Saltar para:
Logótipo
Você está em: Início » Publicações » Visualização » Zinc Deficiency in Fetal Development: A Systematic Review

Zinc Deficiency in Fetal Development: A Systematic Review

Título
Zinc Deficiency in Fetal Development: A Systematic Review
Tipo
Tese
Ano
2022-05-31
Autores
Sara Maria Vieira Bernardo
(Autor)
FMUP
Ver página pessoal Sem permissões para visualizar e-mail institucional Pesquisar Publicações do Participante Sem AUTHENTICUS Sem ORCID
Classificação Científica
FOS: Ciências médicas e da saúde
Instituições Associadas
CHUSJ - Centro Hospitalar Universitário de São João
Outras Informações
Resumo (PT): Visão geral e objetivos: O zinco é um micronutriente essencial para muitos processos no organismo. A deficiência de zinco (DZn) é uma condição prevalente e a DZn materna, antes e durante a gravidez, interfere com o crescimento e desenvolvimento fetal, estando intimamente relacionada com malformações congénitas. O nosso objetivo é avaliar o efeito da DZn materna durante a gravidez no desenvolvimento fetal. Desenho de estudo, População e Métodos: Realizámos uma revisão sistemática dos dados que associam a DZn materna e malformações fetais com pesquisas nas bases de dados PubMed, Web of Science e Scopus. Um total de 10 estudos foi incluído nesta análise, sendo oito estudos animais e dois estudos realizados em humanos. Resultados: Todos os estudos reportaram uma associação entre a DnZ materna, embriões deformados e atraso no crescimento embrionário, mas apenas um forneceu o valor dos níveis séricos normais de zinco. Em condições deficitárias, quatro estudos encontraram fetos de reduzidas dimensões, sacos vitelinos com circulações pobres, anomalias placentárias e problemas na rotação dos embriões. Cinco estudos reportaram malformações esqueléticas, cardíacas e defeitos do tubo neural. Um estudo demonstrou relação entre ciclos de alimentação dos animais sob dietas pobres em zinco e a incidência de anomalias congénitas. Além disso, um outro estudo revelou um aumento de microvilosidades na superfície de células de embriões deficientes em zinco, bem como a presença de protuberâncias nas membranas plasmáticas. Conclusões: A prevalência da DZn varia muito na literatura devido à ausência de um valor padronizado e às diferenças existentes entre países. A DZn materna influencia gravemente o desenvolvimento embrionário. No entanto, uma investigação mais aprofundada sobre o impacto da DZn em humanos seria benéfica para confirmar e compreender melhor estes resultados.
Abstract (EN): Overview and Aims: Zinc is an essential micronutrient for many processes in human body. Zinc Deficiency (ZnD) is a prevalent condition and maternal ZnD before and during pregnancy interferes with fetal growth and development. Our aim was to evaluate the effect of maternal ZnD during pregnancy on the development of the fetus. Study Design, Population and Methods: A systematic review of the published data on the association of maternal ZnD and fetal malformations was carried out by searching on PubMed, Web of Science and Scopus databases. A total of 10 studies were included in this review, eight been animal studies and two human studies. Results: All the studies reported the association between maternal ZnD and deformed embryos and embryonic growth retardation, but only one provided the cut-off value of normal serum zinc levels. Under ZnD conditions, four studies found smaller fetuses, poor yolk sac circulations, placental abnormalities, and problems in the rotation of the embryos. Five studies reported skeletal, heart and neural tube defects. One study shows the relation between feeding cycles of animals under ZnD diets and the incidence of congenital anomalies. Also, one study reported an increased surface microvilli in ZnD embryos cells, as well as the presence of blebbing. Conclusions: Prevalence of ZnD varies greatly in the literature due to the absence of standardized ZnD value and to differences existing between countries around the world. Maternal ZnD severely influences the embryofetal development. Nonetheless, further investigation regarding the impact of ZnD in humans would be beneficial to confirm and better comprehend these results.
Idioma: Inglês
Nº de páginas: 29
Tipo de Licença: Clique para ver a licença CC BY-NC-ND
Documentos
Não foi encontrado nenhum documento associado à publicação com acesso permitido.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2022 © Faculdade de Medicina da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2022-09-28 às 06:59:29 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias