Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FMDUP
Você está em: Início > Cursos/CE > MIMD > Informação para Candidatos
Autenticação




Esqueceu-se da senha?

Mapa das Instalações
Principal

Cursos

Mestrado Integrado em Medicina Dentária

Dados Gerais

Código Oficial: 9548
Sigla: MIMD
Descrição:
O ciclo de estudos integrado de Mestrado em Medicina Dentária visa uma formação integrada que culmina na atribuição do grau de mestre em Medicina Dentária, garantindo, contudo, a atribuição do grau de licenciado em ciências básicas em saúde oral aos estudantes que completem os 180 créditos ECTS correspondentes aos primeiros seis semestres curriculares de trabalho previsto no plano de estudos.
A Faculdade de Medicina Dentária da Universidade do Porto confere o grau de mestre em Medicina Dentária aos estudantes que tenham obtido 300 créditos ECTS, através da aprovação em todas as unidades curriculares que integram o ciclo de estudos e da aprovação no ato público de defesa de uma monografia de investigação ou de um relatório de atividade clínica.
 O ciclo de estudos pretende formar Médicos Dentistas com um nível de excelência elevada, capazes de reconhecer no doente “um todo orgânico” socialmente integrado. Atenta às características do atual mercado do trabalho, o curso privilegia uma preparação científica abrangente, o desenvolvimento de competências transversais e a capacidade para conceptualizar projetos e integrar equipas. Para acompanhar a evolução contante do conhecimento cientifico e as necessidades da comunidade em matéria de saúde oral, a formação aposta no ensino pós-graduado, disponibilizando com regularidade cursos de Pós-Graduação, Mestrado e Educação Contínua.

Diplomas

  • Medicina Dentária (300 Créditos ECTS)
  • Ciências Básicas de Saúde Oral (180 Créditos ECTS)

Unidades Curriculares

Anatomia I

MD1101 - ECTS

Na Unidade Curricular de Anatomia I pretende-se que os estudantes aprendam a terminologia anatómica e a nomenclatura das regiões em que se subdivide o corpo humano (Nomina Anatómica) bem como a constituição detalhada do aparelho locomotor. Os alunos terão oportunidade de estudar a Osteologia, a Artrologia, a Miologia e os componentes periféricos da Angiologia e da Nevrologia.

 

 

Biologia Celular e Molecular I

MD1102 - ECTS - Aquisição de competências teóricas e teórico-práticas relacionadas com a composição e com o funcionamento das células
- Capacidade de compreensão das características fisiológicas de um organismo como reflexo das características celulares
- Aquisição de conhecimento relacionado com a evolução e diferenciação celular
- Aquisição de competências de trabalho laboratorial e em grupo

Bioquímica I

MD1103 - ECTS

- Aquisição de conhecimentos sobre os fundamentos da Bioquímica e sua relação com fenómenos do quotidiano.
- Capacidade de análise, integração e discussão dos conhecimentos adquiridos.
- Desenvolvimento da capacidade de identificação e interpretação de situações novas relacionadas com os conhecimentos adquiridos.
- Aquisição de competências de trabalho laboratorial.
- Compreensão da relevância de métodos experimentais da Bioquímica como fundamento de aprendizagem e sua aplicação nas Ciências Médicas.

Epidemiologia e Bioestatística I

MD1104 - ECTS

Pretende-se capacitar os discentes para: a pesquisa bibliográfica, implementação de desenhos de investigação, interpretação de resultados com base em análises estatísticas e divulgação dos mesmos.
Como resultados de aprendizagem estima-se que os estudantes obtenham capacidade analítica e crítica perante um conjunto de resultados. Para tal, deseja-se que os estudantes distingam as escalas de medida e interpretem os diferentes tipos de erros de medida. Apliquem indicadores estatísticos e realizem inferências por métodos paramétricos. Adicionalmente, espera-se que os estudantes saibam distinguir os principais tipos de estudos epidemiológicos e os indicadores epidemiológicos neles obtidos. No domínio da Epidemiologia, os estudantes deverão ter capacidade para descrever e interpretar o estado de saúde das populações, com particular destaque para as doenças infeciosas, e desta forma, saber discutir a relevância dos diferentes níveis de prevenção das doenças.

Inglês

MD1106 - ECTS Ensinar os alunos a preparar, ler e interpretar textos científicos em Inglês.

Introdução à Medicina

MD1105 - ECTS

O exercício de uma área médica como a medicina dentária baseado na prevenção, no diagnóstico, na terapêutica e no prognóstico da doença exige inevitavelmente o recurso a procedimentos de aquisição, de análise criteriosa, de avaliação e de valorização da informação e do conhecimento biomédicos. Neste âmbito, a consciencialização da evolução histórica do pensamento e do conhecimento médicos contribui para criar bases culturais que alicerçam a progressividade do conhecimento científico e clínico, contribuindo para uma prática cientificamente mais eficaz.
O ensino da UC de Introdução à Medicina visa dotar os estudantes de conhecimentos básicos da História da Medicina e compreender as transformações ocorridas no conhecimento ao longo da História. Para tal, o estudante deverá ser capaz de compreender as caraterísticas político-sociais e as concepções éticas e científicas na Grécia clássica; estabelecer relações entre o universo medieval e a prática médica; ser capaz de descrever as particularidades da idade moderna, identificando as principais concepções sobre o homem, o universo e a moral. Adicionalmente, pretende-se que o estudante comece a desenvolver competências de produção científica e oralidade no âmbito da realização de uma monografia escrita e da apresentação da mesma, submetendo-se à discussão do trabalho realizado em ambiente de sala de aula.

Legislação Profissional Nacional e Comunitária

MD1107 - ECTS

A disciplina de Legislação Profissional tem como principal objectivo a aprendizagem e obtenção de conhecimentos sobre o enquadramento profissional da Medicina Dentária no Sistema Nacional de Saúde, e é destinada aos alunos do primeiro ano da licenciatura em Medicina Dentária. Os alunos deverão desenvolver conhecimentos, competências e capacidades para compreenderem as normas e legislação que regulamentam o exercício profissional da Medicina Dentária, assim como o modelo organizativo do Sistema Nacional de Saúde português e a respectiva integração da Medicina Dentária neste sistema. Além disso, deverão incorporar no seu desenvolvimento, uma visão prospectiva, crítica, estratégica e de longo prazo das entidades e organizações que tutelam o exercício profissional da Medicina Dentária, no contexto da evolução do Sistema Nacional de Saúde.

Anatomia II

MD1201 - ECTS

Na Unidade Curricular de Anatomia II pretende-se que os estudantes aprendam a terminologia anatómica e a nomenclatura das regiões em que se subdivide o corpo humano (Nomina Anatómica) bem como a constituição detalhada do sistema nervoso central e da esplancnologia. Os alunos terão oportunidade de estudar o Sistema Nervoso Central, os Órgãos Sensoriais, os Nervos Cranianos e a Esplancnologia.

Biofísica

MD1202 - ECTS - Adquirir conceitos Físicos com relevância técnico-científica na prática clínica da  Medicina Dentária.
- Adquirir os  fundamentos Físicos dos Meios Complementares de Diagnóstico e Tratamento em Medicina Dentária.

Biologia Celular e Molecular II

MD1203 - ECTS

- Aquisição de conhecimento relacionado com a composição, estrutura, função e metabolismo dos ácidos nucleicos
- Aquisição de competências teóricas sobre os mecanismos moleculares relacionados com a manutenção, expressão e transmissão da informação genética
- Reconhecimento da complexidade molecular subjacente a todas as células
- Compreensão dos mecanismos relacionados com as características de diferentes tipos celulares
- Conhecimento das principais técnicas de biologia molecular relacionadas com a identificação, manipulação e análise de ácidos nucleicos
- Reconhecimento da importância das diferentes técnicas de biologia molecular no contexto das ciências da saúde, nomeadamente a sua importância ao nível do diagnóstico molecular
- Reconhecimento da importância da biologia molecular na investigação científica
- Aquisição de competências laboratoriais na aplicação de técnicas de biologia molecular e também no estabelecimento, manutenção e caracterização celular e molecular de culturas celulares humanas

Bioquímica II

MD1204 - ECTS

- Aquisição de conhecimento acerca dos princípios físico-químicos que estão na base do metabolismo.
- Compreensão dos fenómenos moleculares dos processos de digestão e absorção dos nutrientes.
- Aquisição de conhecimento acerca dos principais processos metabólicos realizados no nosso organismo.
- Capacidade de relacionar a existência e características de algumas doenças genéticas com deficiências metabólicas.
- Capacidade de análise, integração e discussão dos conhecimentos adquiridos.
- Aplicação dos conhecimentos adquiridos em situações concretas do quotidiano.

Epidemiologia e Bioestatística II

MD1205 - ECTS

Os objetivos fundamentais são o aprofundamento e a consolidação do espírito científico, iniciados na Unidade Curricular de EB I.
Desta forma, pretende-se que os estudantes diferenciem a aplicabilidade de diferentes métodos estatísticos paramétricos e não paramétricos capazes de testar hipóteses de relação. Adicionalmente, pretende-se que saibam determinar a força e a evidência dos resultados estatísticos obtidos e, por último, saber discutir a plausibilidade de um possível nexo de causalidade.
Pretende-se que obtenham capacidade crítica, ainda que empírica, do cariz multifactorial que está subjacente à origem da esmagadora maioria das doenças. No domínio da Epidemiologia pretende-se ainda, que os estudantes saibam interpretar as principais propriedades dos métodos de diagnóstico e, em função das mesmas, saibam discutir a aplicação dos meios e métodos de diagnóstico mais adequados aos objetivos propostos.para avaliar a causa das doenças

Introdução à Medicina Dentária e à Clínica

MD1206 - ECTS

O estudante deve:

  • Entender a evolução da medicina dentária desde a antiguidade.
  • Conhecer a prática da medicina dentária em todo o mundo.
  • Saber pesquisar informação relevante para o exercício profissional.
  • Estar preparado para se integrar na Clínica da FMDUP e conhecer os seus equipamentos e metodologias, com vista a facilitar a sua integração nas futuras aulas clínicas.
  • Conhecer os riscos associados à prática da profissão.
  • Saber efetuar corretamente os procedimentos de desinfeção e esterilização de instrumentos e equipamentos.
  • Ter consciência da importância das normas de controlo da infeção para a segurança da equipa de saúde oral e do paciente.
  • Saber quais os requisitos legais quanto ao manuseamento e triagem dos resíduos produzidos numa clínica dentária.
  • Conhecer os riscos profissionais e saber como os prevenir e tratar.
  • Conhecer as regras de exercício profissional e as entidades que o regulam.
Ter conhecimentos básicos para instalar e gerir uma clínica de medicina dentária.

Tecnologias da Informação e Comunicação

MD1207 - ECTS A unidade curricular TIC tem como principal objetivo capacitar os alunos que agora iniciam um percurso académico de ensino superior, para as tarefas de procura e produção de conhecimento que têm pela frente. Assim, em primeiro lugar, espera-se que se tornem capazes de utilizar convenientemente as ferramentas / tecnologias de acesso à informação disponibilizadas pela comunidade científica e pela Universidade do Porto, em particular. Depois de sensibilizados para a importância da comunicação interpessoal na academia, entre pares e na sociedade atual, pretende-se dotar os alunos de competências para uma difusão eficaz do conhecimento científico a que acederem e que venham a produzir.
Espera-se que, no âmbito desta UC, que o estudante adquira competências de modo a ser capaz de planear, implementar e apresentar trabalhos de investigação científica.

Anatomia e Histologia Dentária I

MD2301 - ECTS

A unidade curricular de Anatomia e Histologia Dentária I tem como principal objetivo a aprendizagem e obtenção de conhecimentos sobre a morfologia dos dentes permanentes do grupo anterior e da ultra-estrutura das células e dos tecidos da cavidade oral. Destina-se aos estudantes do segundo ano do Mestrado Integrado em Medicina Dentária.

Fisiologia I

MD2302 - ECTS

Desenvolver conhecimentos básicos para uma compreensão dos mecanismos de funcionamento dos sistemas orgânicos humanos e sua visão integrada;

Fomentar a discussão de efeitos de diferentes perturbações do equilíbrio orgânico  

Proporcionar um ambiente de ensino que estimule a atitude crítica e o raciocinio clínico 

Desenvolver a capacidade de estudo e integração de conhecimento, essenciais para uma prática clínica baseada na evidência.

Genética Médica I

MD2303 - ECTS Os estudantes deverão dispor de conhecimentos e aptidões que os habilitem a:
desenvolver um conceito moderno de saúde e dos seus condicionantes de natureza hereditária;
adquirir a capacidade para situar e analisar as principais patologias genéticas em Portugal no contexto da promoção da saúde;
compreender as atitudes tomadas em aconselhamento genético relativas a educação para a saúde e a prevenção da doença e das suas complicações;
conhecer os principais fatores de risco que podem concorrer para o aparecimento de um certo número de doenças multifatoriais.

Histologia e Embriologia I

MD2304 - ECTS

A disciplina de Histologia e Embriologia tem como principal objectivo a aprendizagem e obtenção de conhecimentos sobre a ultra-estrutura dos tecidos do organismo humano e do desenvolvimento embriológico dos tecidos e órgãos humanos, sendo destinada aos alunos do segundo ano da licenciatura em Medicina Dentária. Os alunos deverão desenvolver conhecimentos, competências e capacidades para compreenderem as características morfológicas ultra-estruturais das células e dos tecidos que constituem os diversos órgãos ou aparelhos do corpo humano e as diversas etapas do seu desenvolvimento embriológico. Além disso, deverão incorporar no seu desenvolvimento, uma visão crítica, da importância do conhecimento da ultra-estrutura e do desenvolvimento tecidular ou orgânico na etiologia de patologias e suas manifestações clínicas.

Imagiologia Geral e Dentária I

MD2305 - ECTS

Imagiologia Geral e Dentária I
Tornar o aluno competente na execução das técnicas de imagem e outras técnicas relacionadas, sua interpretação e aplicação ao diagnóstico e ao tratamento em medicina dentária.
Conhecimento da radiação, protecção da radiação na prática dentária, formação das imagens em medicina dentária.
Conhecimento das técnicas radiográficas intra e extra orais. Conhecer as indicações e contra-indicações desses estudos.
Adquirir noções de semiologia imagiológica. Saber interpretar imagens normais, de patologias, de alterações e de tratamentos efectuados em medicina dentaria.
Tornar o aluno apto a efectuar o estudo destes assuntos de forma autónoma e continua.

Imunologia I

MD2306 - ECTS

• Adquirir competências no âmbito dos conceitos básicos da imunologia humana.
• Dar a conhecer os mecanismos básicos da resposta imunológica à agressão endógena e exógena, enquadrados nas alterações patológicas da medicina humana.
• Desenvolver os conhecimentos referentes às principais patologias derivadas de deficiências do sistema imunitário.
• Conhecer as principais patologias no âmbito de intervenção da imunopatologia oral.
• Compreender as principais actuações de modulação terapêutica.
• Adquirir competências relativas ao trabalho laboratorial e de investigação na área da imunologia aplicada.

Microbiologia I

MD2307 - ECTS

No final da unidade curricular de Microbiologia I é esperado que o estudante conheça e compreenda: i) a diversidade e importância do mundo microbiano; ii) a anatomia, a fisiologia e a genética microbiana e iii) as características taxonómicas, morfológicas, reprodutivas, culturais e de diagnóstico das bactérias, dos fungos, dos parasitas, dos vírus e dos priões. Adicionalmente, é esperado que o estudante conheça, compreenda e adquira competências técnicas na metodologia laboratorial de manipulação, isolamento, caracterização, identificação e estudo de microrganismos.

 

 

Psicologia I

MD2308 - ECTS
  1. Introduzir a área científica da Psicologia, apresentando os principais conteúdos, modelos e questões da Psicologia e, numa perspetiva interdisciplinar, identificar os possíveis interfaces com a Medicina Dentária.
  2. Perspetivar a pessoa na sua complexidade como um todo (nos seus padrões de funcionamento individuais, sociais e culturais) e na sua especificidade em cada fase desenvolvimental (infância, adolescência, estado adulto).
  3. Aplicar competências de observação, identificação e interpretação de expressões humanas (comportamentos, reações emocionais ou manifestações não-verbais) em jogo no contexto da dinâmica de consulta de medicina dentária.
  4. Agir adequadamente perante essas expressões e dinâmicas inerentes à relação/comunicação médico-doente.
  5. Adotar uma atitude clínica relacional que contribua para uma correta prática da medicina dentária (postura atenta, disponível e compreensiva, conducente à criação de empatia e de respeito).
  6. Aplicar competências crítico-analíticas face às matérias.
  7. Desenvolver uma postura profissional no contexto da aula, da consulta e perante os colegas.

Anatomia e Histologia Dentária II

MD2401 - ECTS

A unidade curricular Anatomia e Histologia Dentária II tem como principal objetivo a aprendizagem e obtenção de conhecimentos sobre a morfologia dos dentes permanentes do grupo posterior, dos dentes decíduos e do desenvolvimento embriológico dos dentes e do maciço orofacial. Destina-se a estudantes do segundo ano do Mestrado Integrado em Medicina Dentária.

Farmacologia

MD2402 - ECTS A unidade curricular “Farmacologia” (2º ano, 2º semestre) visa proporcionar conhecimentos farmacológicos amplos, de modo a permitir a compreensão de unidades curriculares subsequentes que se relacionam com a terapêutica medicamentosa. Tem dois objetivos principais:
- aquisição de conhecimentos de Farmacologia geral, nomeadamente, os termos e conceitos básicos farmacológicos, para o desenvolvimento de competências no âmbito da compreensão e aplicação de conhecimentos relativos aos princípios de farmacologia, comuns à utilização de qualquer fármaco.
- a aquisição de conhecimentos na Farmacologia de medicamentos com acções em vários sistemas do organismo (farmacologia do sistema nervoso vegetativo e farmacologia do sistema endócrino). Adicionalmente, a compreensão dos tóxicos e intoxicações

Fisiatria-Ergonomia

MD2403 - ECTS

Após terminar com sucesso esta UC, o estudante de Medicina Dentária deverá ser capaz de saber, compreender, saber fazer, saber demonstrar que sabe fazer e/ou aplicar os conteúdos programáticos lecionados, o que lhe permitirá o desenvolvimento e a obtenção das competências referidas no ponto 6, de acordo com o:

 

Conteúdo programático I

Fisiatria e Ergonomia na prática clínica em Medicina Dentária

a) definir Fisiatria e Ergonomia e os seus âmbitos de atuação

b) diferenciar Défice Funcional, Incapacidade e Desvantagem consequentes a Lesão e/ou Sequela(s)

c) aplicar os conceitos de Défice Funcional, Incapacidade e Desvantagem á prática clínica no âmbito das lesões profissionais

d) estabelecer e interpretar ligações conceptuais entre a Fisiatria e a Ergonomia na atividade e lesões profissionais

e) sumarizar os problemas alvo em patologias profissionais

f) demonstrar os ganhos funcionais advindos da Fisiatria e da Ergonomia na Prática Clínica em Medicina Dentária

g) desenvolver conhecimentos e aptidões com utilidade para posteriores UC’s do Curso de MIMD e para a sua futura prática clínica em Medicina Dentária

 

Conteúdo programático II

Conceitos e Aplicações Funcionais à Clínica Médica

a) definir Contracção Muscular, Propriocetividade, Exteroceptividade, Esforço, Postura e Movimento

b) reconhecer e explicar as bases fisiológicas dos conceitos definidos na alínea a)

c) descrever

- o funcionamento do fuso neuromuscular

- a atividade motora alfa e gama

- a relação funcional entre o músculo agonista e o músculo antagonista

- o estiramento (e os diferentes tipos de estiramento)

- a contração muscular (e os diferentes tipos de contração muscular)

- as cadeias cinéticas

d) estabelecer a relação entre contração muscular, postura, movimento e esforço

e) justificar a importância da proprioceptividade e exteroceptividade para a postura e o movimento

f) analisar e avaliar a relação dialética entre a postura, o movimento, a contração muscular estática e dinâmica e esforço

g) demonstrar o contributo da Fisiatria e Ergonomia para uma melhor relação dialética entre a postura, o movimento, contracção muscular, proprioceptividade e o esforço na atividade profissional em Medicina Dentária

h) exemplificar algumas das suas aplicações funcionais (na prática da Clínica Médica Dentária)

 

Conteúdo programático III

Ergonomia

a) descrever Ergonomia (e o seu âmbito de atuação)

b) ilustrar parâmetros antropométricos em Ergonomia

c) discriminar parâmetros biomecânicos e de manuseamento de cargas em Ergonomia

d) estabelecer uma relação entre os princípios da Ergonomia e o esforço

e) interpretar o relacionamento inadequado entre o operador e

as tarefas e/ou os equipamentos e a sua postura, com as consequentes lesões profissionais

f) relacionar a Ergonomia com o impacto social e em saúde das doenças profissionais

g) demonstrar a importância da Ergonomia para a saúde ocupacional

h) conhecer e discutir algumas das normas ergonómicas europeias gerais e para a atividade médica dentária em particular [em relação ao Médico Dentista (e Assistente), ao Doente e ao ambiente de trabalho]

 

Conteúdo programático IV

Dor

a) definir Dor

b) descrever os mecanismos neurofisiológicos da génese da Dor

c) categorizar a Dor (e os tipos de Dor)

d) comparar as vertentes dimensionais da Dor

e) discriminar entre Dor Aguda e Dor Crónica

f) inferir da dialética Dor e limitação funcional

g) construir relações causais entre Postura, Movimento, Gesto Técnico

e Dor

h) reportar exemplos clínicos de Dor no Médico Dentista durante a Prática Clínica em Medicina Dentária

i) demonstrar a importância da abordagem fisiátrica e ergonómica na Dor

no Médico Dentista durante a Prática Clínica em Medicina Dentária

 

Conteúdo programático V

Postura, Movimento, Gesto Técnico e Lesão Músculo-Esquelética (ME) Microtraumática

a) identificar uma Lesão ME Microtraumática

b) descrever mecanismos lesionais

c) apontar exemplos de Prevenção Primária, Secundária e Terciária nas Lesões ME Microtraumáticas

d) debater a importância da Proprioceptividade, da Exteroceptividade, dos Sistemas Músculo-esquelético e Neurológico e do Ambiente de Trabalho na execução do Gesto Técnico

e) detetar Disfunções ME Microtraumáticas consequentes a um Gesto Técnico

f) diferenciar e discutir os diferentes mecanismos do Gesto Técnico que acarretam Lesão ME Microtaumática

g) testar diferentes gestos técnicos para a mesma tarefa, identificando aquele ergonomicamente mais correto

 

Contéudo programático VI

Ergonomia e Prevenção das Lesões ME Microtraumáticas

a) listar algumas normas ergonómicas mais importantes em Medicina Dentária

b) identificar os princípios ergonómicos da norma

c) explicar o conteúdo da norma e a sua aplicabilidade á prevenção das Lesões ME Microtraumáticas

d) estabelecer relações entre a Lesão ME Micro-traumática e a não aplicabilidade da norma ergonómica

e) testar algumas das normas ergonómicas mais importantes em Medicina Dentária

 

Conteúdo programático VII

Patologias mais comuns na Prática Clínica em Medicina Dentária em relação com a Postura e o Gesto Técnico

a) Nomear as Síndromes Dolorosas axiais e periféricas mais comuns na prática clínica em Medicina Dentária

b) definir e listar exemplos de Síndromes Posturais, Síndromes Miofasciais e Distúrbios da Estática do Ráquis

c) enumerar as Tendinites e Tenosinovites mais comuns consequentes à atividade profissional do Médico Dentista

d) reconhecer os vários tipos de lesões neurológicas (profissionais) dos membros superior e inferior no Médico Dentista

e) relacionar a anatomia funcional e a semiologia clínica nas patologias mais comuns na prática clínica em Medicina Dentária

f) explicar o mecanismo fisiopatológico da patologia profissional

g) ilustrar a relação entre postura, movimento, tarefa e patologia profissional

h) detetar algumas disfunções que conduzam á patologia profissional

i) discutir o seu prognóstico clínico

j) recomendar algumas medidas preventivas e terapêuticas

l) sumarizar e resolver os problemas alvo (básicos) de cada uma das patologias profissionais em Medicina Dentária

 

Conteúdo programático VIII

Fisiatria e Ergonomia aplicadas às patologias ocupacionais em Medicina Dentária - Prevenção e Terapêutica

a) nomear princípios de Higiene Postural

b) comparar os princípios de Ergonomia e os da Higiene Postural

c) criticar normas ergonómicas em relação á prática clínica em Medicina Dentária, no âmbito da Higiene Postural

d) avaliar normas ergonómicas em relação á prática clínica em Medicina Dentária no âmbito das Lesões ME Microtraumáticas do membro superior e membro inferior no Médico Dentista

e) planificar um programa de exercícios profiláticos e terapêuticos visando a Higiene Postural e a prevenção da fadiga muscular no Médico Dentista

f) sumarizar um programa de exercícios profiláticos e terapêuticos para as Lesões ME Microtraumáticas do Membro Superior e Membro Inferior no Médico Dentista

g) discutir os programas de exercícios profiláticos e terapêuticos anteriores

 

Conteúdo programático IX

Meios Físicos Terapêuticos aplicados às patologias ocupacionais em Medicina Dentária

a) nomear vários tipos de Meios Físicos Terapêuticos

b) discriminar os seus efeitos terapêuticos

c) reconhecer a importância dos Meios Físicos na terapêutica conservadora

d) comparar os diferentes Meios Físicos Terapêuticos

e) discutir a aplicabilidade destes Meios Físicos Terapêuticos

ao Médico Dentista na ocorrência de patologias profissionais

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fisiologia II

MD2404 - ECTS Desenvolver conhecimentos básicos para uma compreensão dos mecanismos de funcionamento dos sistemas orgânicos humanos e sua visão integrada;

Fomentar a discussão de efeitos de diferentes perturbações do equilíbrio orgânico  

Proporcionar um ambiente de ensino que estimule a atitude crítica e o raciocinio clínico 

Desenvolver a capacidade de estudo e integração de conhecimento, essenciais para uma prática clínica baseada na evidência.

Genética Médica II

MD2405 - ECTS Os estudantes deverão dispor de conhecimentos e aptidões que os habilitem a:
identificarem a etiopatogenia das doenças genéticas,
identificarem os principais meios e técnicas de diagnóstico de alterações genéticas,
reconhecer a aplicabilidade dos principais meios auxiliares de diagnóstico em genética,
efetuar uma correcta transmissão aos doentes e familiares da informação que lhes diz respeito, uma vez definida a situação pelo geneticista.

Histologia e Embriologia II

MD2406 - ECTS

A disciplina de Histologia e Embriologia II tem como principal objectivo a aprendizagem e obtenção de conhecimentos sobre a ultra-estrutura dos tecidos do organismo humano e do desenvolvimento embriológico dos tecidos e órgãos humanos, sendo destinada aos alunos do segundo ano da licenciatura em Medicina Dentária. Os alunos deverão desenvolver conhecimentos, competências e capacidades para compreenderem as características morfológicas ultra-estruturais das células e dos tecidos que constituem os diversos órgãos ou aparelhos do corpo humano e as diversas etapas do seu desenvolvimento embriológico. Além disso, deverão incorporar no seu desenvolvimento, uma visão crítica, da importância do conhecimento da ultra-estrutura e do desenvolvimento tecidular ou orgânico na etiologia de patologias e suas manifestações clínicas.

Imunologia II

MD2407 - ECTS

- Integrar o conhecimento dos mecanismos básicos da resposta imunológica e a sua participação na origem e desenvolvimento de patologia humana.
- Desenvolver os conhecimentos referentes às principais patologias derivadas de deficiências do sistema imunitário.
- Conhecer as principais patologias no âmbito de intervenção da imunopatologia oral.
- Conhecer os princípios do diagnóstico de situações de imunopatologia e da sua modulação terapêutica.

Microbiologia II

MD2408 - ECTS No final da unidade curricular de Microbiologia II é esperado que o estudante conheça e compreenda:
1. a interação microrganismo-hospedeiro e, em particular, a relação microrganismo e doença humana;
2. os diferentes métodos e princípios gerais do controlo do crescimento microbiano e
3. a população microbiana da cavidade oral e a etiologia das infeções orais.
Adicionalmente, é esperado que o estudante:
4. domine e tenha competência para interpretar e compreender a leitura de casos clínicos;
5. adquira competências nos métodos e técnicas laboratoriais de diagnóstico de microrganismos associados à cavidade oral;
6. adquira competências nos métodos e técnicas laboratoriais de avaliação dadquira competências necessárias ao desenvolvimento de um projeto de investigação científica.a infeção cruzada no âmbito médico-dentário e
7. adquira competências necessárias ao desenvolvimento de um projeto de investigação científica.

Psicologia II

MD2409 - ECTS
 
Contribuir para a maturidade emocional do instruendo, passível de se traduzir em atitude terapêutica.

Isto passa por aquisição de conhecimentos no âmbito da propedêutica — perícias da entrevista clínica onde se contempla, por um lado, a vertente terapêutica da relação médico-doente; e por outro o comportamento na doença e comportamentos levando à doença, stress e perturbações somatoformes —, e da semiologia.
Conhecimentos a serem complementados pelo treino de competências a adquirir, no sentido de reconhecer o que da pessoa resulta no sintoma e o que do sintoma resulta na pessoa; bem assim como para identificar estilos de vida tóxicos. E por outro lado, incidindo sobre a relação médico-doente, pelo desenvolvimento da capacidade de conduzir uma relação transferencial em sentido terapêutico — aqui incluída a capacidade empática, a autenticidade, e o “saber ouvir” e contribuir para alcançar um diagnóstico global relativo à pessoa na sua circunstância.
Aplicar competências de observação, identificação e interpretação de expressões humanas (comportamentos, reações emocionais ou manifestações não-verbais) em jogo no contexto da dinâmica de consulta de medicina dentária.
Aplicar competências crítico-analíticas face às matérias.
Desenvolver uma postura profissional no contexto da aula, da consulta e perante os colegas.

Biopatologia I

MD3501 - ECTS
A UC de Biopatologia I dedica-se ao estudo das alterações estruturais e funcionais das células, órgãos e tecidos que estão subjacentes às doenças.
O ensino da Biopatologia I tem como principal objetivo dar a conhecer ao estudante uma nova linguagem.

A linguagem anátomo-patológica funciona como a base de toda a linguagem médica e, pela sua antiguidade e universalidade na área das ciências biomédicas, é um elemento indispensável para a integração coerente das “descobertas” que constantemente ocorrem (nomeadamente ao nível da Biologia Molecular) e para a construção do actual corpo de conhecimento científico.

A aprendizagem desta linguagem subentende não só a memorização das palavras e dos conceitos que elas exprimem, mas também a capacidade de utilizar estes conhecimentos na interpretação de dados e na resolução de problemas.

Pretende-se que o estudante conheça processos biológicos e modelos de doença que lhe permitam, perante um determinado quadro semiológico, identificar um conjunto de patologias possíveis e prever a evolução das mesmas.

Ciências e Tecnologia de Biomateriais I

MD3502 - ECTS

OBJECTIVOS EDUCACIONAIS


A disciplina Ciência e Tecnologia de Biomateriais tem como objectivo o ensino teórico e prático das características e processos de fabrico dos materiais dentários.
O ensino no seu conceito actual, deve ser informativo e formativo; para que isso seja conseguido o aluno deve ter uma participação activa e consciente na aprendizagem. A participação do aluno na aprendizagem deve ser constantemente estimulada. Esta participação, sem pretender o desaparecimento do ensino formal, aponta um pouco mais para um formato de divulgação de conhecimentos onde o foco está especialmente em quem aprende e não tanto em quem ensina como na educação tradicional. A função do docente é essencialmente a de estimular a aquisição de conhecimentos e o domínio dos métodos, bem como orientar os alunos no seu estudo.
Esta concepção de aprendizagem baseada na exploração do conhecimento e cada vez menos na aquisição passiva de informação é hoje considerada fundamental para um processo de educação permanente, essencial a todos os profissionais de saúde e particularmente para o médico dentista.


OBJECTIVOS EDUCACIONAIS 


A disciplina Ciência e Tecnologia dos Biomateriais deverá proporcionar ao aluno as bases indispensáveis para:
- Aprender os princípios fundamentais e elementares da Ciência dos Materiais.
- Conhecer definições e terminologia relativas a metais, cerâmica, polímeros e suas combinações.
- Aprender as bases científicas para racionalmente seleccionar, manipular e aplicar os materiais dentários.
- Aprender, através de exercícios específicos, a usar de forma adequada cada um dos materiais dentários isoladamente.






Dentisteria Operatória I

MD3503 - ECTS

Aquisição de competencias por parte dos estudantes nas áreas científica e técnica básicas que os capacitem para o diagnóstico, a prevenção e o tratamento de cárie dentária e outras patologias dos tecidos duros dos dentes. Os estudantes deverão ficar capacitados para saber executar técnicamente os preparos cavitários e tratamentos restauradores em ambiente pré-clínico da área da Dentisteria Operatória.

Farmacologia e Terapêutica I

MD3504 - ECTS A unidade curricular “Farmacologia e Terapêutica I” (3º ano; 1º semestre) tem dois objectivos principais:
- aquisição de conhecimentos da farmacologia dos vários sistemas, dando continuidade ao conteúdo programático da unidade curricular “Farmacologia” (2º ano, 2º semestre);
- compreensão abrangente e integrada dos vários grupos farmacológicos, para o conhecimento dos medicamentos atuais e aquisição de competências para uma avaliação crítica dos novos medicamentos.

Medicina Dentária, Preventiva e Saúde Oral Comunitária I

MD3505 - ECTS

Os estudantes deverão desenvolver conhecimentos, competências e capacidades no âmbito da medicina dentária preventiva , saúde pública e saúde pública comunitária, para compreenderem e reconhecerem os factores de risco e determinantes das doenças orais e serem capazes de incorporar uma visão critica da importância da prevenção, educação para a saúde e promoção da saúde oral num contexto clinico e num contexto comunitário.

Espera-se no final do semestre que os estudantes tenham adquiridos conhecimentos e desenvolvido competências e capacidades que lhes permitam implementar medidas preventivas em regime clinico e em contexto comunitário.

Adicionalmente pretende-se que os estudantes adquiram aptidões e competências de planear e desenvolver ações de Promoção de Saúde Oral Comunitária.

Oclusão, ATM e Dor Orofacial I

MD3506 - ECTS

Proporcionar aos estudantes os conhecimentos básicos essenciais, que os habilitem a avaliar a normalidade de função do complexo cranio-cervico-mandibular, bem como identificar e catalogar os indícios de patologia presente.

A nível prático visa preparar o estudante para a correta realização do exame clínico específico do complexo crânio-cérvico-mandibular.

Prótese Fixa I

MD3507 - ECTS
- Ser competente no conhecimento da evolução da Prótese Fixa, do seu objeto de estudo e de investigação, e da sua inter-relação com outras ciências importantes para a formação dos médicos dentistas; na caracterização dos problemas ligados com a mortalidade dentária e a necessidade da sua substituição protética, incluindo a sua magnitude e dimensão epidemiológica; nos conceitos e terminologias inerentes à UC, utilizando uma linguagem científica apropriada; no conhecimento das principais etapas da reabilitação oral com prótese fixa de casos simples (incrustações, coroas e pontes de pequena extensão).
- Ter conhecimento dos procedimentos laboratoriais utilizados para a elaboração de restaurações unitárias e de pontes, dento ou implanto-suportadas; dos materiais e das novas tecnologias relacionadas com a Prostodontia.
- Estar familiarizado: com as noções sobre a validade dos conhecimentos e a necessidade de formação contínua articulada com a atividade profissional.

Prótese Removível I

MD3508 - ECTS

Situar a Prostodontia Removível no âmbito da Medicina Dentária.
Aprendizagem da terminologia e dos conceitos básicos necessários à compreensão da Prostodontia Removível.
Estudo das consequências das perdas dentárias.
Aquisição de conhecimentos essenciais para o diagnóstico do paciente totalmente desdentado.
Aquisição de conhecimentos gerais relacionados com a reabilitação, com prótese removível, de pacientes totalmente desdentados.
Contacto com equipamentos, materiais e técnicas utilizadas no tratamento protético.

Biopatologia II

MD3601 - ECTS

O objectivo fundamental do ensino da Biopatologia II é conseguir-se que o estudante seja capaz de utilizar o estudo das lesões (morfológicas, imunológicas, bioquímicas, moleculares) como instrumento para avançar na compreensão da etiopatogenia e nas propostas de diagnóstico, seleção terapêutica e prognóstico das doenças mais frequentes, em particular das doenças da cavidade oral. 

Cirurgia Oral I

MD3602 - ECTS

A Cirurgia Oral I no ensino pré-graduado tem como objectivos assegurar que o aluno do Mestrado Integrado em Medicina Dentária adquira conhecimentos sobre a anatomia da cavidade oral, formas de controlo da dor, técnicas de assepsia e anti-sépsia, material cirúrgico e desenvolva competências para a prática de Cirurgia Oral.
O controlo da dor e ansiedade do doente é fundamental na Cirurgia Oral, pelo que o aluno do ensino pré-graduado deverá ser capaz de administrar todas as formas de anestesia local e regional necessárias para intervenção cirúrgica na cavidade oral e ser capaz de lidar com as complicações que possam ocorrer após aplicação desses métodos de controlo da dor.

Endodontia I

MD3603 - ECTS

Aquisição dos conhecimentos teóricos fundamentais da disciplina e necessários para a realização dos trabalhos práticos exigidos.
Obtenção de conhecimentos e competências para o tratamento endodôntico radical de dentes monorradiculares e birradiculares extraídos montados em blocos de acrílico.

Especialidades Médicas I

MD3604 - ECTS

Aplicar e conetar os conhecimentos das diferentes àreas da Medicina à Medicina Dentária. Demonstrar qual a modificação que os tratamento dentários poderão sofrer face às diferentes patologias apresentadas pelo doentes.

Imagiologia Geral e Dentária II

MD3605 - ECTS

Tornar o aluno competente na execução das técnicas de imagem, sua interpretação e aplicação ao diagnóstico e ao tratamento em medicina dentária.
Conhecimento das técnicas radiográficas extra orais. Conhecer as indicações e contra-indicações desses estudos.
Adquirir noções de semiologia imagiológica. Saber interpretar imagens normais, de patologias, de alterações e de tratamentos efectuados em medicina dentaria.
Tornar o aluno apto a efectuar o estudo destes assuntos de forma autónoma e continua. Contribuir para que o aluno se torne capaz de efectuar investigação científica neste ramo de conhecimento.

Medicina Oral I

MD3606 - ECTS

A Unidade Curricular de Medicina Oral I pretende introduzir os conceitos básicos que permitam ao estudante adquirir conhecimentos e competência na área do diagnóstico e tratamento das afeções da mucosa oral, ossos maxilares e glândulas salivares. Assim como no diagnóstico e tratamento das dores orofaciais e das manifestações orais de doenças sistémicas.


Odontopediatria I

MD3607 - ECTS Iniciação dos alunos no tratamento de crianças

Ortodontia I

MD3608 - ECTS

Aprofundar o conhecimento do desenvolvimento normal e patológico humano, a nível facial e do aparelho estomatognático.

Introdução à má aclusão e bases biológicas e mecânicas do tratamento ortodôntico.

Periodontologia I

MD3609 - ECTS

A unidade curricular de Periodontologia I tem como objetivos específicos principais, na sua componente teórica, o conhecimento e a compreensão dos diferentes componentes do sistema periodontal e respetivos comportamentos tanto no indivíduo saudável como no periodontalmente comprometido. Assim como os diferentes aspetos da epidemiologia das doenças periodontais: classificação, fatores de risco e prevalências. Na componente teórico-prática visa integrar os conhecimentos adquiridos nas aulas teóricas com exemplos clínicos práticos, proporcionar o primeiro contacto com os procedimentos básicos de diagnóstico periodontal e a integração dos alunos na clínica da Faculdade.Entre os objetivos não específicos destacamos a crítica cientificamente fundamentada dos conhecimentos teóricos e teórico-práticos, avaliação e limitações da informação adquirida.

Ciências e Tecnologia de Biomateriais II

MD4701 - ECTS

OBJECTIVOS EDUCACIONAIS


A disciplina Ciência e Tecnologia de Biomateriais tem como objectivo o ensino teórico e prático das características e processos de fabrico dos materiais dentários.
O ensino no seu conceito actual, deve ser informativo e formativo; para que isso seja conseguido o aluno deve ter uma participação activa e consciente na aprendizagem. A participação do aluno na aprendizagem deve ser constantemente estimulada. Esta participação, sem pretender o desaparecimento do ensino formal, aponta um pouco mais para um formato de divulgação de conhecimentos onde o foco está especialmente em quem aprende e não tanto em quem ensina como na educação tradicional. A função do docente é essencialmente a de estimular a aquisição de conhecimentos e o domínio dos métodos, bem como orientar os alunos no seu estudo.
Esta concepção de aprendizagem baseada na exploração do conhecimento e cada vez menos na aquisição passiva de informação é hoje considerada fundamental para um processo de educação permanente, essencial a todos os profissionais de saúde e particularmente para o médico dentista.



A disciplina Ciência e Tecnologia de Biomateriais deverá proporcionar ao aluno as bases indispensáveis para:
- Aprender os princípios fundamentais e elementares da Ciência dos Materiais.
- Conhecer definições e terminologia relativas a metais, cerâmica, polímeros e suas combinações.
- Aprender as bases científicas para racionalmente seleccionar, manipular e aplicar os materiais dentários.
- Aprender, através de exercícios específicos, a usar de forma adequada cada um dos materiais dentários isoladamente.



Cirurgia Oral II

MD4702 - ECTS

A Cirurgia Oral II no ensino pré-graduado tem como objectivos assegurar que o aluno do Mestrado Integrado em Medicina Dentária desenvolva competências para a prática de Cirurgia Oral.
Controlo da dor e ansiedade do doente:
O estudante deverá ser capaz de utilizar as diversas técnicas anestésicas necessárias para a realização de intervenções cirúrgicas na cavidade ora, indolores,l e ser capaz de lidar com as complicações que possam ocorrer após aplicação desses métodos de controlo da dor.
Correto preenchimento da ficha clínica em papel e no program de gestão da clínica da FMDUP.
Dominar as novas tecnologias para a prática de atos cirúrgicos e as técnicas de sutura.
Selecionar o(s) material (ais) necessários à realização do ato cirúrgico.
Entender o funcionamento de um LASER cirúrgico.

Dentisteria Operatória II

MD4703 - ECTS

Aquisição de competências por parte dos estudantes nas áreas científica e técnica básicas que os capacitem para o diagnóstico, a prevenção e o tratamento de algumas das patologias dos tecidos duros dos dentes, bem como para a elaboração fundamentada de planos de tratamento pouco complexos. Os estudantes deverão reforçar a sua capacidade para saber executar tecnicamente os tratamentos restauradores em ambiente pré-clínico da área da Dentisteria Operatória. Os estudantes deverão ficar capacitados para saber compartilhar com os pacientes o diagnóstico e o prognóstico dos seus problemas da área da Dentisteria Operatória, bem como realizar os tratamentos restauradores básicos em ambiente clínico.

Aquisição de competências para atendimento de pacientes no âmbito dos atos mais simples da dentisteria operatória.

 

Endodontia II

MD4704 - ECTS

Obtenção dos conhecimentos teóricos necessários para o desenvolvimento e adopção das medidas de prevenção das doenças pulpares e periapicais. Capacidade de estabelecer um diagnóstico pulpar e periapical (identificar o normal e as patologias no âmbito endodôntico). Aquisição de competências nos trabalhos pré-clínicos para a realização de tratamentos endodônticos com sucesso.

Especialidades Médicas II

MD4705 - ECTS

Os médicos dentistas devem contribuir para a promoção global da saúde dos seus pacientes e ser capazes de cooperar com outros profissionais de saúde de modo a integrar os cuidado do seu paciente como um todo. Para , além, disso os médicos dentistas devem  ser capazes de manusear uma emergência médica num consultório dentário.


Competências a adquirir nesta disciplina:
- “Criação” de um ambiente seguro de trabalho com o objetivo de avaliação do risco e promover a segurança e saúde dos seus pacient
- Saber recolher e registar a história clínica do doente “não dentária”: informação médica; psicológica e social. Executar um exame físico, sabendo interpretar os achados e saber direccionar a investigação clínica. 
- Partilhar a informação e conhecimentos com os outros profissionais de saúde, verbalmente e por escrito, sendo capaz de negociar, dar e receber críticas.
- Compreender a relevância das patologias como infeções; distúrbios do sistema imunológico; distúrbios endócrinos; neoplasia; doenças genéticas.
- Demosnstrar a atuação em cenários de emergências médicas.

Medicina Dentária, Preventiva e Saúde Oral Comunitária II

MD4706 - ECTS

 

Aprendizagem e aplicação de conceitos de Medicina Dentária Preventiva.

Pretende-se que os estudantes adquiram , através da discussão de casos clínicos, conhecimentos , aptidões e competências no âmbito da prevenção, primária e secundária que lhe permitam aplicar métodos preventivos no controlo das doenças orais num contexto clinico. 

Pretende-se adicionalmente que os estudantes adquiram competências e conhecimentos que lhes permitam serem capazes de planear, desenvolver e monitorizar um programa de saúde oral comunitária , este objetivo é cumprido através de um levantamento epidemiológico que os estudantes realizam e que lhes permite conhecer as necessidades, em termos de saúde oral, da população estudada.

 

 

Medicina Oral II

MD4707 - ECTS

A Unidade Curricular de Medicina Oral II pretende que o estudante conheça as  patologias que afetam a cavidade oral, os ossos maxilares e as glândulas salivares, o seu diagnóstico e tratamento; as técnicas de diagnóstico usadas em Medicina Oral; e as doenças em termos dos fatores predisponentes gerais no sentido de promover uma medicina preventiva.

Ortodontia II

MD4708 - ECTS

Ensinar a etiologia local da má oclusão e os fundamentos do diagnóstico ortodôntico, bem como a sua aplicação clínica. Ensinar a diagnosticar as más oclusões de Classe I, II e III e definir a sua terapêutica.

Periodontologia II

MD4709 - ECTS

- Diagnosticar as doenças periodontais
- Elaborar planos de tratamento periodontal
- Efetuar tratamentos não cirúrgicos
- Conhecer formas de controlo químico local e sistémico da doença periodontal
- Estabelecer possíveis relações entre algumas condições sistémicas e ambientais/comportamentais e a doença periodontal

Prótese Fixa II

MD4710 - ECTS

Preparação teórico-prática e prática em modelos da Kavo ou Frasaco para a realização das diferentes preparações dentárias em Prótese Fixa, restaurações provisórias, impressões e cimentações.

Prótese Removível II

MD4711 - ECTS

Adquirir conhecimentos, práticos e teóricos, para proceder ao tratamento com prótese removível dos casos mais simples de reabilitação oral do paciente parcialmente desdentado.

 

Ciências e Tecnologia de Biomateriais III

MD4801 - ECTS

OBJECTIVOS EDUCACIONAIS


A disciplina Ciência e Tecnologia de Biomateriais tem como objectivo o ensino teórico e prático das características e processos de fabrico dos materiais dentários.
O ensino no seu conceito actual, deve ser informativo e formativo; para que isso seja conseguido o aluno deve ter uma participação activa e consciente na aprendizagem. A participação do aluno na aprendizagem deve ser constantemente estimulada. Esta participação, sem pretender o desaparecimento do ensino formal, aponta um pouco mais para um formato de divulgação de conhecimentos onde o foco está especialmente em quem aprende e não tanto em quem ensina como na educação tradicional. A função do docente é essencialmente a de estimular a aquisição de conhecimentos e o domínio dos métodos, bem como orientar os alunos no seu estudo.
Esta concepção de aprendizagem baseada na exploração do conhecimento e cada vez menos na aquisição passiva de informação é hoje considerada fundamental para um processo de educação permanente, essencial a todos os profissionais de saúde e particularmente para o médico dentista.




Cirurgia Oral III

MD4802 - ECTS

Os temas seleccionados no ensino da Cirurgia Oral III, visam a aquisição, por parte do estudante, de conhecimentos e apetência para as diferentes patologias e técnicas cirúrgicas. O enquadramento da disciplina no curso de Medicina Dentária sempre em articulação com as outras disciplinas, pretende em última instância visar o perfil cirúrgico do futuro médico dentista.


Dentisteria Operatória III

MD4803 - ECTS

Aquisição de competências por parte dos estudantes nas áreas científica e técnica que os capacitem para:
- o diagnóstico, a prevenção e o tratamento da cárie dentária e outras patologias dos tecidos duros dos dentes bem como para a elaboração fundamentada de planos de tratamento;
- Saber executar técnicamente os preparos cavitários e tratamentos restauradores em ambiente clínico da área da Dentisteria Operatória;
- Saber compartilhar com os pacientes o diagnóstico e o prognóstico dos seus problemas da área da Dentisteria Operatória;
- Saber tomar decisões que permitam propor planos de tratamento para a sua resolução.


Endodontia III

MD4804 - ECTS

Objectivos: 

Os objetivos específicos da UC de Endodontia III são que o estudante conheça os meios necessários para:

  1. Realizar o diagnóstico pulpar e periapical, em casos clínicos concretos;
  2. Realizar planos de tratamento adequados ao paciente  
  3.  Avaliar a dificuldade do tratamento endodôntico em  casos clínicos concretos
  4. Realizar tratamentos endodônticos, em casos clínicos de dificuldade baixa;
  5. Reconhecer a importância do controlo/follow-up adequado dos casos clínicos pós-tratamento endodôntico;
  6. Realizar tratamentos de urgência em Endodontia;
  7. Realizar tratamentos conservadores da polpa;
  8. Restaurar os dentes após tratamento endodôntico.

Adicionalmente, espera-se que o estudante conheça o modo de apresentação de pequenas comunicações orais e compreenda a sua importância, na comunicação com os pacientes e colegas.

 

 

Farmacologia e Terapêutica II

MD4805 - ECTS Objectos:

Adquirir competências na abordagem farmacoterapêutica das situações clinicamente relevantes em medicina dentária - controlo da dor e inflamação, controlo da infecção, controlo da ansiedade, controlo da hemóstase - em situação normal e no paciente medicamente comprometido.

Medicina Dentária, Preventiva e Saúde Oral Comunitária III

MD4806 - ECTS

Visa o desenvolvimento  e aplicação de competências clinicas na área da prevenção da saúde oral que permitam a realização de atos de  prevenção primária e secundária em pacientes.

Visa o desenvolvimento de competências preventivas na área da saúde oral pública.

Visa o adquirir e aplicar  os conhecimentos e competências que permitam ao estudante, desenvolver e assessorar Programas de Saúde Oral Comunitária

 

Oclusão, ATM e Dor Orofacial II

MD4807 - ECTS

A Unidade Curricular de Oclusão, ATM e Dor Orofacial II tem como objetivos:

- a abordagem das diferentes terapêuticas dos distúrbios temporomandibulares;

- Montagem de modelos em articulador semi-ajustável

Odontopediatria II

MD4808 - ECTS Iniciação dos alunos no tratamento de crianças.

(POR FAVOR VEJA INFORMAÇÕES SOBRE O MESTRADO DE ODONTOPEDIATRIA NA PÁGINA DA DISCIPLINA - link da coluna da direita - http://www.paediatric-dentistry.com/)

Ortodontia III

MD4809 - ECTS

Ensinar as anomalias da oclusão segundo Korkhaus, os tipos de aparelhos ortodônticos, a análise cefalométrica aplicada ao diagnóstico e a análise estética da face.

Integrar estes conhecimentos com o estudo de casos clinicos.

Periodontologia III

MD4810 - ECTS

Pretende-se que o aluno adquira competência e autonomia na formulação de um diagnóstico e plano de tratamento periodontal, demonstre proficiência na realização de tratamentos periodontais básicos e reconheça as necessidades de tratamento periodontal avançado e multidisciplinar.

Prótese Fixa III

MD4811 - ECTS

Preparação teórico-prática e prática em modelos para a realização das diferentes preparações dentárias em Prótese Fixa, restaurações provisórias, impressões e cimentações. Estas preparações são já mais complexas sob o ponto de vista estético por se situarem no setor anterior, para além da reabilitação de dentes muito destruídos e tratados endodonticamente. A confeção de incrustações e a realização de facetas em cerâmica são outros dos objetivos desta UC.
A serem observados por teste prático no final de cada tema pré-clínico e um teste teórico-prático no final do semestre letivo.

Prótese Removível III

MD4812 - ECTS

 

- Iniciar os alunos na prática clínica tutelada por docentes na área da prótese removível.

- Contacto com os equipamentos, materiais, técnicas clínicas e laboratoriais necessárias ao tratamento dos pacientes desdentados parciais e totais.

- Obter competências para ser capaz de tratar com eficiência os casos mais simples, acompanhando os passos laboratoriais da confecção das próteses.

 

Cirurgia Oral IV

MD5901 - ECTS

A Cirurgia Oral no Mestrado Integrado tem como objetivos assegurar que o estudante do Mestrado Integrado em Medicina Dentária adquira conhecimentos sobre a classificação, etiologia e patogenia das doenças que afetam a cavidade oral e desenvolva competências para a prática de Cirurgia Oral.

O controlo da dor e ansiedade do doente é fundamental na Cirurgia Oral, pelo que o estudante deverá ser capaz de administrar todas as formas de anestesia local e regional necessárias para intervenção cirúrgica na cavidade oral e ser capaz de lidar com as complicações que possam ocorrer após aplicação desses métodos de controlo da dor.

O estudante será capaz de:

Compreender a importância de examinar, diagnosticar e documentar;

Obter uma história clínica e médica do doente completas;

Reconhecer e avaliar as doenças da cavidade oral mais comuns que requerem tratamento cirúrgico e não cirúrgico;

Desenvolver competências em técnicas e meios auxiliares que ajudam no diagnóstico e tratamento de patologias da cavidade oral.

Dentisteria Operatória IV

MD5902 - ECTS

Aplicação dos conhecimentos científicos adquiridos nas UCs precedentes no diagnóstico, na prevenção e no tratamento das patologias dos tecidos duros dos dentes. Capacitar os estudantes para a realização de restaurações com um grau de complexidade maior, no âmbito da dentisteria operatória.Assim,no final do semestre   os estudantes devem estar capacitados para comunicar ,sistematizar e fundamentar os seus casos clínicos e as suas opções terapêuticas

. 1000 caracteres

Diagnóstico e Planeamento Clínico

MD5903 - ECTS

Aquisição de competências por parte dos estudantes de forma a analisar os casos clínicos dos pacientes numa filosofia pluridisciplinar. Pretende-se que os estudantes desenvolvam capacidades que os capacitem a diagnosticar e a elaborar planos de tratamentos com graus de complexidade crescente e que envolvam várias áreas da Medicina Dentária. Simultaneamente o estudante desenvolverá competências na aquisição de iconografia e sua apresentação de forma que lhe permita expor sucinta e claramente um caso clínico desde a anamnese, passando pelo diagnóstico clínico, elaboração do plano de tratamento e realização do tratamento.

Pretende-se que durante as aulas teorico-praticas ocorra uma interação efetiva docente-estudantes. Por outro lado pretende-se que seja assimilada a variabilidade de opções de tratamento e reabilitação existentes, consubstanciada na preparação dos casos clinicos que os estudantes têm de apresentar, em que estes muitas vezes tentam discutir o diagnóstico e as diferentes opções de tratamento com vários docentes da faculdade. No final pretende-se que os estudantes sejam capazes de realizar um caso clínico com a recolha completa da informação, diagnóstico e apresentação das possíveis opções de tratamento.

Endodontia IV

MD5904 - ECTS
Ser capaz de diagnosticar as lesões inflamatórias da polpa, necrose e gangrena, bem como as lesões traumáticas e periapicais, através de casos clínicos concretos. Ser capaz de eleger o tratamento mais adequado, atendendo às necessidades do paciente (dentárias, culturais, económicas) e, mediante o acordo do docente, ser então capaz, com a sua supervisão, de o executar. O aluno deverá estar habilitado a fazer o tratamento endodôntico radical em dentes previamente seleccionados de acordo com as suas aptidões. Os alunos destas disciplinas formarão grupos de duas unidades, sendo solidários no trabalho clínico a avaliados segundo esse princípio. Pretende-se que o operador execute todos os actos previstos nos protocolos clínicos, ensinados nas unidades curriculares de Endodontia, e que o aluno não operador exerça o papel de assistente preparando todo o material necessário ao acto clínico e ajudando o colega, por forma a que esse mesmo acto possa ser considerado como efectuado a “quatro mãos”.

Medicina Dentária Forense

MD5905 - ECTS

Proporcionar aos alunos os conhecimentos científicos e técnicos essenciais ao desenvolvimento de atitudes e aptidões para uma colaboração eficaz nas múltiplas tarefas em que a Medicina Dentária Forense pode ser chamada a colaborar com a justiça.

Medicina Oral III

MD5906 - ECTS

A  UC consta de uma aula teórico-prática e uma hora de demonstração prática por semana tendo por objectivo integrar as diferentes patologias e lesões da cavidade oral nas várias divisões anatómicas do sistema estomatognático. Com isto pretende-se que o estudante tome contacto com as variações macroscópicas e histológicas que as mesmas patologias apresentam em diferentes localizações.

Oclusão, ATM e Dor Orofacial III

MD5907 - ECTS

Os objetivos desta unidade curricular visam proporcionar competências aos estudantes que os habilitem a: 

- diagnosticar os distúrbios temporomandibulares e efetuar os diagnósticos diferenciais necessários; 
- requisitar os exames auxiliares de diagnóstico mais adequados a cada situação; 
- instituir medidas terapêuticas apropriadas a cada patologia; 
- utilizar um articulador semi-ajustável e o respetivo arco facial; 
- aplicar a teoria e as técnicas que foram lecionadas nas Unidades Curriculares de Oclusão, ATM e Dor Orofacial I e II 

Odontopediatria III

MD5908 - ECTS

Atendimento clínico de crianças pondo em prática os conhecimentos que adquiriram no 4º Ano; com vista a preparar profissionais competentes para prestarem assistência à população necessitada.


(POR FAVOR VEJA INFORMAÇÕES SOBRE O MESTRADO DE ODONTOPEDIATRIA NA PÁGINA DA DISCIPLINA - link da coluna da direita - http://www.paediatric-dentistry.com/)

Periodontologia IV

MD5909 - ECTS

 

Desenvolvimento de autonomia progressiva no raciocinio clinico e capacidade  de tomar decisões perante um paciente com patologia periodontal. 

 

Prótese Fixa IV

MD5910 - ECTS

-Ser competente (conceitos-terminologias da disciplina, realização de uma adequada história clinica e de um planeamento reabilitador complexo e completo, com alternativas e orçamentos).
- Proporcionar uma experiência clínica autónoma, em doentes, sob supervisão, nomeadamente nos tratamentos simples de Prótese Fixa (inlays, coroas e pontes de pequena extensão, cerâmicas e metalo-cerâmicas), incluindo preparação dentária, restaurações provisórias, impressões, relações intermaxilares e montagem em articulador, cor, provas e cimentação.
- Desenvolvimento de capacidades psicomotoras e da sensibilidade estética
-Ter conhecimento dos efeitos emocionais e psicológicos sobre o doente e sua família, e das repercussões sociais e económicas das decisões clínicas dos procedimentos laboratoriais utilizados para a elaboração de restaurações unitárias e de pontes, dento ou implanto-suportadas, das novas tecnologias relacionadas com a Prostodontia.

Prótese Removível IV

MD5911 - ECTS

Prática clínica tutelada na área da prótese removível que proporcione aos alunos conhecimentos e experiência para: diagnosticar e avaliar os pacientes desdentados; estabelecer um relacionamento de confiança com os doentes; ser capaz de tratar com eficiência os casos mais simples; saber orientar os passos laboratoriais da confecção das próteses; estimular o interesse na aquisição de conhecimentos de actualização para ultrapassar dificuldades de abordagem em casos mais complicados; reconhecer e orientar os pacientes de pior prognóstico; integrar os conhecimentos de prótese removível na área mais abrangente da Medicina Dentária.

Ética e Deontologia

MD51001 - ECTS O ensino do conteúdo programático da disciplina visa dotar os estudantes com conhecimentos teóricos práticos no âmbito da Ética e Deontologia. Desta forma serão transmitidas as guias de conduta reconhecidos como essenciais ao exercício profissional da medicina dentária.

Genética Orofacial

MD51002 - ECTS Administrar competências aos estudantes (futuros Médicos Dentistas) para adquirirem capacidades de:
identificar sinais orofaciais e craniofaciais de patologia genética e hereditária,
solicitar testes genéticos aos seus pacientes,
interpretar os resultados de testes genéticos prescritos aos seus pacientes e serem capazes de compreender as suas implicações clínicas,
identificar indivíduos de risco e procederem ao correcto encaminhamento dos pacientes,
integrar os futuros médicos dentistas na equipa multidisciplinar que trata o indivíduo geneticamente comprometido.

Gestão de Unidades de Saúde

MD51003 - ECTS Dotar os estudantes de Medicina Dentária com os conhecimentos necessários para empreender um projecto de criação e gestão de um consultório/clínica dentária. Será elaborado um Plano de Negócios, com justificação de todas as etapas essenciais para a sua concretização. Os alunos, no final do período deverão ter conhecimentos que lhes permitam elaborar um Plano de Negócios e analisar criticamente todos os elementos que o constituem.

Monografia de Investigação ou Relatório de Atividade Clínica

MD51008 - ECTS A unidade curricular “Monografia de Investigação ou Relatório de Atividade Clínica” pressupõe a realização de um trabalho individual que contemple um objetivo/justificação, um desenvolvimento temático, tratando-se da Monografia. Relativamente ao relatório de atividade clínica o estudante deverá apresentar um conjunto de casos clínicos efetuados durante o Curso.
As referidas modalidades são sujeitas a apresentação e discussão públicas para a respetiva avaliação.
Pretende-se que o estudante adquira experiência no âmbito do desenvolvimento de trabalhos de investigação ou revisão, saiba pesquisar e corrigir informação e tenha sentido crítico, bem como fazer um exercício de autoavaliação da atividade clínica desenvolvida.
De acordo com o tema a desenvolver pelos estudantes, são estabelecidos objetivos específicos por parte dos respetivos Orientadores.



 

Unidade Clínica de Medicina Dentária Conservadora

MD51005 - ECTS

Unidade Clínica de Odontopediatria e Ortodontia

MD51007 - ECTS

Prática clínica integrada de odontopediatria/ortodontia;

Diagnóstico e planeamento de um paciente odontopediátrico/ ortodôntico;

Competência para actos clínicos básicos (generalistas) em ODP;

Aprofundamento de conhecimentos ortodônticos e sua integração na prática clínica;

Competência para alguns tratamentos ortodônticos interceptivos em integração ODP.

Unidade Clínica de Patologia e Cirurgia Oral

MD51004 - ECTS

O ensino na Unidade Clínica de Patologia e Cirurgia Oral tem como objectivos assegurar o conhecimento científico e clínico associados ao desenvolvimento da técnica cirúrgica permitindo a aquisição de competências para o diagnóstico e plano de tratamento de patologias dos tecidos duros e doenças dos tecidos moles. 

Unidade Clínica de Prótese Dentária e Oclusão

MD51006 - ECTS
Proporcionar, competências relacionados com a área da Prótese Fixa, da Prótese Removível e da Oclusão e Dor Orofacial.
- Ser competente (conceitos e terminologias da disciplina, realização de história clinica e de planeamento reabilitador, com alternativas e correspondentes orçamentos).
- Proporcionar experiência clínica autónoma, em doentes, sob supervisão, de tratamentos simples de Prótese Fixa (incrustações, coroas e pontes de pequena extensão, cerâmicas e metalo-cerâmicas), e que incluem preparação dentária, provisórios, impressões, relações intermaxilares e montagem em articulador, cor, provas e cimentação; de Prótese Removível (parciais e totais, acrílicas e esqueléticas); de Oclusão.
-Adquirir capacidades psicomotoras e sensibilidade estética
- Ter conhecimento sobre procedimentos laboratoriais para Prótese Fixa e Removível e Oclusão e Dor Orofacial (goteiras oclusais).
- Adquirir conhecimento sobre novas tecnologias relacionadas com a disciplina.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2021 © Faculdade de Medicina Dentária da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2012-12-06 I  Página gerada em: 2021-12-09 às 11:18:50 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais