Aeroporto Internacional Francisco Sá Carneiro

Situado no Norte de Portugal, e com acessos por via terrestre e aérea, o Porto é uma cidade de alcance bastante fácil. A via fluvial não é utilizada atualmente, embora haja passeios turísticos no Rio Douro, ideais para aproveitar a beleza da paisagem e a navegabilidade do rio.

Aterrar no Porto

Por via aérea é possível chegar ao Porto a partir de qualquer parte do mundo, diretamente ou com recurso a escalas. O aeroporto que serve a cidade é o Aeroporto Internacional Francisco Sá Carneiro, situado a cerca de 11 km a norte do centro do Porto. A principal companhia aérea portuguesa é a TAP Portugal, com numerosos balcões nas cidades para as quais efetua ligações. Para além disso, existe um número cada vez maior de companhias aéreas internacionais que voam para o Porto – muitas das quais companhias de tarifas reduzidas (low cost).

As ligações à cidade podem ser feitas através de transportes públicos, táxis, ou recorrendo ao serviço de rent-a-car.

Metro

A Linha Violeta ou (Linha E) do Metro do Porto assegura a ligação entre o Aeroporto Internacional Francisco Sá Carneiro e a estação do estádio do Dragão, em pouco mais de 30 minutos.

Autocarros

Três linhas da rede STCP (Sociedade de Transportes Colectivos do Porto) fazem a ligação entre o aeroporto Francisco Sá Carneiro e o centro da cidade, passando por diversas zonas. As linhas 601 (Cordoaria – Aeroporto), 602 (Cordoaria – Aeroporto – via Padrão de Moreira) e 604 (Hosp. S. João – Aeroporto – via Crestins) funcionam entre as 5h30 e a 00h30, com uma frequência de cerca de 25 minutos.

Táxi

No aeroporto encontra-se disponível um serviço de táxi. Como referência, a tarifa média, a partir do Aeroporto Francisco Sá Carneiro para a cidade, é de cerca de 20,00 EUR. O preço a cobrar não aumenta pelo facto de o táxi ser ocupado por um, dois, três ou quatro passageiros.

Rent-a-car

No aeroporto do Porto existem diversas empresas de rent-a-car. Para alugar um carro, é apenas necessário dirigir-se ao balcão da rent-a-car na zona das chegadas do aeroporto, ou fazer a reserva antecipadamente.

Chegar por Via Terrestre

Por via terrestre o acesso ao Porto faz-se por autocarro, comboio ou automóvel.

Acessos Rodoviários

A rede viária está em fase de expansão por forma a encurtar as distâncias e a melhorar as condições de acesso à fronteira e às principais cidades do país. Do Porto saem três autoestradas, em direção a Lisboa (A1), ao Minho (A3) e a Trás-os-Montes (A4), para além de uma importante via rápida que liga o Porto a Valença (A28).

Ainda por via terrestre, o Porto encontra-se ligado a vários destinos na Europa por serviços regulares de autocarros. As empresas com maior número de destinos são a Rede Nacional de Expressos, e a InterNorte, esta última com ligações a praticamente todas as principais cidades europeias, via Paris. Há outras empresas de transportes rodoviários a fazer ligações ao norte do país (Rua Alfredo Magalhães), ao sul do país (Rua Alexandre Herculano) e em muitas outras direções (Campo 24 de Agosto, no Central Shopping).

Acessos Ferroviários

O acesso ao Porto também pode ser feito de comboio, através da CP, que disponibiliza frequentes ligações internacionais. A cidade é servida por duas estações principais: Estação de Campanhã (para ligações internacionais e a Lisboa, além de servir as regiões do Douro e Minho); e Estação de S. Bento (para ligações regionais e à Galiza, servindo também as regiões do Douro e Minho, bem como as áreas de Aveiro e Coimbra).

Transportes Urbanos

Dentro da cidade o serviço de transportes públicos é assegurado sobretudo por autocarro (STCP) e metro (Metro do Porto).

Descobre mais sobre os Transportes na cidade do Porto.