Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Notícias > Equipa de investigadores liderada pela Professora Paula Ferreira ICBAS-UP desenvolve modelo experimental

Equipa de investigadores liderada pela Professora Paula Ferreira ICBAS-UP desenvolve modelo experimental

artigo publicado na revista Nature Communications

A infeção causada pela bactéria estreptococos do grupo B é a principal causa de doenças infecciosas neonatais. A ausência de um modelo animal que reproduza a patofisiologia da doença tem limitado o conhecimento e consequentemente atrasado o desenvolvimento de novas terapias.

De facto, cerca de 80% dos potenciais fármacos testados em estudos pré-clínicos falham quando testados em ensaios clínicos. Uma das causas apontadas é o mau desenho experimental com a utilização de modelos que não refletem a doença tal como esta ocorre nos humanos.

No artigo publicado na revista Nature Communications (https://rdcu.be/39lP), Elva Andrade e colaboradores, apresentam um modelo de ratinho, que mimetiza a doença como esta ocorre nos humanos. Neste modelo, a bactéria é transmitida da mucosa vaginal de fêmeas gestantes para a sua descendência. Esta transmissão causa septicémia e meningite neonatal, apresentando os ratinhos que sobrevivem à infeção sequelas neurológicas, à semelhança do que é observado nos humanos.

O trabalho liderado por Paula Ferreira foi desenvolvido no ICBAS-UP (Laboratório de Imunologia Mário Arala Chaves), com a colaboração do i3S, ICVS da Universidade do Minho e do Institut Pasteur em França.

Este modelo pode ser usado para testar a eficácia de novos tratamentos profiláticos/terapêuticos contra a infeção neonatal causada pela bactéria estreptococos do grupo B.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2018 © Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2018-10-16 às 22:51:24 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais