Saltar para:
Logótipo SIGARRA U.Porto
This page in english A Ajuda Contextual não se encontra disponível Autenticar-se
Você está em: U. Porto > Memória U.Porto > Júlio Ramos: Homenagens/Exposições

Memória U.Porto

Júlio Ramos

Homenagens

1838 Após 15 anos de carreira docente, na Escola Industrial Faria Guimarães, foi homenageado numa Sessão Solene que decorreu no Teatro Nacional São João, no Porto
1843 Exposição de homenagem no Salão Silva Porto, Porto
O nome deste pintor foi dado a uma rua do Porto que já se chamou Travessa Igreja de Paranhos, a uma Travessa em Guilhabreu, Vila do Conde, e a uma Praceta na freguesia de Monte Abraão, em Queluz

Exposições

1887 XV Exposição Trienal da Academia Portuense de Belas Artes
1896 Exposição em Berlim, na qual vendeu o quadro "A filha do caseiro"; Salon de Paris
1897 Salon de Paris
Exposição colectiva na Fotografia Guedes
1898 Grémio Artístico, Lisboa (2ª Medalha)
1900 Exposição Universal de Paris (3ª Medalha com "Entrada de Barcos na Bretanha")
1908 Exposição Nacional, Rio de Janeiro
1912 Exposição Nacional, Rio de Janeiro (Medalha de Ouro com "A entrada de Barcos" – quer a medalha, quer o quadro perderam-se na viagem de regresso, no naufrágio do vapor Santo André)
1914 Palácio da Bolsa, Porto
1916 Sociedade Nacional de Belas Artes, Porto
1921 Átrio da Misericórdia, Porto
1927 Átrio da Misericórdia, Porto
1933 Salão Silva Porto, Porto
1938 Sociedade Nacional de Belas-Artes, Lisboa
1940 Sociedade Nacional de Belas-Artes, Lisboa
1943 Exposição retrospectiva de homenagem no Salão Silva Porto, Porto

Exposições Póstumas

1947 "Exposição Póstuma do mestre Júlio Ramos", entre 21 e 31 de Março, no Salão Silva Porto, Porto
1963 Exposição na casa onde habitou, em Guilhabreu, Vila do Conde
1983 Exposição no Museu Nacional de Soares dos Reis, Porto
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Universidade do Porto Termos e Condições Acessibilidade Índice A-Z Livro de Visitas
Última actualização: 2009-11-10 Página gerada em: 2019-04-23 às 02:16:00