Saltar para:
Logótipo
Você está em: Início > CC1005
Mapa das Instalações
FC6 - Departamento de Ciência de Computadores FC5 - Edifício Central FC4 - Departamento de Biologia FC3 - Departamento de Física e Astronomia e Departamento GAOT FC2 - Departamento de Química e Bioquímica FC1 - Departamento de Matemática

Programação Funcional

Código: CC1005     Sigla: CC1005     Nível: 100

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Ciência de Computadores

Ocorrência: 2018/2019 - 2S

Ativa? Sim
Página Web: http://www.dcc.fc.up.pt/~sandra/Home/PF1819.html
Unidade Responsável: Departamento de Ciência de Computadores
Curso/CE Responsável: Licenciatura em Ciência de Computadores

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
L:B 0 Plano de Estudos Oficial 3 - 6 56 162
L:CC 91 Plano de estudos a partir de 2014 1 - 6 56 162
L:F 1 Plano de Estudos Oficial 2 - 6 56 162
3
L:G 0 Plano estudos a partir do ano letivo 2017/18 2 - 6 56 162
3
L:M 10 Plano de Estudos Oficial 2 - 6 56 162
3
L:Q 1 Plano estudos a partir do ano letivo 2016/17 3 - 6 56 162
MI:ERS 129 Plano Oficial desde ano letivo 2014 1 - 6 56 162

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Sandra Maria Mendes Alves Regente

Docência - Horas

Teórica: 2,00
Práticas Laboratoriais: 2,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teórica Totais 2 4,00
Sandra Maria Mendes Alves 4,00
Práticas Laboratoriais Totais 8 16,00
Pedro Baltazar Vasconcelos 4,00
Bernardo Luís Fernandes Portela 4,00
Sandra Maria Mendes Alves 4,00
Vítor Manuel Parreira Pereira 4,00

Língua de trabalho

Português

Objetivos

Introdução à programação funcional usando a linguagem Haskell.

Resultados de aprendizagem e competências

No final da disciplina, o(a) aluno(a) deverá ser capaz de:
1. Definir funções usando equações com padrões; 
2. Codificar algoritmos recursivos elementares sobre listas e árvores em Haskell;
3. Definir novos tipos algébricos para representar dados;
4. Compor problemas de programação usando funções de ordem superior e lazy evaluation ;
5. Provar propriedades elementares de programas usando teoria equacional e indução.

Modo de trabalho

Presencial

Programa

Expressões, valores e tipos básicos. Definições de funções simples; tipos funcionais. Execução passo-a-passo usando substituição. Tipos compostos: listas e tuplos. Algumas funções sobre listas do prelúdio-padrão. Notação de listas em compreensão. Definições recursivas. Polimorfimo paramétrico. Funções de ordem superior. Programas interactivos usando o mónada de I/O. Definição de novos tipos concretos. Estudo de um caso: árvores binárias de pesquisa. Tipos abstractos: pilhas, filas, conjuntos. Especificação usando equações e implementação usando módulos. Classes de tipos e sobrecarga de operadores. Raciocínio sobre programas usando teoria equacional e indução.

Bibliografia Obrigatória

Hutton Graham 1968-; Programming in Haskell. ISBN: 9780521692694 pbk
Thompson Simon; Haskell. ISBN: 978-0-201-40357-2 pbk

Bibliografia Complementar

Hudak Paul; The Haskell school of expression. ISBN: 978-0-521-64338-2

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Aulas de exposição usando quadro e projeção de slides. Aulas laboratoriais com computador.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Exame 50,00
Teste 50,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Estudo autónomo 90,00
Frequência das aulas 52,00
Total: 142,00

Obtenção de frequência

Os alunos que não obtiverem um mínimo de 6 valores (em 20), no teste intercalar, não poderão realizar o exame de época normal. Todos os alunos poderão realizar o exame de recurso.

Fórmula de cálculo da classificação final

Teste intercalar (50% de peso na nota final).
Exame (50% de peso na nota final). 
Sendo TI a classificação obtida no teste intercalar e e EX a
classificação obtida no exame, então a nota final é dada por:
F = TI*(0.5) + EX*(0.5) 
TI,EX >= 6 e F >= 9.5
Não obterão aprovação, os alunos que não obtiverem um mínimo de 6 valores (em 20), em cada componente e um mínimo de 9.5 valores de nota final.
O exame de recurso, será cotado para 20 valores.

Avaliação especial (TE, DA, ...)

N/A

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2022 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2022-10-06 às 10:52:53 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias