Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > HTC201

História e Teoria da Comunicação

Código: HTC201     Sigla: HTC

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Ciências da Arte

Ocorrência: 2015/2016 - 2S Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Ciências da Arte e do Design
Curso/CE Responsável: Design de Comunicação

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
AP 22 Plano de estudos oficial 2011 3 - 3 30 81
4
DC 56 Licenciatura em Design de Comunicação 1 - 3 30 81

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Helder Manuel de Jesus Gomes Regente

Docência - Horas

Teórica: 2,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teórica Totais 2 4,00
Tiago Barbedo Assis 4,00

Língua de trabalho

Português

Objetivos

Destinando-se em regime obrigatório aos alunos da LDC e em regime optativo aos da LAP, a UC terá de tentar um equilíbrio entre os problemas da comunicação em 'regime tecnológico' (essencial para o DC) e as questões mais específicas colocadas pela relação conflitual entre Arte e Comunicação.

Resultados de aprendizagem e competências

Capacidade de reconhecimento da natureza e das características das situações de comunicação em que se encontram envolvidos de modo a encontrar maneiras e estratégias de nelas agir.

Modo de trabalho

Presencial

Programa

1. Semiótica e semântica.

2. Mito e História: A experiência e o método.

3. Escrita, informação e media.

4. O meio é a mensagem e a implosão do signo.

5. Espectador, espectáculo e emancipação.

6. Comunicação e linguagem como conflito em Arte e Design.

Bibliografia Obrigatória

Walter Benjamin; Sobre arte, técnica, linguagem e política, Relógio d'água
Kerckhove Derrick de; A^pele da cultura. ISBN: 972-708-341-2
McLuhan Marshall; Os^ meios de comunicação como extenções do homem. ISBN: 85-316-0258-0
Barthes Roland; Mitologias
Baudrillard Jean; Simulacros e simulação. ISBN: 972-708-141-X
Debord Guy; A sociedade do espectáculo. ISBN: 972-716-002-6
Mattelart Armand; História das teorias da comunicação. ISBN: 972-610-002-X

Bibliografia Complementar

Flora Davis; A comunicação não-verbal, Summus (Brasil)
Vilém Flusser; Ensaio sobre a fotografia, Relógio d'água
Roland Barthes; O óbvio e o obtuso, Edições 70
Jacques Rancière; O espectador emancipado, Orfeu negro
David Abram; A magia do sensível, Fundação C. Gulbenkian

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem


Processo misto de exposição oral, debate e apresentação de resultados de pesquisa por parte dos alunos.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Exame 50,00
Participação presencial 20,00
Prova oral 30,00
Total: 100,00

Obtenção de frequência

A avaliação incide na apreciação das actividades nas aulas e num trabalho de grupo realizado pelos estudantes, tendo por referência as preocupações da UC e as abordagens desenvolvidas das aulas, bem como as possíveis articulações exploradas pelos estudantes. As tês componentes de avaliação (participação presencial; prova oral e exame) são obrigatórias.

Prova oral:
O trabalho de grupo consiste em partir de um texto da bibliografia obrigatória e estabelecer um plano de discussão que seja apresentado pelo grupo à turma em contexto de aula.

Exame:
A partir desse plano de discussão deverá ser redigido um texto individual de cada estudante que se constitua como secção de um livro organizado pelo grupo. Desse modo, o plano de discussão deve prolongar-se na constituição dos textos do livro. O livro será entregue no dia marcado para o efeito em época de exame. Em casos excepcionais, discutidos com o docente, poderá ser entregue um texto individual em substituição do livro de grupo.

Nas duas componentes podem ser incluídos trabalhos práticos e laboratoriais.

O exame de recurso incide sobre as matérias e trabalhos desenvolvidos nas aulas.

Fórmula de cálculo da classificação final

O cálculo da classificação final é obtido pela ponderação dos parâmetros: Actividades e participação na aula (20%); Apresentação e discussão do trabalho de grupo (30%); Livro de grupo (20%); Texto individual no livro (30%).

Avaliação especial (TE, DA, ...)

Devem contactar o docente.

Melhoria de classificação

Frequência do ano seguinte.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2019-05-26 às 12:38:51 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais