, Componentes de Avaliação e Ocupação, Fórmula de cálculo da classificação final

Língua de trabalho

Português - Suitable for English-speaking students

Objetivos

A unidade curricular de LBAW tem como objetivo sedimentar as matérias expostas nas unidades curriculares de bases de dados e linguagens e tecnologias web. Esta unidade curricular oferece uma perspetiva prática sobre duas áreas centrais da engenharia informática.

Nesta unidade curricular pretende-se dotar os estudantes da capacidade de projetar e desenvolver sistemas de informação acessíveis através da web e suportados por sistemas de gestão de bases de dados.

Resultados de aprendizagem e competências

Ao completar esta unidade curricular, o estudante deve ser capaz de projetar e implementar um sistema de informação baseado na web e suportado por um sistema de gestão de base de dados. Em particular, deve ser capaz de:



    • Especificar os requisitos do sistema de informação baseado na web;

 

    • Obter o modelo conceptual de dados do sistema de informação;

 

    • Obter e validar o esquema lógico relacional da base de dados do sistema;

 

    • Obter o esquema físico da base de dados e afinar o esquema lógico relacional;

 

    • Desenhar e implementar interrogações para acesso à base de dados em SQL;

 

    • Desenhar e implementar mecanismos para a manutenção da integridade dos dados;

 

    • Especificar as interfaces web e a lógica de negócio do sistema de informação;

 

    • Implementar os componentes web do sistema com recurso a PHP, HTML, CSS e JavaScript;

 

    • Assegurar que as interfaces web estão de acordo com as normas de acessibilidade e usabilidade.

 

Modo de trabalho

Presencial

Pré-requisitos (conhecimentos prévios) e co-requisitos (conhecimentos simultâneos)

Bases de Dados: modelação de dados em UML, modelo relacional, linguagem SQL.

Linguagens e Tecnologias Web: protocolo HTTP, linguagens HTML, CSS e JavaScript.

Programa

 

    • Desenvolvimento de uma aplicação Web suportada por uma Base de Dados: levantamento de requisitos, conceção, modelação, implementação e documentação;

 

    • Noções gerais de arquitetura de aplicações Web. Utilização de linguagens de scripting de cliente (JavaScript) e de servidor (PHP);

 

    • Apresentação do Document Object Model (DOM); utilização de frameworks AJAX e APIs de acesso a dados;

 

    • Projeto de bases de dados relacionais com recurso a linguagens de modelação de dados (UML), à linguagem SQL e a extensões procedimentais à linguagem SQL;

 

    • Identificação e manutenção de regras de negócio: na interface (JavaScript); na lógica de negócio e na base de dados (triggers); transações;

 

    • Noções gerais de usabilidade e acessibilidade Web.

 

Bibliografia Obrigatória

Ramakrishnan, Raghu; Database management systems. ISBN: 0-07-116898-2

Bibliografia Complementar

Jeffrey D. Ullman, Jennifer Widom; A First course in database systems. ISBN: 978-0-13-600-637-4
Russ Miles and Kim Hamilton; Learning UML 2.0. ISBN: 978-0-596-00982-3
Michal Zalewski; The tangled Web. ISBN: 978-1-59327-388-0
Nielsen, Jakob; Designing web usability. ISBN: 1-56205-810-X

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

As aulas teóricas serão usadas para apresentação dos guiões dos trabalhos, para a discussão de exemplos representativos, para análise das avaliações efetuadas e para apresentar breves introduções às tecnologias a utilizar. As aulas práticas serão usadas para o desenvolvimento laboratorial do projeto, em grupo, tendo o docente como consultor.

Software

Biblioteca Smarty
PostgreSQL
Biblioteca jQuery
PHP

Palavras Chave

Ciências Físicas > Ciência de computadores > Informática

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída sem exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Teste 20,00
Trabalho laboratorial 80,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Elaboração de projeto 117,00
Frequência das aulas 75,00
Total: 192,00

Obtenção de frequência

O trabalho prático será avaliado, durante as aulas laboratoriais, através da entrega dos artefactos previstos.

Os conceitos teóricos são avaliados através da resposta individual a questionário com perguntas de escolha múltipla.

A aprovação na unidade curricular está condicionada à obtenção pelo estudante de 40% no questionário de resposta individual e de 50% em cada uma das componentes da avaliação prática.

Salienta-se o fato de um estudante, por não ter participado numa componente de avaliação,​ poder ter nota diferente nessa componente da nota do grupo a que pertence.

Dada a natureza laboratorial da unidade curricular, não é possível fazer uma avaliação num único momento e, por isso, a avaliação do trabalho prático não pode ser substituída pela realização de um exame.

Fórmula de cálculo da classificação final

A nota final será calculada usando a fórmula

Nota: 80% NP + 20% NI

Sendo:

NP = 20% ER + 20% EBD + 20% EAP + 40% PA

Legenda:

  • NI – Nota do questionário individual
  • NP – Nota do trabalho prático
  • ER – Especificação de Requisitos
  • EBD – Especificação da Base de Dados
  • EAP – Especificação da Arquitetura e Protótipo Vertical
  • PA – Produto e Apresentação

A classificação final da componente prática (NP) pode variar de elemento para elemento do mesmo grupo, em mais ou menos 2 valores, com base na opinião dos docentes e na autoavaliação e heteroavaliação a realizar internamente em cada grupo.

Provas e trabalhos especiais

Não há provas nem trabalhos especiais.

Avaliação especial (TE, DA, ...)

A avaliação prática realizada nas aulas laboratoriais durante o semestre de funcionamento da unidade curricular, é exigida a todos os estudantes, independentemente do regime de inscrição e da necessidade de obter avaliação de frequência.

Os trabalhadores estudantes e equivalentes dispensados das aulas devem, com periodicidade a combinar com os docentes, apresentar a evolução dos seus trabalhos, assim como devem fazer a apresentação destes, simultaneamente com os estudantes ordinários, e realizar as provas teóricas e práticas de avaliação individual previstas.

Melhoria de classificação

A classificação poderá ser melhorada na ocorrência seguinte da unidade curricular.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2017 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2017-09-20 às 17:23:47