Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Cursos/CE > CB

Cursos

Ciências Biomédicas

O ciclo de estudos pretende continuar a tradição de formação avançada a nível de doutoramento na área, oferecida desde 1986 pelo ICBAS. O programa visa consagrar uma plataforma para, visando um público alargado mas em paralelo imprimindo elevada exigência, fomentar a procura de obtenção de competências de 3º ciclo, numa área científica alargada como a Biomédica, básica e aplicada, com um enorme interesse para a sociedade.

O doutoramento procura estimular e permitir o desenvolvimento de competências de 3º ciclo de Licenciados e Mestres na área das ciências biomédicas, não só dos mais jovens mas também de profissionais já inseridos no mercado de trabalho. O programa pretende traduzir em formação avançada de recursos humanos a muito elevada produção científica de nível internacional que o ICBAS tem sistematicamente apresentado, promovendo uma política de formação através de ensino tutorial de elevado nível científico.

O programa de doutoramento não visa um ensino clássico baseado num painel estático de unidades curriculares mas aposta sim na flexibilidade de construção de uma formação personalizada, que permita ao doutorando desenvolver competências várias, pessoais e interpessoais, num contexto técnico e científico em ciências biomédicas, não descurando a necessidade de fomentar o ganho de competências complementares (vulgo soft skills).

O programa tem por base o projecto global e multidisciplinar que presidiu à formação do ICBAS, que incorpora a designação “Ciências Biomédicas” no seu nome institucional. Os quase 300 graus de doutor em Ciências Biomédicas já atribuídos pelo ICBAS até à data configuram, pela sua diversidade e multidisciplinaridade, a concretização de um projecto educativo, científico e cultural próprio.

Para que tal projecto próprio seja possível optou-se por uma estrutura do programa totalmente flexível, em que a não havendo unidades curriculares lectivas fixas, permite-se ao doutorando fazer conciliação com outros interesses. Para o estudante a tempo integral o esquema permite o construir do perfil ideal de formação.

O programa integra um 1º ano com uma unidade curricular de natureza anual, designada “Ano Probatório”. Este é uma evolução do anteriormente praticado com sucesso no ICBAS, mas agora com uma concepção e conteúdo funcional modernizado e adaptado às novas exigências de formação de 3º ciclo. Dá-se assim a possibilidade ao doutorando de concretizar uma formação inicial personalizada e adequada aos seus interesses, conforme devem ser previstos num plano de formação avançada, a acordar com a direcção do programa.

As componentes lectivas e/ou de formação avançada definidas de forma personalizada para cada estudante podem ser realizadas num só semestre ou ao longo dos 2 semestres do 1º ano, até um limite máximo de 30 créditos. Os restantes 30 créditos da unidade Ano Probatório contemplam obrigatoriamente trabalhos preparatórios (laboratoriais ou de outra índole) de suporte ao arranque da Tese.

A partir do 2º ano o programa integra a elaboração de uma tese original e especialmente elaborada para este fim, adequada ao vasto ramo de conhecimento em Ciências Biomédicas.

Entre outros requisitos implementa-se como condição absoluta para entrega e defesa pública da Tese a integração na mesma de um mínimo de 1 artigo original (full length paper) em que o doutorando é o 1º autor, aceite ou já publicado em revista internacional da especialidade.

MUITO IMPORTANTE:

Artº 440º do Código do Processo Civil (artº 540º CPC 1961)
Legalização dos documentos passados em países estrangeiros

1 - Sem prejuízo do que se encontra estabelecido em regulamentos europeus e em outros instrumentos internacionais, os documentos autênticos passados em país estrangeiro, na conformidade da lei desse país, consideram-se legalizados desde que a assinatura do funcionário público esteja reconhecida por agente diplomático ou consular português no Estado respetivo e a assinatura deste agente esteja autenticada com o selo branco consular respetivo. 

2 - Se os documentos particulares lavrados fora de Portugal estiverem legalizados por funcionário público estrangeiro, a legalização carece de valor enquanto se não obtiverem os reconhecimentos exigidos no número anterior.

http://www.irn.mj.pt/IRN/sections/irn/a_registral/registos-centrais/docs-da-nacionalidade/docs-comuns/situacoes-de-legalizacao/


Informações

Candidaturas:  Ano letivo 2015/2016

N.º de vagas: 25 
 

1.ª FASE - 15 vagas 
2.ª FASE - 5 vagas + 2 sobrantes da 1.ª FASE = 7 vagas

3.ª FASE - 5 vagas 

CALENDARIZAÇÃO

1.ª Fase

2.ª Fase

3.ª Fase

Apresentação das candidaturas

01/06 a 19/06 09/09 a 22/09 04/11 a 17/11
Afixação de resultados  10/07  12/10  25/11
Apresentação de reclamação dos candidatos  13/07 a 14/07 13/10 a 14/10  26/11 a 27/11
Publicação da decisão de reclamações  15/07  15/10  30/11
Realização de matrículas *  16/07 a 22/07  19 a 23/11  16/12 a 17/12

Eventual colocação de suplentes

 27/07 a 30/07  27/10/ a 30/10  09/12 a 11/12
Publicação de vagas sobrantes para a fase seguinte  31/07  02/11  n.a.
Modo de notificação dos candidatos Digital (correio eletrónico, segundo endereço fornecido pelo candidato).

* no Gabinete de Pós-Graduação  link,  http://sigarra.up.pt/icbas/pt/NOTICIAS_GERAL.VER_NOTICIA?P_NR=13746

 

Creditação de Formação e Experiência Profissional

1.ª Fase

 Apresentação do pedido (no ato da matrícula)  16/07 a 22/07
 Publicação de resultados  12/08
 Alteração da inscrição resultante do processo de creditação  02/09


- Início do Ano letivo: A partir da data de matrícula
- Duração normal do curso: 4 anos (8 semestres)

 

Comentários

Procedimento de Candidatura on-line: disponível na pasta documentos (disponível no módulo "Opções" do lado direito do ecrã).
 

» Requerimento dirigido ao Diretor do Ciclo de Estudos, detalhando a motivação. 
» Formulário de “Proposta de Tese - Thesis Proposal Form” preenchido e assinado (pelo candidato e seu orientador(es)). Formulário disponível na opção Documentos (menu lado direito). 
» CV do candidato (segundo o formato exigido no Formulário). 
» CV do orientador(es) (idem como acima). 
» Cópia de certificado(s) de habilitações.

Nota: A candidatura só é válida após a recepção de todos os documentos solicitados.


Propina:

- Tempo integral: ¤ 2750,00 /ano
- Tempo parcial: ¤ 1650,00 /ano (60% do valor do TI)

- Estudantes abrangidos pelo Estatuto de Estudante Internacional *1
(Aprovado pelo Decreto-Lei 36/2014 de 10 de março): ¤ 6000,00 /ano (Não Aplicável em 2014/2015)
- Tempo parcial: ¤ 3600,00 /ano 

A liquidar de acordo com o Regulamento de Propinas da U.Porto, disponibilizado na opção Documentos (menu lado direito). 

- No caso de candidatos bolseiros, terão de apresentar declaração da entidade financiadora que ateste que se responsabiliza pelo pagamento da propina. Caso no acto da matrícula não disponha ainda da declaração da entidade financiadora, deverá fazer prova de que lhe foi atribuída uma bolsa, entregando a declaração da entidade mais tarde.

 
Taxa de matrícula e seguro escolar:

- Taxa de candidatura: ¤ 55,00 
- Taxa de matrícula: ¤ 100,00 (a pagar no ato da matrícula de acordo com a

Tabela_de_Emolumentos_da_Universidade_do_Porto-alterada_09_de_setembro_de_2014

- Seguro: ¤ 2,00 (valor sujeito a actualização, a pagar no ato da matrícula).

 

*1 Estudante Internacional, encontra todas as respostas de que precisa para estudar na Universidade do Porto,
   no link: https://sigarra.up.pt/up/pt/web_base.gera_pagina?p_pagina=gateway-estudantes-internacionais


Contactos

Informações:

Para esclarecimentos relativos ao ano probatório ou à tese p.f. contacte a Direcção,
Prof. Doutor  Eduardo Rocha, por via e-mail: 
erocha@icbas.up.pt


Para esclarecimentos relativos ao processo de candidatura p.f. contacte:

Ana Paula de Lima Pereira
Secretariado do Gabinete de Pós-Graduação/Doutoramentos

Horário de Atendimento:
10h:00 - 12h:00
14h:00 - 15h:30 

Dados Gerais

Código Oficial: 5573
Diretor: Eduardo Rocha
Sigla: CB
Grau Académico: Doutor
Tipo de curso/ciclo de estudos: Doutoramento
Início: 2009/2010
Duração: 8 Semestres

Planos de Estudos

Diplomas

  • Doutoramento em Ciências Biomédicas (240 Créditos ECTS)

Áreas Científicas Predominantes

Cursos/Ciclos de Estudos Antecessores

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2021 © Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2021-12-08 às 23:38:13 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais