Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Publicações > Visualização > Enantiomeric ratios: Why so many notations?

Enantiomeric ratios: Why so many notations?

Título
Enantiomeric ratios: Why so many notations?
Tipo
Outra Publicação em Revista Científica Internacional
Ano
2018
Autores
Tiritan, ME
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Carla Fernandes
(Autor)
FFUP
Ver página pessoal Sem permissões para visualizar e-mail institucional Pesquisar Publicações do Participante Ver página do Authenticus Sem ORCID
Maia, AS
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Pinto, M
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Cass, QB
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Revista
Vol. 1569
Páginas: 1-7
ISSN: 0021-9673
Editora: Elsevier BV
Indexação
Outras Informações
ID Authenticus: P-00P-1XE
Abstract (EN): The correct quantification of enantiomers is pivotal in a variety of fields, such as pharmacokinetic studies, enantioselective syntheses, chemical characterization of natural products, authentication of fragrance and food, biodegradation behavior, accurate evaluation of environmental risk, and it can also provide information for sentencing guidance in forensic field. Enantioselective chromatography is the first choice to assess the composition of an enantiomeric mixture. Different notations have been used to express the measured enantiomeric ratios, which compromise the results and represent a challenge for data comparison. This manuscript critically discusses the currently used notations and exemplifies with applications in different fields indicating the advantages and disadvantages of one of the adopted systems. In order to simplify the notations, the use of enantiomeric ratio (e.r.%) as standardization for nonchiroptical methods is proposed.
Idioma: Inglês
Tipo (Avaliação Docente): Científica
Nº de páginas: 7
Documentos
Não foi encontrado nenhum documento associado à publicação.
Publicações Relacionadas

Da mesma revista

Ultrathin phenyl-functionalized solid phase microextraction fiber coating developed by sol-gel deposition (2005)
Artigo em Revista Científica Internacional
Azenha, M; Malheiro, C; Silva, AF
Synthesis of glycylglycine-imprinted silica microspheres through different water-in-oil emulsion techniques (2013)
Artigo em Revista Científica Internacional
Mariana Ornelas; Dianne Loureiro; Maria Joao Araujo; Eduardo Marques; Cristina Dias Cabral; Manuel Azenha; Fernando Silva
Study of organic compounds-water interactions by partition in aqueous two-phase systems (2013)
Artigo em Revista Científica Internacional
Pedro P Madeira; Ana Bessa; Miguel A Teixeira; Luis Alvares Ribeiro; Raquel Aires Barros, MR; Alirio E Rodrigues; Boris Y Zaslavsky
Sorption behaviour of bifenthrin on cork (2005)
Artigo em Revista Científica Internacional
Domingues, V; Alves, A; Cabral, M; Delerue Matos, C
Solvent properties governing protein partitioning in polymer/polymer aqueous two-phase systems (2011)
Artigo em Revista Científica Internacional
Pedro P. Madeira; Celso Reis; Alírio Rodrigues; Mikheeva, LM; Chait, A; Zaslavsky, BY

Ver todas (117)

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2020 © Reitoria da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2020-05-31 às 21:10:07 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais