Saltar para:
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Você está em: Início » PDN13_6
Autenticação




Esqueceu-se da senha?

Neurobiologia Funcional

Código: PDN13_6     Sigla: PDN13_6

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Neurociências

Ocorrência: 2019/2020 - SP (de 09-09-2019 a 31-07-2020) Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Departamento de Biomedicina
Curso/CE Responsável: Programa Doutoral em Neurociências

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
PDN 4 Plano Oficial do ano letivo 2019 1 - 6 28 162

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Célia da Conceição Duarte Cruz Regente

Língua de trabalho

Português e inglês

Objetivos

Esta UC destina-se a fornecer aos estudantes conhecimentos básicos em áreas específicas das neurociências particularmente relevantes para a compreensão da organização funcional do sistema nervoso. Os estudantes
podem escolher seis de treze blocos de conteúdos programáticos (módulos) de acordo com os seus interesses científicos e formação prévia. Para além de desenvolver a sua capacidade para analisar de modo crítico dados
científicos e os interpretar em contexto alargado, esta UC fornecerá aos estudantes conhecimentos abrangentes em domínios distintos, potencialmente relacionáveis, enquanto os prepara para aprofundarem
autonomamente áreas específicas da sua escolha e para colocarem questões científicas que promovam o avanço do conhecimento. Os estudantes terão ainda contacto com as temáticas e as estruturas de
investigação instaladas na U Porto no domínio das neurociências, o que deverá ajudá-los na definição do projeto científico a desenvolver no âmbito da tese de doutoramento.

Resultados de aprendizagem e competências

A diversidade e abrangência dos temas tratados a par do caráter optativo das componentes curriculares (módulos) permitem ao estudante reunir conhecimentos básicos em áreas da sua escolha e cruzar conhecimentos de áreas distintas. Desta forma, os estudantes deverão construir uma base teórica para o desenvolvimento do seu projeto de tese de doutoramento que vá ao encontro das suas necessidades e interesses sem limitar excessivamente a sua perspetiva dos problemas científicos em neurociências. Além disso, os estudantes tomarão conhecimento de vários tópicos de investigação em curso na Universidade do Porto, bem como das respetivas equipas e laboratórios, condição fundamental para a definição do seu projeto de tese e respetiva instituição(ões) de acolhimento, quer no seio da Universidades do Porto quer em laboratórios externos.

A possibilidade de construir um currículo personalizado através da escolha dos módulos que melhor se adaptam à formação prévia e interesses científicos do estudante resulta na aquisição de conhecimentos suficientemente abrangentes em vários domínios das neurociências, mas adequados à preparação e implementação de um projeto científico num tema específico da sua preferência. A este respeito, o acompanhamento do tutor é fundamental para apoiar cada estudante na escolha dos módulos a frequentar. A aprendizagem com especialistas ativamente envolvidos em investigação e a utilização da avaliação crítica de publicações científicas como meio de aprendizagem garantem a cada estudante a aquisição das competências necessárias para desenvolver com sucesso o seu projeto de doutoramento.

Modo de trabalho

Presencial

Programa

Módulo 1–Plasticidade Neuronial – Vasco Galhardo (coordenador)
Módulo 2–Neurociência da tomada de decisão e da escolha – Ofélia Carvalho (Coordenador)
Módulo 3–Neurodegenerescência e Envelhecimento – Isabel Cardoso (coordenador)
Módulo 4–Mecanismos de Regeneração – Mónica Sousa (coordenador)
Módulo 5 – Fisiopatologia da Dor – José Castro Lopes (coordenador)
Módulo 6 – Sistema Límbico, Aprendizagem e Memória – Nikolay Lukoyanov (coordenador)
Módulo 7 – Neurociência Cognitiva e Afectiva – J. MarquesTeixeira
(coordenador)
Módulo 8 – Neurotoxicologia – Teresa Summavielle (coordenador)
Módulo 9 – Neurociência do Sistema Autónomo Paulo Correia de Sá, Célia Cruz (coordenadores)
Módulo 10 – Neuroendocrinologia – Dulce Madeira (coordenador)
Módulo 11 –Anatomofisiologia do Sistema Sensorial e Motor – Dulce Madeira (coordenador)
Módulo 12 – Clínica Neurológica – Carolina Garrett (coordenador)
Módulo 13 – Neuroproteção e Terapia Neurológica – Carolina Garrett (coordenador)

Bibliografia Obrigatória

Dale Purves, George J. Augustine, David Fitzpatrick, William C. Hall, Anthony-Samuel LaMantia & Leonard E. White; Neuroscience, 5th Ed, Sinauer, 2012. ISBN: ISBN: 978-0-87893-695-3
Eric Kandel, James Schwartz, Thomas Jessell, Steven Siegelbaum & James Hudspeth; Principles of Neural Science, 5th Ed, McGraw-Hill, 2012. ISBN: ISBN: 978-0071390118

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Os estudantes contam com o apoio de um tutor na escolha dos módulos que melhor se adequam à sua formação prévia e aos seus interesses científicos. A aprendizagem dos fundamentos de diversas áreas das neurociências far-se-á através de aulas teóricas e de prática laboratorial, com professores especializados e a desenvolver trabalho de investigação em cada uma dessas áreas. Os estudantes têm acesso prévio a bibliografia sobre o tema em questão e são encorajados a procurarem os professores sempre que o entendam necessário. A avaliação, da responsabilidade do coordenador do módulo, tem em conta o nível de conhecimentos adquiridos e a sua capacidade para apreender, interpretar e criticar dados científicos relacionados com a área em estudo. A classificação final é a média das classificações obtidas em cada módulo.

Tipo de avaliação

Avaliação por exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Teste 100,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Apresentação/discussão de um trabalho científico 30,00
Estudo autónomo 50,00
Frequência das aulas 20,00
Total: 100,00

Obtenção de frequência

A frequência será obtida pela participação em 6 dos 13 módulos disponibilizados.

Fórmula de cálculo da classificação final

A classificação final será a média aritméticas das classificações obtidas nos seis módulos frequentados.

Melhoria de classificação

Existe a possibilidade de melhorar a classificação durante a época de recurso, através da repetição da prova de avaliação (apenas disponível nos módulos em que a avaliação possua teste escrito final realizado simultaneamente por todos os alunos).
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2021 © Faculdade de Medicina da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2021-05-16 às 11:22:37 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais