Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Publicações > Visualização > Levels of urinary biomarkers of exposure and potential genotoxic risks in firefighters risks

Levels of urinary biomarkers of exposure and potential genotoxic risks in firefighters risks

Título
Levels of urinary biomarkers of exposure and potential genotoxic risks in firefighters risks
Tipo
Capítulo ou Parte de Livro
Ano
2018
Autores
Marta Oliveira
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Cristina Delerue Matos
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Simone Morais
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Adília Fernandes
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Solange Costa
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
João Paulo Teixeira
(Autor)
Outra
A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. A pessoa não pertence à instituição. Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Livro
Páginas: 267-271
ISBN: 978-1-138-54203-7
Indexação
Publicação em ISI Web of Science ISI Web of Science
Publicação em Scopus Scopus
Outras Informações
Resumo (PT):
Abstract (EN): This study characterizes the levels of six urinary monohydroxyl-polycyclic aromatic hydrocarbons in Portuguese firefighters directly involved in firefighting activities. Median concentrations of urinary total monohydroxyl-PAHs were predominantly higher in exposed subjects comparatively with non-exposed firefighters (3.12 versus 1.59 μmol/mol creatinine, respectively). Urinary 1-hydroxynaphthalene and 1-hydroxyacenaphthene were the most predominant metabolites (87–90% of total monohydroxyl-PAHs), being followed by 2-hydroxylfluorene (2.4–6.3%), 1-hydroxyphenanthrene (4.1–5.4%), and 1-hydroxypyrene (2.0–2.6%). Firefighters who were directly involved in fire combat activities presented increased percentages of DNA damage (9.85 versus 10.9%; p ≤ 0.01) and oxidative stress (0 versus 2.14% TDNA; p ≤ 0.01) comparatively with non-exposed subjects, thus revealing the impact of fires on the health of exposed firefighters. © 2018 Taylor & Francis Group, London.
Idioma: Inglês
Tipo (Avaliação Docente): Científica
Nº de páginas: 5
Documentos
Não foi encontrado nenhum documento associado à publicação com acesso permitido.
Publicações Relacionadas

Do mesmo livro

What kind of lower limb musculoskeletal disorders can be associate with bus driving (2018)
Capítulo ou Parte de Livro
Marko Cvetkovic; Maria de Lurdes Dinis; António Fiúza
Radiological characterization of the occupational exposure in hydrotherapy spa treatments (2018)
Capítulo ou Parte de Livro
Maria de Lurdes Dinis; Ana Sofia Silva
Proof of concept - work accident costs analysis tool (2018)
Capítulo ou Parte de Livro
Catarina Correia; João Santos Baptista; Paulo A. A. Oliveira
Occupational exposure in fitness clubs to indoor particles (2018)
Capítulo ou Parte de Livro
Klara Slezakova; Maria do Carmo Pereira; Cátia Peixoto; Cristina Delerue Matos; Simone Morais
Main mitigation measures - occupational exposure to radon in thermal spas (2018)
Capítulo ou Parte de Livro
Maria de Lurdes Dinis; Ana Sofia Silva
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2024 © Reitoria da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2024-02-21 às 12:05:50 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias