Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Manuel Rocha

Manuel Rocha

Fotografia de Manuel Joaquim Moreira da Rocha
Nome: Manuel Joaquim Moreira da Rocha
Sigla: MJMR
Estado: Ativo
0000-0002-5390-8587
Email Institucional: mrocha@letras.up.pt
Extensão Telefónica: 4275
Telf.Alt.: 226077172
Salas: B305

Funções

Categoria: Professor Auxiliar
Carreira: Pessoal Docente de Universidades
Grupo profissional: Docente
Departamento: Departamento de Ciências e Técnicas do Património

Cargos

Cargo Data de Início
Diretor de Departamento Departamento de Ciências e Técnicas do Património 2019-03-12

Apresentação Pessoal

Áreas de Investigação privilegiadas: História da Arquitetura dos séculos XVI-XIX; produção artística da Época Moderna; Arte Religiosa de expressão portuguesa; arquitetura habitacional e espaço urbano no Mundo de expressão Portuguesa. Património Artístico integrado.

Doutorado em História da Arte Portuguesa pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto em 2004, com a tese: “Das construções e das Reconstruções. A Memória de um Mosteiro (Santa Maria de Arouca - sécs. XVII-XX)”. Agregado em 2007.

Investigador Integrado do CITCEM/FLUP (Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória). Membro do Grupo de Investigação “Património Material e Imaterial”, coordenado por Lúcia Rosas.

Diretor do Departamento de Ciências e Técnicas do Património (2019-…).

Diretor do Museu de Arte Sacra do Mosteiro de Arouca, por nomeação da Real Irmandade da Rainha Santa Mafalda (2013-2015).

Diretor do Centro de Estudos D. Domingos de Pinho Brandão (1992- 2015)

Coordenador Científico do projeto, financiado pela ADRIMAG e outros financiamentos empresariais, da instalação da Biblioteca Memorial D. Domingos de Pinho Brandão, no Mosteiro de Arouca, classificado como Monumento nacional (2011-2015).

Colaborador científico, pro bono, de 1997 a 2010 com o Centro Regional do Cultura do Norte.

Coordenador de História da Arte no Projeto Sócrates/ Erasmus (2006-2014).

Coordenador da Revista de Ciências e Técnicas do Património, da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (2006-2013).

Diretor do Curso de Licenciatura em História da Arte (2004-2011).

Investigador do Projeto, financiado pela FCT (POCI/EAT/60952/2004), denominado “Artistas e Artífices no Norte de Portugal” (2004-2009).

Diretor da revista anual Poligrafia, do Centro de Estudos D. Domingos de Pinho Brandão, com registo nº 117009 (1992-2007).

Assistência e consultoria científica no âmbito das “Obras de Recuperação e Restauro do Mosteiro de Arouca”, a cargo do Instituto Português do Património Arquitetónico (2002-2009).

Colaborador com a Ordem dos Arquitetos – Secção Regional do Norte, desde 2019, como membro da Comissão de Aconselhamento do Centro de Estudos Norte 41º - Centro de Arquitectura, Criatividade e Sustentabilidade.

Orientou várias dezenas de projetos de Mestrado e de Doutoramento, nacionais e internacionais.

Publicou mais de uma centena de trabalhos de investigação científica, entre os quais se destacam:

. A Capela de Santo Ovídio de Caldelas - Um projecto vindo do Brasil. In “MVSEU”, Porto: Círculo Dr. José Figueiredo, IV série, n. 3, pp. 197-208.

. Manuel Fernandes da Silva - Mestre e Arquitecto de Braga 1693-1751, Porto: Centro de Estudos D. Domingos de Pinho Brandão.

. Arquitectura Barroca de Braga e o Mecenato dos Arcebispos. In RODRIGUES, Ana Maria (coord.) “Portugal Brasil/ Brasil Portugal Duas Faces de Uma Realidade Artística”, Lisboa: Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses, pp. 106-123.

. Luz e Cor: a ambiência na arquitectura: análise da igreja e do coro do Mosteiro de Santa Maria de Arouca. In "Actas do III Congresso Internacional sobre el Císter en Galícia y Portugal", Tomo I, Ourense: s/e, p. 567-581.

. Manifestações do Barroco Português – casas e quintas com Capela. In FERREIRA-ALVES, Natália Marinho (coord.) "A Encomenda. O Artista. A Obra", Porto: CEPESE, pp. 325-341.

. A Memória de um Mosteiro. Santa Maria de Arouca (Séculos XVII-XX). Das Construções e das Reconstruções, Porto: Edições Afrontamento.

. Dinâmicas da arquitetura barroca de Braga nos séculos XVII e XVIII: obras, artistas e encomendantes. In “Misericórdia de Braga”, nº 11, pp. 271-284.

. A Retórica do Espaço na Arquitetura Religiosa Portuguesa nos Séculos XVI a XVIII. In “Quintana. Revista do Departamento de Historia da Arte – A elocuencia da memoria. Arte, Oratoria e Retórica”, nº 16. Universidade de Santiago de Compostela.

. Espaços do sagrado: arquitetura, arte e liturgia. Spaces of the sacred architecture, art and liturgy. In “VIII Festival Internacional de Polifonia Portuguesa”. Fundação Cupertino de Miranda, pp. 17-95.

Investigação

Categoria: Não definida
Centro de Investigação & Desenvolvimento: Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória
Faculdade: Faculdade de Letras da Universidade do Porto
Recomendar Página Voltar ao Topo