Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Portal Académico > Candidato > Concursos Especiais
PORTAL ACADÉMICO

Candidato

Imagem Legos - Constrói o teu futuro

Concursos Especiais

Calendário de candidaturas para os concursos especiais de ingresso no ensino superior em 2021/2022
Processo de candidatura Titulares de Outros Cursos Superiores
Maiores de 23 anos
Mudança de Par Instituição/Curso

  
         Reingresso                                    
Apresentação de candidaturas 8 a 31 de julho de 2021  1 de julho a 31 de agosto de 2021

Afixação dos resultados provisórios

21 de agosto de 2021  n.a.

Audiência prévia

23 de agosto a 3 de setembro de 2021  n.a.

Afixação de resultados definitivos

6 de setembro de 2021  6 de setembro de 2021
Apresentação de reclamações
13 de setembro a 1 de outubro de 2021  13 de setembro a 1 de outubro de 2021

Publicação da decisão sobre as reclamações

8 de outubro de 2021  8 de outubro de 2021
Matrículas 6 a 10 de setembro de 2021  6 a 10 de setembro de 2021

Eventual colocação de suplentes

14 a 21 de setembro de 2021  n.a

Modo de notificação dos candidatos

online e mail da candidatura online e mail da candidatura

Ver aqui a tabela de vagas de cada curso  

Titulares de Outros Cursos Superiores (Estudante Nacional/U.E.)


Todos os candidatos que sejam titulares de uma licenciatura podem candidatr-se à FLUP através deste regime de ingresso. As candidaturas são efetuadas ao abrigo do Decreto-lei nº 393-B/99 de 2 de outubro, regulamentado pela portaria nº 1081/2001 de 5 de setembro, pela portaria 854-A-99 de 4 de outubro, pela portaria nº 394/2002 de 12 de abril, Decreto-Lei nº 36/2014 de 10 de março de 2014 e pelo Decreto-Lei nº 113/2014 de 16 de julho .


Condições de admissão:

  • Titulares do grau de bacharel,
  • licenciado,
  • mestre ou doutor.

E que, cumulativamente:

  • Satisfaçam os pré-requisitos, quando exigidos pelo curso;
  • Não estejam abrangido pelo estatuto do estudante internacional;
  • Os titulares dos extintos cursos do Magistério Primário, de Educadores de Infância e de Enfermagem Geral que comprovem, simultaneamente, a titularidade de um curso do ensino secundário, complementar do ensino secundário ou do 10.º/11.º anos de escolaridade.

Documentos a submeter no ato da candidatura via web:

  • Documento de identificação;
  • Curriculum Vitae;
  • Certidão de unidades curriculares realizadas;
  • Certidão de conclusão do grau.

Critérios de seriação:

  • Maior Grau Académico com Melhor Média de Curso.

Critérios de seriação de desempate:
  • Maior Grau Académico com Melhor Média de Curso.

 


Maiores de 23 anos (Estudante Nacional/U.E.)



Procedimentos:

1.º Passo - 
Candidatura às provas. 
2.º Passo - 
Pagamento de 30 euros, referente à taxa da candidatura, conforme a tabela de emolumentos.
3.º Passo - 
Realização das provas e entrevistas.
4.º Passo - 
Afixação de resultados finais (reapreciação da classificação obtida com o pagamento de 80 euros).
5.º Passo - 
Candidatura às vagas do curso.
6.º Passo -
Pagamento da taxa de 55 euros.
7º Passo - 
Afixação da lista de estudantes colocados, não colocados e excluídos.
8º Passo - 
Matrícula de estudantes colocados.


Condições de inscrição nas Provas:

  • Apenas podem inscrever-se para realização das provas candidatos que completem 23 anos de idade até ao dia 31 de Dezembro do ano que antecede a realização das provas;
  • Sejam titulares de grau de habilitação incluindo o 12º ano ou superior;
  • Não sejam titulares da habilitação de acesso ao ensino superior.
  • Os militares que tenham prestado, no mínimo, um ano de serviço efetivo em Regime de Contrato, quatro anos de serviço efetivo em Regime de Contrato Especial têm prioridade no acesso a 2,5% das vagas colocadas a concurso nos termos previstos no Decreto-Lei n.º 76/2018, de 11 de outubro desde que cumulativamente:       
    a)    cumpram com as condições previstas no artigo 2.º do Regulamento das Provas Especialmente Destinadas a Avaliar a Capacidade para a Frequência da Universidade do Porto por Candidatos Maiores de 23 anos;
    b)    nunca tenham estado matriculados em instituição de ensino superior público.


Condições de candidatura:

  • Podem candidatar-se a este concurso local os estudantes aprovados nas provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior dos maiores de 23 anos.


Documentos a submeter no ato da candidatura via web:

  • Documento de identificação.


Critérios de seriação:

  • Melhor média do candidato obtida nas provas realizadas.

Critérios de seriação de desempate:
  • Melhor média do candidato obtida nas provas realizadas.

Procedimentos:

1.º Passo - 
Candidatura às provas. 
2.º Passo - Pagamento de 30 euros, referente à taxa da candidatura, conforme a tabela de emolumentos.
3.º Passo - Realização das provas e entrevistas.
4.º Passo - Afixação de resultados finais (reapreciação da classificação obtida com o pagamento de 80 euros).
5.º Passo - Candidatura às vagas do curso.
6.º Passo - Pagamento da taxa de 55 euros.
7º Passo - Afixação da lista de estudantes colocados, não colocados e excluídos.
8º Passo - Matrícula de estudantes colocados.

Consulte a notícia no portal da FLUP.



Os candidatos aprovados devem consultar o prazo, as vagas e os documentos necessários para a candidatura aos Concursos Especiais para os maiores de 23 anos.

Consulte a legislação

A obtenção de uma classificação final igual ou superior a 9,5 valores não garantem a entrada no Ensino Superior.


Mudança de Par Instituição/Curso


A candidatura a mudança de par instituição/curso destina-se a estudantes que pretendem matricula/inscrição em par instituição/curso diferente daquele em que em anos letivos anteriores esteve inscrito, tendo havido ou não interrupção de inscrição num curso superior.

A candidatura pode ser realizada no mesmo estabelecimento do ensino superior ou noutro. O concurso à mudança de par instituição/curso é efetuado ao abrigo do Regulamento n.º 749/2019 (Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso da Universidade do Porto).


Podem requerer mudança de par instituição/curso os estudantes que:

  • tenham estado inscritos num curso superior num estabelecimento de ensino superior e não o tenham concluído.
  • tenham realizado os exames nacionais do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso fixadas para esse curso, para esse ano letivo, no âmbito do regime geral de acesso. Tenham nesses exames a classificação mínima exigida pela instituição de ensino superior, nesse ano, para acesso ao mesmo curso.

Documentos a submeter no ato da candidatura:

  • Certidão das disciplinas do estabelecimento do ensino superior em que obteve aprovação com indicação do regime (semestral ou anual) e nº de UC/ECTS.
  • Caso não obtenha a certidão contendo todos estes elementos, deverá acrescentar lista discriminativa das disciplinas realizadas, com a informação em falta.
  • Alunos da instituição devem anexar apenas lista discriminativa das disciplinas realizadas com indicação do regime (semestral ou anual) e nº de UC/ECTS.
  • Se não obteve aprovação em disciplinas, certidão de inscrição no ensino superior.
  • Para habilitações obtidas no estrangeiro, os documentos devem ser autenticados pelos serviços oficiais de educação do respetivo país e reconhecido pela autoridade diplomática ou consular portuguesa ou trazer a apostilha da Convenção de Haia.O mesmo deve acontecer relativamente às traduções de documentos cuja língua original não seja a espanhola, francesa ou inglesa. (Obrigatório)
  • Certidão de aprovação nas (ou de equivalência às) disciplinas do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso exigidas para a candidatura (Obrigatório)
  • Documento de identificação. Se não tiver submetido cópia do documento de identificação, deverá apresentar obrigatoriamente o documento original nos Serviços Académicos da Faculdade, dentro do prazo fixado para as candidaturas, para verificação dos dados inseridos. A candidatura só ficará confirmada depois desta validação. (Opcional)
  • Outros documentos que considere pertinentes para a aplicação dos critérios de seriação (Opcional)

 


Critérios de seriação:

  • Melhor nota obtida nas provas de ingresso exigidas para o curso que pretende frequentar;
  • Maior Número de ECTS realizados no Ensino Superior;
  • Para poder aceder às vagas de:
    -  2º ano -  o candidato terá de ver reconhecido pelo Diretor de Curso, pelo menos 48 ECTS referentes ao 1º ano do Ciclo de Estudos a que se candidata;
    - 3º ano - o candidato terá de ver reconhecido pelo Diretor de Curso, pelo menos 108 ECTS referentes ao 1º e 2º anos do Ciclo de Estudos a que se candidata.

Critérios de seriação de desempate:

  • Melhor classificação da prova relevante para o acesso ao ciclo de estudos, de acordo com o preceituado nos artigos 9.º, 10.º e 12ª da Portaria n.º 181-D/2015

 



Reingresso

O concurso a reingresso é efetuado ao abrigo do Regulamento n.º 749/2019 (Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso da Universidade do Porto).
  • É o ato pelo qual um estudante, após uma interrupção dos estudos num determinado curso e estabelecimento de ensino superior, se matricula no mesmo estabelecimento e se inscreve no mesmo curso ou em curso que lhe tenha sucedido.
  • O estudante que esteja prescrito num determinado ano letivo e que pretenda inscrição no ciclo de estudos terá que realizar candidatura a reingresso uma única vez no mesmo ciclo de estudos.



A candidatura a reingresso não está sujeita a vagas.

Podem requerer o reingresso os estudantes que tenham estado matriculados e inscritos no mesmo estabelecimento de ensino superior nacional no mesmo curso ou em curso que o tenho antecedido. É necessária a apresentação do documento de identificação.


Notas Gerais:

  • Taxa de candidatura no valor de 55 euros, não reembolsável.
  • A creditação da formação anterior (equivalências) é solicitada no ato da inscrição.




Vagas 2021/2022



1.º ciclo Curso

Concurso Local


Concurso Nacional de Acesso

Mudança de Par Instituição/Curso

Maiores de 23 anos Titulares de Outros Cursos Superiores Regime Geral
1º Ano 2º e 3º Ano
Arqueologia

1 1 2 2 29
Ciência da Informação

1 0 6 0 38
Ciências da Comunicação

8 10 15 2 74
Ciências da Linguagem

1 1 2 1 24
Estudos Portugueses

1 0 2 2 20
Filosofia

3 4 4 3 50
Geografia

3 3 6 3 69
História

3 3 13 2 67
História da Arte

1 0 3 2 32
Línguas Aplicadas

5 5 5 1 51
Línguas e Relações Internacionais

3 7 5 1 56
Línguas, Literaturas e Culturas

5 3 10 2 79
Sociologia

5 0 5 1 44





Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2021 © Faculdade de Letras da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2021-04-12 I  Página gerada em: 2021-04-13 às 04:40:09 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais