Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > MHED003

Métodos e Técnicas de Investigação

Código: MHED003     Sigla: MTINV

Ocorrência: 2017/2018 - 1S Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Departamento de História e de Estudos Políticos e Internacionais
Curso/CE Responsável: Mestrado em História Contemporânea

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
MHIC 17 Plano Oficial em Vigor 1 - 10 90 270

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Maria da Conceição Coelho de Meireles Pereira Regente

Língua de trabalho

Português

Objetivos

i) Aprofundar o conhecimento de procedimentos metodológicos e técnicos aplicados à investigação em história contemporânea. ii) Desenvolver um plano de investigação, com a descrição de todos os passos metodológicos essenciais à sua execução.

Resultados de aprendizagem e competências


Aquisição de métodos e técnicas de investigação em História e competências de redação de uma dissertação de mestrado.

Modo de trabalho

Presencial

Programa

1. O processo de investigação em história contemporânea. 2. Principais metodologias e técnicas de investigação. 3. Recursos de investigação (bibliotecas, arquivos, web). 4. Recolha e tratamento da informação. A construção de bases de dados. 5. A apresentação do relatório de investigação. 6. Metodologia aplicada a diversas problemáticas de história contemporânea. 7. História Oral: questões teóricas e práticas. 8. História Local, Microhistória e Biografia. 9. História e Imprensa. 10. Normas de referenciação documental e bibliográfica.

Bibliografia Obrigatória

BERGER, Peter, L.; LUCKMANN, Thomas; A Construção Social da Realidade, Vozes, 1990
LESSARD-HÉBERT, M.; GOYETTE, G.; BOUTIN, G.; Investigação Qualitativa, Instituto Piaget, 1994
GRAWITZ, Madeleine; Méthodes des Sciences Sociales, Éditions Dalloz, 1993
RUDESTAM, Kjell Erik; NEWTON, Rae R.; Surviving your dissertation, Sage Publ., 1992
DESHAIES, Bruno; Metodologia de Investigação em Ciências Humanas, Instituto Piaget, 1997
Quivy, Raymond; Manual de investigação em ciências sociais. ISBN: 972-662-275-1

Bibliografia Complementar

ALBARELLO, L.; e outros; Práticas e Métodos em Ciências Sociais, Gradiva, 1997
BRUYNE, Paul de; HERMAN, H.; SCHOUTHEETE, M. ; Dinâmica da Pesquisa em Ciências Sociais: Os Pólos da Prática Metodológica, Francisco Alves, 1991
LE GOFF, J.; CHARTIER, R.; REVEL, J. (dir.); A Nova História, Almedina, 1990
Valles, Miguel S.; Entrevistas cualitativas. ISBN: 84-7476-342-8

Observações Bibliográficas

Bibliografia espcífica será apresentada consoante as temáticas em estudo.

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Aulas teórico-práticas, com apresentação pelos docentes (ou conferencistas convidados) dos conceitos, problemáticas teóricas e metodológicas e outros conteúdos do programa da unidade curricular, com apoio de textos, material gráfico, estatístico ou outro, promovendo, sempre que possível, a participação dos estudantes na discussão crítica das questões apresentadas.

Software

Word, Excel, FileMaker, PowerPoint
Word, Excel, FileMaker, PowerPoint

Palavras Chave

Humanidades > História > História contemporânea
Humanidades > História > História contemporânea

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída sem exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Participação presencial 0,00
Trabalho escrito 100,00
Total: 100,00

Obtenção de frequência

Com excepção dos casos previstos no Regulamento de Avaliação, a obtenção de frequência implica a assiduidade a, pelo menos, 75% das aulas. O cumprimento da frequência será aferido através de folhas de presença.

Fórmula de cálculo da classificação final

Classificação final correspondente à classificação do trabalho escrito (plano de investigação).

Provas e trabalhos especiais

Não aplicável.

Avaliação especial (TE, DA, ...)

Não aplicável.

Melhoria de classificação

O estudante poderá requerer melhoria da classificação na componente de avaliação prevista para a unidade curricular, podendo refazer ou repetir o seu trabalho escrito (plano de investigação), de acordo com as orientações do docente/orientador.

Observações

No caso de estudantes estrangeiros, os elementos de avaliação definidos poderão, se necessário, ser apresentados em Espanhol, Inglês ou Francês.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Letras da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2019-04-19 às 19:48:55 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais