Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > MV314

Produção Animal I

Código: MV314     Sigla: PAI

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Produção Animal

Ocorrência: 2023/2024 - 1S (de 11-09-2023 a 05-01-2024) Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Clínicas Veterinárias
Curso/CE Responsável: Mestrado Integrado em Medicina Veterinária

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
MIMV 66 Plano Oficial em Vigor 3 - 4 56 108

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Ana Rita Jordão Bentes Cabrita Regente

Língua de trabalho

Português - Suitable for English-speaking students

Objetivos

Habilitar os estudantes a compreender os sistemas de produção em que as espécies animais com maior expressão comercial são exploradas e nos quais os estudantes num futuro próximo, enquanto Médicos Veterinários, virão a intervir.

Resultados de aprendizagem e competências

Os estudantes deverão ser capazes de compreender o papel fundamental da produção animal em Portugal e no mundo, bem como conhecer os principais sistemas de produção de bovinos de leite e de bovinos de carne. Mais, deverão ser capazes de promover a produção sustentável de leite e de carne de bovinos, dando resposta a quatro temas principais: (1): aumento da competitividade num contexto de mudanças globais; (2) diminuição do impacto ambiental dos sistemas de produção animal; (3) melhoria da saúde e do bem-estar animal; e (4) qualidade e segurança dos alimentos de origem animal para consumo humano.

Modo de trabalho

Presencial

Pré-requisitos (conhecimentos prévios) e co-requisitos (conhecimentos simultâneos)

É fortemente recomendada a prévia frequência com aproveitamento do 1º e 2º anos do ciclo de estudos, em particular das unidades curriculares: MV114 Etologia Animal, MV115 Exognósia e Maneio Animal, MV121 Agricultura Geral e Ecologia, MV212 Bioquímica, MV213 Fisiologia Veterinária, MV214 Genética e Melhoramento Animal, MV223 Economia e Gestão de Empresas, e MV225 Nutrição Animal.

Programa

I. Programa – Ensino Teórico (30 horas)

PARTE I – ASPECTOS GERAIS

1. Enquadramento, objetivos e métodos de ensino e de avaliação de conhecimentos

2. Produção Animal?

2.1. Conceitos de zootecnia e de produção animal

2.2. Evolução e futuro da produção animal

2.3. Fatores condicionantes da produção animal

2.3.1. Ambientais e biológicos

2.3.2. Humanos

2.4. Biótipo animal

PARTE II – SISTEMAS DE EXPLORAÇÃO ANIMAL

3. Sistemas de exploração animal

3.1. Exploração extensiva

3.2. Exploração intensiva

PARTE III – PRODUÇÃO DE BOVINOS DE LEITE

4. A produção leiteira no presente e os desafios futuros 

4.1. Eficiência biológica e económica da produção de leite - Gestão técnico económica das

explorações 

5. A produção de leite em Portugal

5.1. Enquadramento histórico e sistema de classificação e de pagamento do leite

5.2. Contraste leiteiro

6. Maneio de vitelos 

7. Cria e recria de novilhas leiteiras

7.1. Crescimento no período pré-púbere

7.2. Maneio e desenvolvimento da glândula mamária

8. Produção e reprodução em vacas adultas

8.1. Objetivos de produção

8.2. Balanço energético

8.3. Desequilíbrios alimentares

9. Alimentação da vaca leiteira

9.1. Fatores que afetam as necessidades em nutrientes

9.2. As várias vacas da exploração

9.3. Estratégias de alimentação

10. Manipulação da composição do leite

10.1. A via da reprodução

10.2. A via da alimentação

11. Instalações para vacas leiteiras

11.1. Sistemas de estabulação

11.2. Sistemas de ordenha

12. Bem-estar animal na produção leiteira

PARTE IV – PRODUÇÃO DE BOVINOS DE CARNE

13. Bases da produção de carne

13.1. Crescimento e desenvolvimento

13.2. Manipulação da composição da carcaça e do crescimento

14. Recursos genéticos

14.1. Autóctones

14.2. Exóticos especializados na função carne

15. Sistemas de produção de carne bovina

15.1. Animais provenientes de explorações leiteiras

15.2. Engorda intensiva

15.3. Sistemas mais extensivos

15.4 Bem-estar animal e bovinos de carne

PARTE V – ÚLTIMAS PALAVRAS EM PRODUÇÃO ANIMAL I

II. Programa – Ensino Prático (30 horas)

PARTE I – VISITAS DE ESTUDO

PARTE II – ALIMENTOS PARA ANIMAIS

PARTE III - FORMULAÇÃO DE REGIMES ALIMENTARES PARA A VACA LEITEIRA

PARTE IV - ANÁLISE DE CURVAS DE LACTAÇÃO

Bibliografia Obrigatória

AFRC Commitee on Responses to Nutrients; Energy and Protein Requirements of Ruminants

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

A exposição dos temas teóricos é suportada na utilização de material de apoio diverso (slides, vídeos, multimédia). O ensino prático é constituído por aulas práticas onde o computador é elemento fundamental.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Exame 90,00
Trabalho prático ou de projeto 10,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Estudo autónomo 52,00
Frequência das aulas 56,00
Total: 108,00

Obtenção de frequência

Os estudantes para obterem frequência à unidade curricular têm que cumprir a assiduidade às aulas práticas (75% das previstas) e realizar um exame prático de formulação de regimes alimentares no computador.

Fórmula de cálculo da classificação final

No caso da avaliação contínua a classificação final será calculada atribuindo pesos de 45% ao teste 1, de 45% ao teste 2 e de 10% ao trabalho apresentado oralmente em aula pratica. No caso dos estudantes que optarem por não realizar os dois testes a classificação final será calculada atribuindo pesos de 90% ao exame e de 10% ao trabalho apresentado oralmente em aula pratica (apenas a classificação final é arredondada às unidades). Os estudantes que obtenham uma classificação final mínima de 10 (dez) valores são considerados aprovados.

Provas e trabalhos especiais

Exame prático de formulação de regimes alimentares no computador, dois testes (a realização do segundo teste fica condicionada à obtenção de uma classificação mínima de 8 valores no primeiro teste; a nota mínima no segundo teste é de 7 valores).

Avaliação especial (TE, DA, ...)

Os estudantes sujeitos a regimes especiais (TE, DA, ...) serão avaliados em exame final e terão de realizar um exame prático de formulação de regimes alimentares no computador. A classificação final será calculada como supramencionado.

Melhoria de classificação

Os estudantes que optarem pela avaliação contínua podem tentar melhor a classificação realizando o exame final. Porém, a partir do momento que entregarem o exame para ser corrigido, a nota considerada para o cálculo da classificação final será sempre a do exame final, independentemente de ser superior ou inferior à média ponderada dos dois testes realizados.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2024 © Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2024-05-20 às 05:27:04 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias