Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Projetos > Projeto: POCI-01-0247-FEDER-047264

Projeto: POCI-01-0247-FEDER-047264

Designação do projeto: THEIA - Automated Perception Driving
Código do projeto: POCI-01-0247-FEDER-047264
Região de Intervenção: Norte
Instituição proponente/ Promotor líder/ Entidade coordenadora: BOSCH
Parceiro(s) / Co-promotor(es) / Instituição(ões) participante(s): Faculdade de Ciências da Universidade do Porto; Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto; Reitoria da Universidade do Porto
Data de início: 2020-07-01
Data de conclusão: 2023-09-30
Custo Elegível do Projeto
Custo Total Elegível: 28.055.139,22 EUR
Custo Elegível na Universidade do Porto: 6.688.391,96 EUR
Faculdade de Ciências da Universidade do Porto: 3.044.495,09 EUR
Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto: 3.552.605,79 EUR
Reitoria da Universidade do Porto: 91.291,08 EUR
Apoio Financeiro Global
União Europeia - FEDER: 16.988.318,33 EUR
Apoio Financeiro à Universidade do Porto
Total da Universidade do Porto: 5.039.116,74 EUR
União Europeia | União Europeia - FEDER | Faculdade de Ciências da Universidade do Porto: 2.283.371,32 EUR
União Europeia | União Europeia - FEDER | Reitoria da Universidade do Porto: 68.468,31 EUR
União Europeia | União Europeia - FEDER | Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto: 2.664.454,34 EUR
Outros | Autofinanciamento | Reitoria da Universidade do Porto: 22.822,77 EUR
Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos
O projeto THEIA teve como objetivo a melhoria das capacidades sensoriais de veículos autónomos, implementando e validando algoritmos de perceção baseados nos dados recolhidos pelos seus sensores - com especial foco nos sensores LiDAR - para construir uma visão/perceção exata, robusta e segura da
sua envolvente exterior. Este projeto surgiu como resposta às exigências da condução autónoma, nomeadamente na busca de perceção integral da envolvente externa do veículo, de estimativa das condições externas que afetam a condução e da caracterização de cenários críticos por meio da
realização de testes e validação em contextos laboratoriais - de forma a garantir uma perceção mais avançada do que a do ser humano. Para responder a estes desafios técnicos o THEIA contou com 5 subprojetos: SP1 - Perceção Exata; SP2 - Perceção eficiente; SP3 - Representação de Conhecimento,
Inferência e Perceção Explicável; SP4 - Recolha de Dados e Validação; SP5 - Infraestrutura e Segurança
O THEIA, no que respeita à sua execução técnica global atingiu 116 entregáveis, 25 características inovadoras, 66 publicações técnico-científicas e tem em curso 9 pedidos de patente.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2024 © Reitoria da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2024-06-15 às 02:37:16 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias