Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Notícias > Palestra sobre o Egipto na FLUP

Palestra sobre o Egipto na FLUP

24 de maio | 15h00 | Sala 409

cartaz

Encontro na História na FLUP sobre “O Egipto” de Eça de Queiroz, de Dom Pedro II e de Alexandra Lucas Coelho

No dia 24 de maio,  das 15h00 às 17h00 no Seminário do Mestrado em História Contemporânea da FLUP, na sala 409, ocorre o encontro sobre o Egipto em Eça de Queiroz, Dom Pedro II e Alexandra Lucas Coelho com a moderação do Prof. Doutor Jorge Fernandes Alves, professor catedrático de História Contemporânea da FLUP.

O encontro é gratuito e conta com:
1. A palestra “O Egipto entre Eça de Queiroz e Dom Pedro II” da Prof.ª Doutora Liliane Corrêa (ILCML/FLUP/UFMA-Brasil)
2. A palestra “Estudo comparado entre “O Egipto” de Eça de Queiroz e “Tahrir” de Alexandra Lucas Coelho” do Prof. Doutor Maged Elgebaly (ILCML/FLUP/ Bolseiro do Instituto Camões/Aswan University-Egito).

As palestras apresentam uma parte dos resultados de pesquisas desenvolvidas pelo professor egípcio e pela professora brasileira no pós-doutorado no Instituto de Literatura Margarida Losa da FLUP sob a supervisão da Prof.ª Doutora Isabel Pires de Lima no marco da línea de pesquisa Inter/Transculturalidades.

A palestra da professora Liliane foca no Egipto oitecentista, que era um emaranhado de culturas que intrigaram Eça de Queiroz e Dom Pedro II. O primeiro foi para o Egipto em 1869 com a intenção de relatar as cerimônias da inauguração do Canal do Suez e vislumbra um Egipto repleto de contradições sociais. Por outro lado,  Dom Pedro II ´realiza posteriormente suas viagens (1871 e 1876) com o intuito de conhecer os vestígios do Egipto Antigo, porém se identifica com os egípcios contemporâneos.  

A palestra do professor Maged apresenta um diálogo entre a realidade egípcia e a textualidade portuguesa. Trata-se de um estudo comparado entre duas obras portuguesas: O Egipto, de Eça de Queiros, e Tahrir, de Alexandra Lucas Coelho; um do século XIX e outro do século XXI. Ambos testemunharam dois momentos relevantes da História Contemporânea do Egipto.

Prof.ª Doutora Lilaine Correa é professora adjunta da Universidade Federal do Maranhão, Campus VII, Codó - MA. Possui doutorado em História, Política e Bens Culturais pelo CPDOC/FGV, mestrado em História Econômica pela Universidade de São Paulo (2006) e graduação em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (2001).

Prof. Doutor Maged Elgebaly tem participação pública ativa na divulgação da língua e da cultura portuguesa no Egito e nos países árabes. Sendo professor-coordenador do Departamento de Língua Portuguesa da Aswan University (Egito) promoveu a assinatura do acordo de cooperação cultural (2017-2020) entre a Aswan University e a Universidade do Porto e outro celebrado entre a universidade egípcia e o Instituto Camões. Atualmente, é um investigador no pós-doutorado no Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (Portugal). Possui doutorado em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa pela Universidade de São Paulo (2012), doutorado em Língua Espanhola (Linguística) – Ain Shams University (2011), mestrado em Língua Espanhola (Linguística) pelo Instituto Caro y Cuervo (2005), e graduação em Língua Espanhola – Ain Shams University (1999).

Esta actividade ocorre num momento em que as relações culturais e acadêmicas entre o Egito e Portugal estão a fortalecer cada dia mais, especialmente depois da visita do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa ao Egito em 12 de abril de 2018.

 

 

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Letras da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2019-05-25 às 20:46:47 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais