Centenário da U.Porto
Celebrações do Centenário da Universidade do Porto, em 2011

Desde os primórdios da Universidade do Porto, no século XVIII, passando pela sua fundação oficial em 1911, até ao presente, foram muitos os momentos que marcaram o rumo da instituição ao longo da sua história. A encabeçar essas memórias está a criação das diversas faculdades, centros de investigação e outras valências que, ao longo dos anos, foram cimentando a “casa” da academia. Mas nesta viagem ao passado cabem também outros momentos que, pela sua simbologia, carga simbólica e impacto social, merecem ser perpetuados na memória da Universidade. Eis alguns deles:

ANTES DE 1911 (+)

1762: Criação da Aula de Náutica (1762 – 1803) (+)
1779: Criação da Aula de Debuxo e Desenho (1779 – 1803) (+)
1803: Criação da Academia Real de Marinha e Comércio da Cidade do Porto (1803 – 1837) (+)
1825: Criação da Régia Escola de Cirurgia do Porto (1825 – 1836) (+)
1837: Academia Real transformada em Academia Politécnica do Porto (1837 – 1911) (+)
1836: Régia Escola transformada em Escola Médico-Cirúrgica do Porto (1836 – 1911) (+)
1836: Criação da Escola de Farmácia (1836 – 1911) (+)
1836: Criação da Academia Portuense de Belas Artes (+)
1881: A Academia Portuense de Belas Artes dá origem à Escola Portuense de Belas Artes, que antecede a criação, em 1950, da Escola Superior de Belas Artes, ascendente direto das faculdades de Arquitetura e de Belas Artes da U.Porto. (+)

DEPOIS DE 1911 (+)

22 de março de 1911: Nasce a Universidade do Porto! É publicado o decreto que cria a Universidade do Porto, através da fusão da Academia Politécnica, agora Faculdade de Ciências (FCUP), com a escola anexa de Engenharia (futura Faculdade de Engenharia), e da Escola Médico-Cirúrgica, agora Faculdade de Medicina (FMUP), com a escola anexa de Farmácia (futura Faculdade de Farmácia).

16 de julho de 1911: Eleição do primeiro Reitor da U.Porto, o matemático Francisco Gomes Teixeira.

27 de novembro de 1915 – Criação da Faculdade Técnica (Faculdade Engenharia desde 17 de dezembro de 1926).

20 de junho de 1917 – Rodrigo Sarmento de Beires torna-se no primeiro Doutor pela Universidade do Porto (Faculdade de Ciências / Ciências Matemáticas).

4 de agosto de 1919 – Criação dos institutos de investigação científica de Anatomia e Histologia na Faculdade de Medicina, tidos como o embrião da produção científica na U.Porto.

9 de setembro de 1919 – Criação da primeira Faculdade de Letras. Será extinta em 1928.

3 de janeiro de 1921 – Criação da Faculdade de Farmácia (FFUP).

13 de abril de 1921 – A U.Porto, através da Faculdade de Ciências, atribui pela primeira vez o grau de Doutor Honoris Causa. Os distinguidos são o Marechal Joseph Joffre (França), o Generalíssimo Armando Diaz (Itália) e o General Dorrien-Smith (Inglaterra), generais das tropas aliadas durante a I Guerra Mundial.

13 de abril de 1937 – Centenário da Academia Politécnica do Porto. A data é assinalada com a inauguração dos edifícios da Faculdade de Engenharia, na Rua dos Bragas, e da Faculdade de Farmácia, na Rua Aníbal Cunha.

23 de novembro de 1944 – Leopoldina Paulo torna-se na primeira mulher doutorada pela Universidade do Porto (Faculdade de Ciências / Biologia).

28 de abril de1953 – Inauguração do Estádio Universitário do Porto.

28 de maio de 1953 – Fundação da Faculdade de Economia (FEP).

1951 – Instalação do Jardim Botânico do Porto na Quinta do Campo Alegre.

1959 – Fundação do Hospital de S.João, no qual passa a funcionar a Faculdade de Medicina.

18 de agosto de 1961 – Criação da nova Faculdade de Letras (FLUP), que abre portas em 1962.

19 de abril de 1974 – Um incêndio destrói a ala norte do Edifício Histórico da Universidade. Os edifícios da FFUP (maio de 1975), do ICBAS (1992) e novamente da Reitoria (2008) também virão a ser atingidos por incêndios até aos dias de hoje.

Maio de 1974 – Ruy Luis Gomes é o primeiro reitor da U.Porto eleito após o 25 de abril de 1974 (data que marcou a queda do Estado Novo, regime ditatorial que vigorou em Portugal entre 1933 e a “Revolução dos Cravos”).

5 de maio de 1975 – Criação do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS).

3 de dezembro de 1975 – Criação do Instituto Superior de Educação Física, atual Faculdade de Desporto (FADEUP).

21 de dezembro de 1979 – Criação da Faculdade de Arquitetura (FAUP) a partir da integração do Curso de Arquitetura da Escola Superior de Belas Artes do Porto (ESBAP).

5 de novembro de 1980 – Criação da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCEUP).

8 de novembro de 1988 – Constituição do Instituto Superior de Estudos Empresariais (ISEE), génese da Porto Business School, a escola de negócios da U.Porto.

6 de janeiro de 1989 – Criação da Faculdade de Medicina Dentária (FMDUP).

Início dos anos 90’s – Criação de três dos mais reputados centros de investigação da U.Porto: oInstituto de Patologia e Imunologia Molecular (IPATIMUP); o Instituto Nacional de Engenharia Biomédica (INEB); e o Instituto de Biologia e Medicina Celular (IBMC).

1987 – Os estudantes da U.Porto participam ela primeira vez no Programa Erasmus.

30 de outubro de 1992 – Criação da Faculdade de Belas Artes (FBAUP) a partir da integração dos grupos de pintura, escultura e design da comunicação da Escola Superior de Belas Artes (ESBAP).

8 de julho de 1994 – Criação da Faculdade de Direito (FDUP)

Julho de 1996 – Criação do Instituto Superior de Ciências da Nutrição e Alimentação da U.Porto (ISCNAUP), denominado Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação (FCNAUP) a partir de julho de 1999.

Outubro de 2000 – Abertura da Licenciatura em Jornalismo e Ciências da Comunicação da U.Porto, iniciativa conjunta das faculdades de Letras (sede), Economia, Belas Artes e Engenharia

Novembro de 2000 – Constituição dos primeiros Laboratórios Associados na U.Porto: IBMC/INEB e IPATIMUP.

15 de setembro de 2006 – Constituição da UPTEC – Associação de Transferência de Tecnologia da Asprela , entidade gestora do Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto.

3 de Agosto de 2007 – A U.Porto surge pela primeira vez no lote das 500 melhores universidades do mundo, segundo “Academic Ranking of World Universities”.

2008/2009 – Cursos da U.Porto plenamente adaptados ao modelo de Bolonha

22 de março de 2011 – Celebração do primeiro Centenário da Universidade. A Universidade afirma-se entre as 100 melhores universidades europeias!