Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FMUP
Você está em: Início » Cursos/CE » Especialização » IS
Autenticação




Esqueceu-se da senha?

Informações

Curso de Especialização em Informática na Saúde

A Informática na Saúde estuda os aspetos teóricos das ciências da informação, específicos à compreensão dos dados, informação e conhecimento biomédicos e a aplicação prática das tecnologias de informação em sistemas de saúde, tendo com objetivo o aumento da segurança, efetividade, eficiência, equidade e disponibilidade da prestação de cuidados.

O Curso de Especialização em Informática na Saúde cobre uma variedade de assuntos científicos e técnicos tais como: registos clínicos eletrónicos na prestação de cuidados primários e terciários; sistemas de codificação e classificação de diagnósticos e procedimentos; normas de TIC no domínio da saúde; processamento de sinal e imagem; comunicações eletrónicas entre prestadores de cuidados; sistemas de apoio à decisão; implementação e avaliação de tecnologias e de sistemas de informação.

Este programa foi especialmente elaborado, quer para engenheiros de informática ou cientistas de computadores, quer para médicos, enfermeiros, técnicos de radiologia e outros profissionais das áreas da saúde ou informática que pretendam melhorar os seus conhecimentos e aptidões em informática na saúde, aplicando-os nas suas organizações (hospitais, clínicas, empresas de software, etc.).

Objetivos

Possuir conhecimentos e capacidade de compreensão que constituam a base de desenvolvimentos e/ou aplicações originais inclusivamente em contextos de investigação;

Aplicar os conhecimentos e a capacidade de compreensão e de resolução de problemas em situações novas e não familiares, em contextos alargados e multidisciplinares, ainda que relacionados com a sua área de estudo;

Integrar conhecimentos, lidar com questões complexas, desenvolver soluções ou emitir juízos em situações de informação limitada ou incompleta, incluindo reflexões sobre as implicações e responsabilidades éticas e sociais que resultem dos mesmos ou os condicionem;

Comunicar as suas conclusões e os conhecimentos e raciocínios a elas subjacentes, quer a especialistas, quer a não especialistas, de uma forma clara e sem ambiguidades;

Pretende-se também capacitar os estudantes de competências e conhecimentos nas áreas de Ciências da Informação, Ciências da Saúde e Avaliação de Tecnologias e Sistemas de Informação.

Competências Profissionais

Genéricas
• Descrever a história e os valores da Informática na Saúde e suas relações com áreas disciplinares afins;
• Analisar e modelar um problema, identificando, implementando e validando uma solução, através de processos interativos e iterativos;
• Trabalhar em equipa, com parceiros de disciplinas diversificadas;
• Comunicar, de forma persuasiva, para audiências de múltiplas disciplinas, quer escrita, quer oralmente.

Ciências da Informação
• Relacionar e modelar SI com conceitos de cuidados de saúde;
• Explicar e analisar a natureza de dados, informação e conhecimento;
• Compreender e aplicar representações e modelos de dados;
• Reconhecer e aplicar os métodos e processos usados nos diferentes contextos da informática na saúde.

Ciências da Saúde
• Ter familiaridade com conceitos de saúde ao nível biológico, biomédico e saúde pública e questões comuns de investigação;
• Compreender o uso efetivo de dados, informação e conhecimento biomédicos em áreas como a prestação de cuidados de saúde, na investigação clínica e em serviços de saúde;
• Analisar e avaliar, de forma criteriosa, soluções baseadas em tecnologias e SI biomédica.
• Avaliação de Tecnologias e Sistemas de Informação
• Ter familiaridade com fundamentos das ciências sociais, organizacionais, cognitivas e da decisão;
• Ter conhecimentos básicos em desenho de sistemas centrados em humanos, metodologia de investigação científica, questões éticas, legais e de segurança;
• Compreender os desafios e as limitações das soluções tecnológicas;
• Desenhar, implementar e validar aplicações de informática biomédica;
• Compreender os principais métodos e resultados de estudos de avaliação de tecnologias de saúde, nomeadamente no impacto clínico, económico e social das tecnologias e sistemas de informação.

Informações

 

Regime de funcionamento: e-learning/b-learning


Vagas:
máx. 10/min. 5

Destinatários:

 

São admitidos à candidatura à matrícula a os detentores de licenciatura ou grau equivalente, por instituições nacionais ou estrangeiras, na área das ciências da vida e da saúde, matemática, informática, ciências e tecnologias da informação e áreas afins.
Em casos devidamente justificados e após avaliação curricular poderão ser admitidos titulares de outras licenciaturas ou de graus universitários estrangeiros, desde que o respetivo currículo demonstre uma adequada preparação científica de base.

Critérios de seleção e seriação e respetiva ponderação:

Os candidatos à matrícula serão selecionados tendo em conta os seguintes critérios:

A avaliação do currículo académico do candidato, numa escala de 0 (zero) a 20 (vinte) valores.

- Resultado da entrevista de seleção destinada a avaliar a preparação dos candidatos em áreas científicas de base, a sua experiência profissional e os seus objetivos no âmbito do mestrado.

A classificação da entrevista de seleção será atribuída numa escala de 0 (zero) a 20 (vinte) valores. Esta classificação resultará da soma das médias aritméticas simples, arredondadas às décimas, das classificações dos membros do júri de avaliação.

Será calculada a classificação média final dos candidatos. A classificação média final resultará da média ponderada das classificações obtidas na avaliação curricular (AC) atrás descrita e na entrevista profissional de selecção (E), de acordo com a seguinte fórmula: ((6xAC)+(4xE))/10.


 

CANDIDATURAS ON-LINE:

1ª fase: 7.08 a 7.09.2015


A lista de candidatos admitidos e não admitidos será publicada on-line:

1ª fase: 9.09.2015

Prazos para a apresentação de reclamação de resultados: 

1ª fase: 10.09.2015


Prazo para a decisão de reclamações:

1ª fase: 11.09.2015

MATRICULAS ON-LINE:

1ª fase: 14 e 15.09.2015

Propina: 1250¤ + 2¤ de seguro escolar


Calendário do Ano Letivo: 17.09.2015 a 29.07.2015


CALENDÁRIO LETIVO 2015_2016




Horário: 

5ª feira: 16h00 – 20h00
6ª feira: 14h00 – 20h00
Sábado: 09h00 – 13h00 

Local do Curso: CIDES - Departamento de Ciências da Informação e da Decisão em Saúde - FMUP.


Comentários

Para auxiliar a submissão da Candidatura, pode consultar o Guia de Apoio (1).

CANDIDATURAS 2015/2016 AQUI




Para auxiliar a realização da Matrícula/Inscrição, pode consultar o Guia de Apoio (2).

REALIZAR MATRÍCULA / INSCRIÇÃO AQUI


Contactos

Informações: 

Departamento de Apoio à Investigação e à Pós-Graduação da FMUP 
Educação Contínua
Tel.: 22 551 36 89 
Fax.: 22 551 36 92
e.mail: educacaocontinua@med.up.pt

 

Secretariado do curso – ceis@med.up.pt

Website: http://ceis.med.up.pt

 

Dados Gerais

Docente Responsável: Pedro Pereira Rodrigues
Sigla: IS
Tipo de curso/ciclo de estudos: Especialização
Início: 2014/2015
Duração: 2 Semestres

Planos de Estudos

Unidades Orgânicas Envolvidas

Diplomas

  • Curso de Especialização em Informática da Saúde (60 Créditos ECTS)

Áreas Científicas Predominantes

Recomendar Página Voltar ao Topo