Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Publicações > Visualização > Haverá diferenças de género nas funções neurocognitivas de doentes esquizofrénicos institucionalizados, avaliados através da ACECF (Avaliação Cognitiva Estandardizada Conde Ferreira)?: resultados de um estudo piloto

Haverá diferenças de género nas funções neurocognitivas de doentes esquizofrénicos institucionalizados, avaliados através da ACECF (Avaliação Cognitiva Estandardizada Conde Ferreira)?: resultados de um estudo piloto

Título
Haverá diferenças de género nas funções neurocognitivas de doentes esquizofrénicos institucionalizados, avaliados através da ACECF (Avaliação Cognitiva Estandardizada Conde Ferreira)?: resultados de um estudo piloto
Tipo
Artigo em Revista Científica Nacional
Ano
2005
Autores
F. Palha
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
C. Rebelo
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
G. Barros
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
M. Castro Henrique
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
R. Queiroz
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
H. Gomes
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
J. Carvalho
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
João Marques Teixeira
(Autor)
FPCEUP
Revista
Vol. 7 3
Páginas: 9-12
Editora: VVKA
Classificação Científica
CORDIS: Ciências da Saúde > Ciências Médicas > Medicina > Psiquiatria
Outras Informações
Resumo (PT): Este estudo pretende fazer uma primeira abordagem à hipotética variação do desempenho cognitivo em função do género dos doentes com esquizofrenia. Para tal, os autores avaliaram cognitivamente, através da ACECF, 9 doentes do sexo feminino e 12 do sexo masculino, todos com diagnósticos de esquizofrenia e institucionalizados há mais de 3 anos. Concluiriam que a utilização de critérios de défice altamente restritivos (dois desvios-padrão abaixo da média) não discriminam entre os dois grupos. No entanto, com critérios menos restritivos (1 desvio-padrão abaixo da média) essas diferenças já se manifestavam. Deste modo, os autores concluiram que o instrumento utilizado (ACECF) se mostrou útil para este tipo de análises, bem como se torna importante encontrar consensos quanto à definição dos critérios de discriminação entre grupos relativamente ao desempenho cognitivo.
Abstract (EN): The aim of this study was to test the hypothesis that there are gender differences in cognitive performance of schizophrenic patients, using CFSCA as a cognitive assessment tool. Nine female patients and 12 male patients, all diagnosed with schizophrenia and institutionalized for more than three years, were assessed using this battery. The results showed that when the criterion of two standard deviation below the mean to consider cognitive deficits was used, no gender differences were found. However, using a less restrict criterion to consider impaired functioning (one SD below the M), women and men differed in specific cognitive domains. The authors concluded that CFSCA was a useful tool for this type of analysis, and highlighted the need for future research to develop appropriate criteria that could discriminate between women and men’s cognitive performance.
Idioma: Português
Tipo (Avaliação Docente): Científica
Documentos
Não foi encontrado nenhum documento associado à publicação com acesso permitido.
Publicações Relacionadas

Das mesmas áreas científicas

Violência, altruísmo e solidariedade I (2004)
Artigo em Revista Científica Nacional
João Marques Teixeira
Trauma e stress: uma divergência com implicações clínicas (2002)
Artigo em Revista Científica Nacional
João Marques Teixeira
Tornar-se doente... um paradoxo inquietante (2001)
Artigo em Revista Científica Nacional
João Marques Teixeira
Saúde mental nas prisões (2004)
Artigo em Revista Científica Nacional
João Marques Teixeira

Ver todas (47)

Da mesma revista

Vivência do corpo nos toxicodependentes (2000)
Artigo em Revista Científica Nacional
R. Moreira; João Marques Teixeira
Violência, altruísmo e solidariedade I (2004)
Artigo em Revista Científica Nacional
João Marques Teixeira
Trauma e stress: uma divergência com implicações clínicas (2002)
Artigo em Revista Científica Nacional
João Marques Teixeira
Tornar-se doente... um paradoxo inquietante (2001)
Artigo em Revista Científica Nacional
João Marques Teixeira

Ver todas (147)

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2020 © Reitoria da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2020-04-07 às 11:38:51 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais