Saltar para:
Logótipo
Você está em: Início » PDN13_7

Abordagens metodológicas em neurociências

Código: PDN13_7     Sigla: PDN13_7

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Neurociências

Ocorrência: 2019/2020 - SP (de 09-09-2019 a 31-07-2020) Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Departamento de Biomedicina
Curso/CE Responsável: Programa Doutoral em Neurociências

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
PDN 4 Plano Oficial do ano letivo 2019 1 - 6 40 162

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Fani Lourença Moreira Neto Regente

Docência - Horas

Teorico-Prática: 0,21
Práticas Laboratoriais: 1,21
Tipo Docente Turmas Horas
Teorico-Prática Totais 6 1,26
Miguel Filipe Tavares da Luz Soares 0,107
Nikolay Vsevolodovich Lukoyanov 0,071
Fani Lourença Moreira Neto 0,07
Manuel Fernando dos Santos Barbosa 0,043
Ana Maria Marques Valentim 0,027
Sofia Alexandra Duque Santos Fernandes 0,018
Armando Cardoso 0,004
Pedro Alberto da Graça Pereira 0,002
Paulo Ricardo Baptista Silva Branco 0,123
Ana Cristina Estrela de Oliveira Charrua Cordeiro 0,054
Isaura Ferreira Tavares 0,027
Dora Raquel da Silva Pinho 0,014
Paulo José Campos Linhares Vieira 0,018
Vasco Miguel Clara Lopes Galhardo 0,079
Maria Isabel Torres Martins 0,006
Paulo Jorge da Silva Correia de Sá 0,057
Manuela Sofia Rodrigues Morato 0,007
Clara Maria Pires Costa Bastos Monteiro 0,036
António Avelino Ferreira Saraiva Silva 0,068
Daniela Vasconcelos Ribeiro Santos Seixas 0,013
Maria Dulce Cordeiro Madeira 0,005
Teresa Maria de Jesus Teixeira de Sousa 0,013
Filipe Almeida Monteiro 0,064
Joana Maria de Pinho Ferreira Gomes 0,212
Práticas Laboratoriais Totais 6 7,26
Maria Mafalda Vieira Pereira Gonçalves de Sousa 0,021
Armando Cardoso 0,011
Fani Lourença Moreira Neto 0,134
Boris Safronov 0,007
Maria Isabel Torres Martins 0,025
Miguel Filipe Tavares da Luz Soares 0,286
Paulo Jorge da Silva Correia de Sá 0,114
Ana Cristina Estrela de Oliveira Charrua Cordeiro 0,179
Teresa Maria de Jesus Teixeira de Sousa 0,008
Daniel Humberto Pozza 0,188
Joana Maria de Pinho Ferreira Gomes 0,08
Sofia Alexandra Duque Santos Fernandes 0,179
Carlos Manuel Gomes Reguenga 0,179
Célia da Conceição Duarte Cruz 0,134
Dora Raquel da Silva Pinho 0,008
António Avelino Ferreira Saraiva Silva 0,021
Pedro Alberto da Graça Pereira 0,011
Mais informaçõesA ficha foi alterada no dia 2020-06-03.

Campos alterados: Objetivos, Resultados de aprendizagem e competências, Métodos de ensino e atividades de aprendizagem, Programa, Melhoria de classificação, Obtenção de frequência, Fórmula de cálculo da classificação final

Língua de trabalho

Português - Suitable for English-speaking students

Objetivos

Esta UC destina-se a fornecer ao estudante conhecimentos teóricos e práticos sobre diferentes metodologias empregues em neurociências, que ele terá oportunidade de aprender mediante a escolha voluntária de um leque de módulos opcionais, de acordo com os seus interesses científicos e eventual projeto de tese.

Resultados de aprendizagem e competências

O estudante dispõe de um vasto leque de opções distribuídas por dezoito componentes curriculares distintas (módulos), de que deve selecionar seis. Ao tomar conhecimento dos fundamentos e modo de utilização de várias técnicas, o estudante desenvolve a capacidade de planear corretamente a abordagem experimental de questões científicas diversas no domínio das neurociências. Estas competências ajudá-lo-ão no desenho de um projeto de investigação, tanto para doutoramento como após o doutoramento, e permitir-lhe-ão compreender e criticar os resultados de outros investigadores, aptidão fundamental para a construção sólida de um determinado corpo de conhecimento.

Modo de trabalho

Presencial

Pré-requisitos (conhecimentos prévios) e co-requisitos (conhecimentos simultâneos)

Programa

Módulo 1 - Abordagens Farmacológicas - António Albino Teixeira (coordenador)

Módulo 2 - Manipulação genética de modelos animais - Mª Isabel Martins (coordenador)

Módulo 3 - Microscopia - António Avelino (coordenador)

Módulo 4 - Visualização de Células Vivas - Paulo Correia de Sá (coordenador)

Módulo 5 - Métodos Estereológicos - Dulce Madeira (coordenador)

Módulo 6 - Cultura de Neurónios - Ana Charrua (coordenador)

Módulo 7 - Produção e Validação de Modelos Animais - Fani Neto (coordenador)

Módulo 8 - Produção de modelos animais geneticamente manipulados - Miguel Soares (coordenador)

Módulo 9 - Cirurgia Estereotáxica e Microcirurgia - Fani Neto (coordenador)

Módulo 10 - Neurotraçadores - Isaura Tavares (coordenador)

Módulo 11 - Neurofisiologia - Vasco Galhardo (coordenador)

Módulo 12 -  Avaliação Comportamental - Clara Monteiro e Joana Ferreira Gomes (coordenadores)

Módulo 13 - Bioinformática essencial - Filipe Monteiro (coordenador)

Módulo 14 - Bioimagiologia quantitativa - Mafalda Sousa (coordenador)

Módulo 15 - Processamento de sinais neurofisiológicos - Paulo Branco (coordenador)

Bibliografia Obrigatória

RD Goldman & DL Specto (eds) .; Live Cell Imaging: A Laboratory Manual, , New York, NY: Cold Spring Harbour Laboratory Press, 2005
R Ian Freshney; Culture of Animal Cells: A Manual of Basic Technique and Specialized Applications, 6th Edition, New Jersey, WileyBlackwell, 2010
L. W. Haynes (editor); Neuron in Tissue Culture, IBRO Handbook series: methods in Neuroscience volume 18, New Jersey, John Wiley & Sons. ISBN: 1999
G Paxinos & C Watson (eds); The rat brain in stereotaxic coordinates, 6th Edition, Sydney, Academic press, 2006
L.R. Squire et al., (eds); Fundamental Neuroscience, 3rd Edition, Canada, Academic press, 2008

Bibliografia Complementar

S Peterson; Drug microinjection in discrete brain regions.Tujunga, California, Kopf Carrier, 50 16., (www.kopfinstruments.com/Carrier/downloads/Carrier50.pdf, 1998
Schaefer PW et al.,; Diffusionweighted MR imaging of the brain. Radiology 217:33145, 2000

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

O estudante conta com o acompanhamento do seu tutor para a escolha dos conteúdos que melhor se lhe
adaptam em termos de formação prévia e investigação a desenvolver no futuro. A unidade baseia-se em aprendizagem prática, hands on, em ambiente de laboratório. O tamanho pequeno dos grupos é garantido, sempre que necessário, pela multiplicação das sessões. A unidade conta ainda com um pequeno número de sessões teóricopráticas para aprendizagem dos fundamentos das
metodologias em estudo. Os estudantes têm acesso prévio a bibliografia específica e são aconselhados a procurarem o seu tutor e os professores sempre que necessário.

Palavras Chave

Ciências da Saúde > Neurociências > Neurobiologia

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída sem exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Apresentação/discussão de um trabalho científico 20,00
Participação presencial 20,00
Teste 20,00
Trabalho escrito 20,00
Trabalho laboratorial 20,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Apresentação/discussão de um trabalho científico 12,00
Estudo autónomo 100,00
Frequência das aulas 40,00
Trabalho escrito 10,00
Total: 162,00

Obtenção de frequência

O estudante tem de ter frequência individual em cada um dos 6 módulos que escolher frequentar com aproveitamento mínimo em cada um. A avaliação em cada módulo tem em conta a capacidade crítica do estudante e a sua preparação prévia, bem como a sua prestação nas sessões práticas.

Dependendo de cada módulo, poderá consistir na realização de teste escrito, trabalho escrito, apresentação oral de artigos científicos, apresentação e discussão de trabalho realizado nas aulas, elaboração escrita de pequenos projetos exploratórios e/ou prestação do aluno nas aulas presenciais.


 


Fórmula de cálculo da classificação final

A classificação final resulta da média aritmética das classificações obtidas em cada um dos seis módulos selecionados pelo estudante, isto é:

(M1+M2+M3+M4+M5+M6)/6

Provas e trabalhos especiais

Trabalho de estágio/projeto

Avaliação especial (TE, DA, ...)

Melhoria de classificação

Existe a possibilidade de melhorar a classificação durante a época de recurso, através da repetição da prova de avaliação nos módulos em que a avaliação possua teste escrito final realizado simultaneamente por todos os alunos. Nos restantes módulos em que não exista teste final a melhoria da classificação é feita por nova frequência de cada módulo individualmente.

Observações

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2021 © Faculdade de Medicina da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2021-10-27 às 21:39:31 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais