Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FMUP
Você está em: Início » Oferta Formação » Doutoramento » PDMOM
Autenticação




Esqueceu-se da senha?

Candidaturas 2017/18

Programa Doutoral em Medicina e Oncologia Molecular

 CALENDÁRIOS MESTRADOS & DOUTORAMENTOS_2017/2018

UNIDADES CURRICULARES SINGULARES 2017/2018

 

 

DESCRIÇÃO

O plano de estudos do PD inclui um ano letivo inicial e o desenvolvimento de um projeto de investigação original.

A parte letiva compõe-se de unidades curriculares nucleares e opcionais que incluem seminários, sessões de índole geral ou focadas em problemas científicos concretos, cursos e a realização de estágios em instituições diversas. O formato desse ano é adaptável pela comissão científica do PD a cada aluno, procurando corresponder aos seus objetivos específicos.

Espera-se que a interdisciplinaridade do ano letivo e a relação permanente entre a medicina, a oncologia, a biologia e a genética moleculares, permitam formular problemas de natureza médica, que sejam ponto de partida para a elaboração do projeto de doutoramento. A sua concretização poderá ser feita em quaisquer instituições que colaboram com o PD ou em outras, consideradas adequadas pelo doutorando, o seu orientador e a comissão científica do PD.

O PD é organizado pela Faculdade de Medicina do Porto (FMUP) em colaboração com o Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS) e em articulação com o Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (IPATIMUP), o Instituto de Biologia Molecular e Celular/Instituto de Engenharia Biomédica (IBMC/INEB), o Centro Hospitalar S. João e o Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto. É dirigido pelo Prof. Manuel Sobrinho-Simões e da Comissão Científica fazem ainda parte os Professores Henrique Almeida, Davide Carvalho, Deolinda Lima, J Pinto de Sousa e Rui Medeiros.

Tópicos do ano letivo: Biologia Molecular, Ciclo Celular e Apoptose, Genética Humana e Doença, Oncobiologia, Citogenética Molecular, Angiogénese na Inflamação e no Cancro, Farmacogenómica e Epidemiologia Molecular, Insuficiência Cardíaca, Epigenética e Cancro, Patologia Endócrina, Gerontologia, Técnicas de Biologia Molecular (módulo prático).


Objetivos

O PD propõe-se preparar «medical scientists» para o presente e o futuro. Para tal, procurará criar condições para a aprendizagem da chamada Nova Medicina (ou Medicina Personalizada), integrando o conhecimento médico com a linguagem e as ferramentas da Biologia Molecular, aplicadas ao exercício do diagnóstico, terapêutica e prognóstico.

Desta forma, o PD visa gerar condições propícias à realização de um projecto de investigação clínica ou de translação, com recurso a métodos moleculares, que servirá de base à dissertação, necessária à obtenção do Grau.


Áreas de Especialização

CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DE ACESSO AO CICLO DE ESTUDOS

1. São admitidos à candidatura a PD os licenciados em Medicina, Medicina Dentária e Medicina Veterinária, ou os detentores do Mestrado Integrado nessas áreas, de acordo com as regras do Processo de Bolonha, obtido em universidades portuguesas ou com habilitação legalmente equivalente.

2. Poderão ainda ser aceites licenciados ou mestres de outras origens, nas mesmas áreas, ouvida a comissão científica.

 

CRITÉRIOS E SUB-CRITÉRIOS DE SELEÇÃO E SERIAÇÃO DOS CANDIDATOS

Critérios e subcritérios de seleção e seriação dos candidatos .

Ponderação (%)

(A) Avaliação curricular (formação pré e pós-graduada, experiência científica e experiência profissional),

40

Para efeitos de seleção e seriação dos candidatos realiza-se uma avaliação curricular com uma ponderação de 40%, dos quais 20% correspondem às classificações de licenciaturas e/ou mestrados e 20% à produção científica do candidato. A classificação da avaliação curricular é numeral, de 0 a 20 valores (0=mínimo, 20=máximo).

 

 

 

(B) Entrevista de seleção, destinada a avaliar a preparação dos candidatos nas áreas científicas deste programa, a sua experiência profissional e os seus objetivos no âmbito do ciclo de estudos

60

A entrevista (presencial de preferência, excecionalmente por videoconferência) tem uma ponderação na classificação final de 60%. Os quatro critérios avaliados na entrevista são:

 

a) conhecimentos científicos gerais e na área de estudos do candidato

 

b) capacidade de avaliação crítica e discussão de trabalhos já realizados ou atividades profissionais em curso. Auto-análise dos pontos fortes e fracos e uma projeção do futuro em termos de aspirações e projetos

 

c) motivação, espírito de iniciativa e originalidade

 

d) cultura médica geral e perceção da interação entre a medicina e a sociedade

 

Estes quatro critérios têm uma avaliação qualitativa de “Satisfaz” ou “Não satisfaz”; candidatos com uma ou mais avaliações não satisfatórias são excluídos. A classificação da entrevista é feita de 0 a 20 valores.

 

 

 

Para a seleção final, os candidatos são ordenados serialmente consoante as classificações obtidas na “Avaliação curricular” e “Entrevista”, ponderadas.

 

A classificação final dos candidatos resultará da soma das classificações obtidas na avaliação curricular e na entrevista. 

 

O domínio prévio de conteúdos programáticos abordados no curso de doutoramento será considerado um fator preferencial

 


CRITÉRIOS DE DESEMPATE DE CANDIDATOS

- Classificação na Licenciatura
- Publicações com maior fator de impacto


Informações

VAGAS
Nº Total de vagas: 8
Vagas por fases de candidaturas           
1.ª FASE: 8
2.ª FASE:  0
3.ª FASE (se aplicável):  0

NÚMERO MÍNIMO DE ESTUDANTES PARA FUNCIONAMENTO: 5

CALENDARIZAÇÃO DE CANDIDATURAS

 

1ª Fase

Apresentação das candidaturas

02-03-2017 a 19-07-2017

Afixação de resultados provisórios*

28-07-2017

Audiência Prévia #

31-07-2017 a 11-08-2017

Afixação de resultados definitivos*

05-09-2017

Apresentação de reclamação dos candidatos

06-09-2017 e 07-09-2017

Publicação da decisão de reclamações*

08-09-2017

Realização de matrículas

11-09-2017 a 18-09-2017

Eventual colocação de suplentes

21-09-2017 a 26-09-2017

Publicação de vagas sobrantes para a fase seguinte

NA

Modo de notificação dos candidatos

On-line


RESULTADOS PROVISÓRIOS - CONSULTE AQUI!



INÍCIO DO ANO LETIVO: 02/10/2017


HORÁRIO:
Pós-Laboral


NOTAS:
HORÁRIO: A UC Técnicas de Biologia Molecular é ministrada durante uma semana em regime laboral normal.
IDIOMA: O idioma base é o Português; a existência de um estudante estrangeiro (não Brasil e não PALOP) implica que o idioma seja totalmente em inglês
CANDIDATURAS: A realização da entrevista pessoal ocorre entre a data de fim das candidaturas e a data de afixação dos resultados provisórios.


Comentários

 

 CREDITAÇÃO DE FORMAÇÃO E EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

 

1ª FASE

Apresentação do pedido

No ato de inscrição

Publicação de resultados

Até 15 dias úteis após a data da matrícula

Alteração da inscrição resultante do processo de creditação

18 a 20 de outubro de 2017

 

PROPINAS

Propinas tempo integral: Valor Referência da UP = 2750¤ /ano

Propinas tempo parcial: 2062,5¤ /ano

 

PROPINAS ESTUDANTES INTERNACIONAIS

Valor da Propina para os estudantes abrangidos pelo Estatuto de Estudante Internacional (Aprovado pelo Decreto-Lei 36/2014 de 10 de março)

Propinas Tempo Integral: 7500¤ /ano

Propinas Tempo Parcial: 5625¤ /ano

Propinas Tempo Integral (caso específico CPLP): 3750¤ /ano

Propinas Tempo Parcial (caso específico CPLP):  2812,5¤ /ano


ESTUDANTES INTERNACIONAIS_TODA A INFORMAÇÃO AQUI! 




Para auxiliar a submissão da Candidatura, pode consultar o Guia de Apoio (1).

CANDIDATURAS AQUI

 

Para auxiliar a submissão da Matrícula, pode consultar o Guia de Apoio (2)


REALIZAR MATRÍCULA /INSCRIÇÃO AQUI


 

 


Contactos

Informações

Departamento de Apoio à Investigação e à Pós-Graduação da FMUP

Tel.: 220 426 959
E.mail - daipg@med.up.pt

Toda a informação para candidatos à FMUP. Informação disponível aqui!

Dados Gerais

Código Oficial: 5196
Diretor: Manuel Sobrinho Simões
Sigla: PDMOM
Grau Académico: Doutor
Tipo de curso/ciclo de estudos: Doutoramento
Início: 2007/2008
Duração: 7 Semestres

Planos de Estudos

Unidades Orgânicas Envolvidas

Diplomas

  • Doutoramento em Medicina e Oncologia Molecular (210 Créditos ECTS)
  • Curso de Doutoramento em Medicina e Oncologia Molecular (não conferente de grau) (30 Créditos ECTS)

Áreas Científicas Predominantes

Recomendar Página Voltar ao Topo