Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Cursos/CE > Mestrado > MSIGOT

Cursos

Mestrado em Sistemas de Informação Geográfica e Ordenamento de Território


Imagem com citação de Gelsa Bugs, Investigadora da Universidade Federal Rio Grande do Sul:

A Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES) acreditou o ciclo de estudos com condições. Na sequência do Relatório Follow-up a A3ES decidiu acreditar o Ciclo de Estudos por seis anos, contados a partir da data da acreditação condicional. (ver aqui os documentos).
Consultar os Documentos Oficiais do Ciclo de Estudos.


A utilização que os Sistemas de Informação Geográfica têm registado na última década nas áreas do ordenamento do território patenteia um incremento assinalável, facto que se materializa na adoção desta tecnologia para ramos tão diversos como: ambiente, transportes, abastecimento de água e tratamento de resíduos, agricultura, proteção civil, entre tantas outras.

Pode afirmar-se, sem exagero, que os SIGs se assumem como ferramenta transversal, cujo emprego se generalizou a todos os setores de atividade onde a localização associada à mobilidade são fatores importantes de racionalização do trabalho e de ganhos de produtividade. Esta formação desenvolverá competências específicas para responder a estes novos desafios.

Creditado com 120 ECTS, o mestrado desenvolve-se ao longo de 4 semestres.

Importante:
  • a aprovação nas unidades curriculares dos 1.º e 2.º semestres confere diploma de especialização em Sistemas de Informação Geográfica (curso de mestrado, não conferente de grau).
  • nos 3.º e 4.º semestres os estudantes optam por um de três ramos:
    • Dissertação
    • Estágio
    • Projeto

Objetivos

Os objetivos da formação de 2º ciclo agrupam-se em quatro grandes parâmetros:

  • Formação científica disciplinar: promover o aprofundamento de conhecimento nas áreas da cartografia e dos sistemas de informação geográfica e no âmbito do planeamento e do ordenamento do território, aplicar os modelos explicativos e as metodologias de diagnóstico e propor ações de intervenção sobre o território.
  • Formação científica pluridisciplinar: promover a interdisciplinaridade e a transversalidade do conhecimento.
  • Capacidade de adaptação: formar pós-graduados preparados para enfrentar e resolver novos problemas de forma criativa e com capacidade de adaptação às rápidas transformações da atualidade.
  • Formação pessoal: melhorar a capacidade de gestão do tempo e dos recursos;
  • solidificar a estruturação do pensamento e raciocínio, a capacidade de identificação e formalização e o desenvolvimento do espírito crítico;
  • melhorar a capacidade de comunicação oral e escrita, de trabalho de grupo e de relacionamento intercultural e interpessoal.

Informações

  Para mais informações ver:
Página do CandidatoPortal Académico

  Calendário de candidaturas e n.º de vagas
  Propinas
  Requisitos de acesso: licenciatura ou equivalente 

Ciclo de Estudos reconhecido ao abrigo do artigo 54º do Estatuto da Carreira Docente, regulamentado pela Portaria nº334/2008, de 30/04, para os grupos: 420 (Despacho de 02 de outubro de 2019).Com efeitos apenas ao nível da progressão na carreira docente e não ao nível da obtenção da qualificação para a docência.

Comentários


Contactos

Para questões científicas e académicas - contactar a direção do curso: msigot@letras.up.pt
Para questões administrativas - contactar os Serviços de Gestão Académica: sga@letras.up.pt
Para estudantes de mobilidade internacional - contactar o Gabinete de Relações Internacionais: sri@letras.up.pt

Dados Gerais

Código Oficial: 9637
Diretor: António Alberto Teixeira Gomes
Sigla: MSIGOT
Grau Académico: Mestre
Tipo de curso/ciclo de estudos: Mestrado
Início: 2007/2008
Duração: 2 Anos

Planos de Estudos

Unidades Orgânicas Envolvidas

Diplomas

  • Mestrado em Sistemas de Informação Geográfica e Ordenamento do Território (120 Créditos ECTS)
  • Curso de Mestrado em Sistemas de Informação Geográfica e Ordenamento do Território (60 Créditos ECTS)

Áreas Científicas Predominantes

Recomendar Página Voltar ao Topo