Saltar para:
Logótipo SIGARRA U.Porto
This page is not available in english A Ajuda Contextual não se encontra disponível Autenticar-se
Você está em: U. Porto > Memória U.Porto > Doutores Honoris Causa pela U.Porto - José de Magalhães Pinto

Memória U.Porto

Doutores Honoris Causa pela Universidade do Porto

José de Magalhães Pinto


Fotografia de José de Magalhães Pinto

Proposta: Faculdade de Economia
Data: 27 de junho de 1968


José de Magalhães Pinto, filho de José Caetano de Magalhães Pinto e de Maria de Magalhães Pinto, nasceu a 28 de junho de 1909 em Santo António do Monte, Minas Gerais, Brasil.

Frequentou os estudos liceais no Instituto Comercial Mineiro, estudou Ciências Económicas e cursou Direito.

José de Magalhães Pinto trabalhou como banqueiro, professor e advogado. Foi deputado federal (1946-1947, 1950-1955, 1959-1961, 1966-1967 e 1967-1971), governador de Minas Gerais (1961-1966), senador (1971-1978), ministro das Relações Exteriores e Secretário de Finanças.

Publicou trabalhos na “Revista de Informação Legislativa” e no “Boletim da Sociedade Brasileira de Direito Internacional” e obras como os “Fundamentos da política exterior do Brasil” (1967).

Foi agraciado com a Grã-Cruz das ordens de mérito Militar, Naval, Aeronáutico e da Ordem do Rio Branco (Brasil), da Ordem de Santo Olavo (Noruega), da Ordem Nacional de José Matias Delgado (El Salvador), da Ordem Libertador San Martin (Argentina), da Ordem Militar de Cristo (Portugal), da Ordem de Rubem Dario (Nicarágua), da Ordem de Mérito (Chile), da Ordem Piana (Santa Sé), da Ordem de St. Michael e St. George (Grã-Bretanha) e da Ordem de Mérito da República Federal da Alemanha.
José de Magalhães Pinto foi, também, Grande Oficial da Ordem de Mérito Aeronáutico (Brasil), agraciado com o Grande Cordão da Ordem da República da Tunísia e a Grande Cruz da Ordem Soberana de Malta. Foi membro da Ordem do Sol Nascente (Japão), da Ordem da Solidariedade (Conselho de Piracicaba, Brasil), da Ordem de Mérito Jurídico, cavalheiro da Grã-Cruz de Honra (Istambul), Gão-Mestre do Grande Colar (1975-1976). A Universidade Rural de Viçosa (Minas Gerais, Brasil) e a Universidade do Porto, por proposta da Faculdade de Economia da Universidade do Porto, atribuíram-lhe o título de doutor honoris causa em 1968. Recebeu, ainda, o diploma da Escola Superior de Guerra e as chaves de ouro de Tóquio.

Faleceu em 6 de março de 1996.
(Universidade Digital / Gestão de Informação, 2013)

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Universidade do Porto Termos e Condições Acessibilidade Índice A-Z Livro de Visitas
Última actualização: 2016-12-20 Página gerada em: 2019-01-23 às 10:09:39