Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FMUP
Você está em: Início » Oferta Formação » Curso de Formação Contínua » ADPPTJ
Autenticação




Esqueceu-se da senha?

Candidaturas 2017/18

Curso de Avaliação do Dano Pessoal Pós-Traumático para Juristas

A avaliação do dano pessoal pós-traumático, visando orientar a adequada reparação deste dano, seja judicial ou extrajudicial, constitui uma área que sendo em Portugal essencialmente assumida pela medicina legal, é inegavelmente multidisciplinar, envolvendo saberes de diversas disciplinas, que vão para além das diferentes especialidades médicas.
 
Simultaneamente, constitui uma área em grande e constante evolução, acompanhando não apenas o evoluir científico mas também legal e social a nível nacional e internacional. Daí a importância de se disponibilizar cursos nesta matéria, cursos que sendo regularmente atualizados, permitam aos juristas deter conhecimentos fundamentais para melhor orientarem os casos que acompanham, seja no âmbito do Dieito Penal, Civil, do Trabalho ou outro, e para melhor se saberem articular com os múltiplos atores qe trabalham nesta área, como seguradores, peritos, Ministério Público, tribunais e até as próprias vítimas e suas famílias. Tudo isto será importante para a promoção da justiça e da saúde/bem-estar dos cidadãos.

Conteúdos Programáticos:

Noções Fundamentais na Introdução às Ciências Forenses
- Direito, Ética e Deontologia na Perícia Forense;
- Documentação de Lesões, Biomecânica da sua Produção e Metodologias Periciais.

Clínica Forense
- Avaliação e Reparação do Dano Pessoal Pós-Traumático;
- Psiquiatria e Psicologia Forenses;
- Intervenção em Vítimas de Violência e Abuso. Sua Avaliação Forense.



Objetivos

O Curso tem como objetivo contribuir para melhorar os conhecimentos, capacidades e atitudes dos juristas, de maneira a contribuírem para uma boa aplicação da justiça, no melhor interesse do cidadão. 
 
Estes conhecimentos incluem o enquadramento ético e o enquadramento legal das perícias de acordo com o ramo do Direito em que estas têm lugar, a semiologia e biomecânica de produção de lesões, bem como a sua descrição e fotodocumentação, a doutrina sobre as metodologias médico-legais nesta matéria, conferindo-se um particular destaque para as questões de psiquiatria e psicologia forense. Ao longo desta aprendizagem é dada particular relevância às normas e técnicas de entrevista e abordagem das vítimas, tendo em vista uma adequada colheita de informação sobre o evento e a prevenção da vitimação secundária.

Competências Profissionais

Espera-se que os estudantes que concluam com êxito este curso, nas suas vertentes teóricas, sejam capazes de dar respostas de qualidade e sempre apoiadas na evidência, às solicitações que nesta matéria lhes sejam feitas, seja a nível judicial ou extrajudicial, tendo como principal objetivo o contributo para a boa administração da justiça e, nesse sentido, para garantir o melhor interesse do cidadão que, neste caso, se relaciona não só com a indemnização por danos sofridos mas, muito particularmente com a sua capacidade de reintegração/reinserção  familiar, social e profissional e, portanto, também com a sua saúde.

Informações

VAGAS

Vagas:
máx: 20/min:10

CONDIÇÕES DE ACESSO E CRITÉRIOS DE SELEÇÃO E SERIAÇÃO

Condições especificas de acesso ao curso:

Ser detentor do grau de licenciatura, mestrado ou doutoramento em Direito.

Critérios e subcritérios de seleção e seriação_ponderação (10%):

L-Média Final de Licenciatura ou Mestrado Integrado____10%
FA-Formação Académica___20%
ED – Experiência de docência em instituições do ensino superior___15%
CCI – Currículo Científico / Investigação___20%
CCPub – Currículo Científico / Publicações___20%
EP – Experiência Profissional (anos de serviço e o tipo de atividade, relevando-se a atividade na área da Medicina Legal ou outras Ciências Forenses)___15%

Critério de desempate de candidatos:

. Cartas de Recomendação;
. Participação em atividades de índole social, designadamente em voluntariado;
. Cartas de Motivação;
. Prémios relacionados com a apresentação de comunicações em congressos.


CALENDARIZAÇÃO DAS CANDIDATURAS

Candidaturas on-line:
 25 de maio a 1 de junho de 2016

Afixação de resultados provisórios: 8 de junho de 2016

Audiência Prévia: 27 de junho de 2016

Afixação de resultados definitivos: 4 de julho de 2016

Apresentação de reclamação dos candidatos: 5 de julho de 2016

Publicação da decisão de reclamações: 6 de julho de 2016

Matrículas on-line: 7 a 13 de julho de 2016

Eventual colocação de suplentes: 15 de julho de 2016


Valor da propina: 150.00¤ + 2¤ (seguro escolar)

Respetivas prestações e datas limite de pagamento:
- 2 prestações de 75,00¤ no ato da matricula e 75.00¤ até ao final de janeiro de 2017



CALENDARIZAÇÃO DO ANO LETIVO

Calendário:
21.10.2016 a 30.06.2017

Horário: 17h00-21h00 (6ªs feras) e das 9h00-13h00 (sábados)

Local: (aguardamos informação)

Comentários

Para auxiliar a submissão da Candidatura, pode consultar o Guia de Apoio (1).

CANDIDATURAS AQUI



Para auxiliar a realização da Matrícula/Inscrição, pode consultar o Guia de Apoio (2).

REALIZAR MATRÍCULA / INSCRIÇÃO AQUI

Contactos

Informações:
Departamento de Apoio à Investigação e à Pós-Graduação da FMUP 
Educação Contínua
Tel.: 22 0426957
e-mail: educacaocontinua@med.up.pt

Dados Gerais

Docente Responsável: Teresa Magalhães
Sigla: ADPPTJ
Tipo de curso/ciclo de estudos: Curso de Formação Contínua
Início: 2014/2015
Duração: 351 Horas

Planos de Estudos

Diplomas

  • Avaliação do Dano Pessoal Pós-Traumático para Juristas (13 Créditos ECTS)

Áreas Científicas Predominantes

Recomendar Página Voltar ao Topo