Saltar para:
Logótipo SIGARRA U.Porto
This page in english A Ajuda Contextual não se encontra disponível Autenticar-se
Você está em: U. Porto > I&D > Investigação, Desenvolvimento e Inovação na Universidade do Porto: Políticas

I&D

Políticas de I&D+i da Universidade do Porto

Banner para ligação às regras para construção do endereço institucional, na página web

O objetivo de afirmar a U.Porto como uma Research University terá de se traduzir, não só num aumento efetivo da quantidade da investigação produzida, mas também e sobretudo, na qualidade dessa investigação, a aferir quer pela comunidade académica, quer, sobretudo, pela comunidade em geral através da aplicação e valorização económica dos resultados da investigação e pela sua orientação para a resolução de problemas de grande relevância social.
Compete, então, à U.Porto garantir aos seus docentes e investigadores, bem como, à comunidade científica que lhe é externa, a existência de um efetivo estímulo ao desenvolvimento da investigação e da inovação, visível na efetiva criação de condições para o desenvolvimento da atividade investigadora e na aposta na valorização económica dos resultados da investigação.
Para o conseguir, a U.Porto propõe-se ir ao encontro dos anseios dos investigadores e da comunidade através do desenvolvimento da capacidade:

  • de atrair e reter (os) melhores investigadores;
  • de definir áreas estratégicas baseadas nas efetivas necessidades da comunidade em que a U.Porto se insere e nos grandes desafios científicos e tecnológicos da sociedade;
  • de fomentar o acesso a redes de investigação internacionais;
  • de melhorar as condições de financiamento da investigação;
  • de estimular e valorizar as atividades de investigação nomeadamente através da sua integração e articulação com o ensino ao nível da pós-graduação (2º e 3 º ciclos);
  • de promover a articulação entre Unidades de Investigação da U.Porto;
  • de aumentar a visibilidade da investigação desenvolvida na U.Porto;
  • de dinamizar parques/centros de ciência e tecnologia.


Dominando estas capacidades, competências e processos, e apostando no seu efetivo desenvolvimento, a U.Porto estará em condições de criar o ambiente propício ao desenvolvimento da investigação e à alocação de recursos a projetos com visibilidade e com elevado potencial de posterior valorização económica, o que trará prestígio adicional à Universidade criando um ciclo virtuoso de desenvolvimento científico.

Principais ações

Tendo como objetivo assegurar que a investigação e desenvolvimento da U.Porto se traduza em valor acrescentado nos contextos nacionais e internacionais, a U.Porto propõe-se desenvolver uma linha de política que privilegie as seguintes ações:

  • Promover reflexão sobre as áreas estratégicas prioritárias de investigação da Universidade tendo em conta, nomeadamente, as áreas emergentes a nível internacional e as áreas nas quais a U.Porto já demonstrou ter competências ímpares.
  • Consolidar e dinamizar relações de proximidade entre as várias unidades de investigação que constituem o universo da U.Porto, desenvolvendo-se para tal uma estratégia concertada para a investigação. Tal estratégia será apoiada nas melhores práticas dos centros de excelência e preservará a diversidade, bem como a identidade de cada unidade.
  • Desenvolver ações de divulgação interna e externa do trabalho realizado por cada unidade de I&D e abordar as fontes de financiamento de forma concertada, promovendo-se uma maior partilha e optimização de recursos materiais e imateriais.
  • Assegurar um maior estímulo à divulgação dos resultados da investigação científica da U.Porto, premiando-se quer a publicação em jornais científicos, quer a participação em conferências internacionais de prestígio.
  • Promover a partilha de conhecimento com o exterior, criando-se um canal de comunicação bidimensional que facilite a disseminação dos resultados de I&D e que convide a sociedade a procurar a colaboração da U.Porto em determinadas áreas de investigação, desenvolvimento e serviços.
  • Promover a partilha de equipamento e outros recursos e proceder à sua aquisição após enquadradas as necessidades específicas dos investigadores e atendendo a fontes de financiamento alternativas.
  • Auxiliar a integração das equipas de investigação em redes de investigação internacionais e facilitar o acolhimento de investigadores visitantes.
  • Diversificar e alargar mecanismos de financiamento à investigação, divulgando-se os instrumentos de financiamento disponíveis, reforçando-se os mecanismos de apoio à submissão de candidaturas e estreitando-se as relações com o mundo empresarial, no sentido de promover projetos em cooperação ou projetos ao abrigo de doações, legados, patrocínios ou mecenato.
  • Promover solução para reenquadramento da carreira de investigação da U.Porto.
  • Reforçar os programas de apoio à iniciação de investigação de estudantes não graduados na U.Porto e implementar um programa de estímulo a trabalhos, estudos e ensaios que conduzam, em momento ulterior, à definição de projetos de média e grande dimensão a submeter à apreciação de financiamento externo.
  • Divulgar, promover e aplicar a política de Proteção da Propriedade Intelectual da U.Porto, contribuindo-se para a valorização económica dos resultados de I&D no seio da Universidade.
  • Fomentar o escrutínio tecnológico, estimulando-se a divulgação dos resultados que tenham potencial para comercialização ou para a criação de empresas através, nomeadamente, da definição de incentivos à participação em concursos de ideias nacionais ou internacionais.
  • Apoiar a formação em empreendedorismo e estimular a criação de empresas de base tecnológica, recorrendo-se a parcerias estratégicas com as redes de capital de risco e outros facilitadores de empreendedorismo – tais como parques de ciência e tecnologia e incubadores de empresas.

Endereço Institucional da Produção Científica, Cultural e Artística da autoria de Membros da Comunidade Académica da Universidade do Porto

No endereço institucional de toda a produção científica, cultural e artística da autoria de membros da comunidade académica da U.Porto deve constar obrigatoriamente, de modo explícito, claro e inequívoco, a designação "Universidade do Porto".

O endereço institucional deve ter o seguinte formato:

"Entidade YYY, Faculdade XXX, Universidade do Porto, rua AAA, 4BBB – CCC Porto, Portugal"

onde:

  • Caso se aplique, a "Entidade YYY" designa o Laboratório, Centro, Instituto, Laboratório Associado ou outra unidade de I&D em que esteja integrado(a) o(a) autor(a);
  • Caso se aplique, a "Faculdade XXX" designa a Faculdade em que esteja integrado(a) o(a) autor(a).
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2018 © Universidade do Porto Termos e Condições Acessibilidade Índice A-Z Livro de Visitas
Última actualização: 2014-03-13 Página gerada em: 2018-04-24 às 00:08:16