Saltar para:

PLACES - Plataforma de Acessibilidade: Universidade do Porto e Fundação Calouste Gulbenkian

Atividade letiva online: organização e produção de conteúdos

Apresentamos aqui algumas dicas úteis, recolhidas e adaptadas de diferentes sítios web com muita experiência de trabalho na produção de conteúdos acessíveis, usados na formação à distância.

  1. A organização e apresentação dos conteúdos deve ser clara e concisa.
  2. Estruturação de cabeçalhos: use os cabeçalhos que já estão incorporados no sistema de gestão de aprendizagem (no nosso caso o MOODLE), no Word, Power Point, PDF etc e use modelos e layouts já existentes nos programas que está a usar para a produção de conteúdos (ver neste site os seguintes links sobre estes temas: Estilos e formatação)
  3. Descreva as hiperligações (por exemplo Estilos e formatação em vez de "Clique aqui" ou "aqui") saiba como fazer em Descrever hiperligações neste site
  4. Não use PDF que têm formato de imagem (ou seja, com texto que não pode ser copiado). Se usar um PDF ele deve ser acessível ou então deve ser criada uma alternativa acessível àquele conteúdo. Considere usar doc. word ou HTML com um design acessível. Pode ver como fazer nos seguintes links conversão PDF, verificação de acessibilidade e Power Point Acessível
  5. Forneça uma descrição sumária e concisa de informação que é apresentada nas imagens (veja como fazer neste link Imagens e elementos Gráficos
  6. Use fontes de texto não serifadas (Arial, verdana, etc) grandes e a bold e páginas que sejam o mais limpas possível (sem elementos de fundo que possam "distrair" da informação essencial). Quando escreve tenha em conta o seguinte: desdobre acrónimos, defina termos.
  7. Use combinações de alto contraste (úteis para pessoas com dificuldades da visão) e cores que possam ser lidas sem qualquer dúvida por daltónicos
  8. Tenha a certeza que pode percorrer toda a página e todo o conteúdo usando o teclado e escolha ferramentas de IT que sejam acessíveis;
  9. Legende vídeos e transcreva conteúdos áudio ou opte por ferramentas que o façam como o PANOPTO, p.ex. Se necessitar de legendar e transcrever pode usar ferramentas muito simples como as que se apresentam nas ligações a seguir - Legendagem Youtube ou legendagem usando www.amara.org/pt
  10. Dê instruções claras sobre as ferramentas tecnológicas que vai usar na formação à distância e indique igualmente onde se pode aprender mais sobre elas.
  11. Apresente os conteúdos sempre de múltiplas formas (por exemplo combine texto, vídeo, áudio e/ou imagem). Nunca restrinja a comunicação de um conteúdo importante apenas a uma forma de o comunicar, p. ex. algo que possa ser comunicado via áudio deve ter a correspondente transcrição em texto.
  12. As instruções para atividades e trabalhos devem ser muito simples e expressas de forma clara.
  13. Vá dando feedback do trabalho que vai sendo apresentado pelo estudante e ofereça diferentes oportunidades para estudante poder corrigir e apresentar versões revistas dos trabalhos, assim como o tempo adequado a cada um para completar os trabalhos solicitados.
  14. Sugira opções de comunicação e de colaboração que sejam acessíveis para pessoas com diferentes deficiências
  15. Ofereça igualmente diferentes opções para demonstrar conhecimentos (p.ex. diferentes tipos de testes e formas de avaliação, apresentações, discussões, etc)

Algumas referências que podem ser úteis


Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2024 © Universidade do Porto Termos e Condições Acessibilidade Índice A-Z Livro de Visitas
Última actualização: 2020-07-31 Página gerada em: 2024-04-20 às 08:32:23