Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Publicações > Visualização > Influência do teor de hidrofugação na absorção de paredes de gesso

Influência do teor de hidrofugação na absorção de paredes de gesso

Título
Influência do teor de hidrofugação na absorção de paredes de gesso
Tipo
Artigo em Livro de Atas de Conferência Internacional
Ano
2017-10
Autores
Almaí Santos
(Autor)
Outra
Nuno Ramos
(Autor)
FEUP
Joana Maia
(Autor)
FEUP
Classificação Científica
CORDIS: Ciências Tecnológicas > Engenharia > Engenharia civil
Outras Informações
Resumo (PT): Atualmente, os blocos de gesso se destinam à realização de paredes interiores de edifícios residenciais e comerciais, em estruturas de betão armado ou similar. No Nordeste brasileiro, a indústria da construção tem também aplicado alvenarias de blocos de gesso em fachadas, apesar da falta de enquadramento normativo e regulamentar. A maioria dos materiais de construção apresenta porosidade aberta, como é o caso das argamassas, que conduzem a água por capilaridade e permitem que, através de seus vazios, a água possa migrar sob a forma líquida ou de vapor. Este trabalho tem como objetivo fundamental avaliar a absorção capilar de paredes de gesso, com diferentes teores de hidrofugação e evidenciar a sua influência, avaliando, para tal, os diferentes materiais que constituem a parede: bloco de gesso, revestimento de gesso e gesso cola. Para a realização dos ensaios foi seguido o procedimento definido pela norma europeia EN ISO 15148-2002. A análise incidiu sobre provetes de gesso para blocos do tipo standard, não hidrofugados, e do tipo hidro, com os seguintes percentuais de hidrofugação: 0,08%, 0,1%, 0,15%, 0,2%, 0,25%, 0,3%, 0,4% e 0,5%. A mesma análise foi também aplicada a provetes de revestimento de gesso (teores de hidrofugação de 0,3%, 0,5% e 0,7%) e de gesso cola (teor de hidrofugação entre 0,2% e 0,5%). Os resultados obtidos evidenciaram uma relação logarítmica entre o teor de hidrofugação e o coeficiente de absorção capilar dos diferentes produtos de gesso.
Abstract (EN): Currently, gypsum blocks are designed for interior walls of residential and commercial buildings, in reinforced concrete structures or similar. In the Brazilian Northeast, the construction industry has also applied masonry of gypsum blocks on façades, despite the lack of normative and regulatory framework. Most of the building materials have open porosity, such as mortars, which absorb water by capillarity and allow the water to migrate under liquid or vapor form through its voids. The objective of this work is to evaluate the capillary absorption of gypsum walls with different levels of water repellency and to show their influence by evaluating the different materials that make up the wall: plaster block, plaster coating and glue plaster. For the accomplishment of the tests the procedure defined by the European standard EN ISO 15148-2002. Was applied. The analysis was based on gypsum test pieces for non-water-repellent, standard blocks of the hydro type, with the following water repellency percentages: 0.08%, 0.1%, 0.15%, 0.2% 25%, 0.3%, 0.4% and 0.5%. The same analysis was also applied to gypsum coating samples (water content of 0.3%, 0.5% and 0.7%) and gypsum glue (water repellency content between 0.2% and 0.5%). The results obtained evidenced a logarithmic relationship between the water repellent content and the capillary absorption coefficient of the different gypsum products.
Idioma: Português
Tipo (Avaliação Docente): Científica
Documentos
Não foi encontrado nenhum documento associado à publicação com acesso permitido.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2021 © Reitoria da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2021-04-11 às 06:03:34 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais