Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
IEEE Authorship and Open Access Symposium
Você está em: Início > M.EGI015

Introdução à Organização e Gestão de Empresas

Código: M.EGI015     Sigla: IOGE

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Economia e Gestão Empresarial

Ocorrência: 2021/2022 - 2S

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Departamento de Engenharia e Gestão Industrial
Curso/CE Responsável: Mestrado em Engenharia e Gestão Industrial

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
M.EGI 5 Plano de estudos oficial 1 - 6 52 162

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Américo Lopes de Azevedo Regente
Jorge Manuel Pinho de Sousa Regente

Docência - Horas

Teóricas: 2,00
Teórico-Práticas: 2,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teóricas Totais 1 2,00
Jorge Manuel Pinho de Sousa 0,50
Américo Lopes de Azevedo 1,50
Teórico-Práticas Totais 4 8,00
Américo Lopes de Azevedo 2,00
António Henrique Mendes de Almeida 4,00
Jorge Manuel Pinho de Sousa 2,00

Língua de trabalho

Inglês

Objetivos

Transmitir aos alunos os fundamentos e os principais conceitos inerentes à função organizativa e de gestão. Propcura-se proporcionar  uma visão integrada dos principais modelos organizacionais, do papel da gestão (do gestor) e dos instrumentos de gestão necessários para desenhar, desenvolver e implementar com sucesso uma dada estrutura organizacional adequada a um modelo de negócio específico.

É igualmente objectivo, desenvolver nos alunos a percepção de como a empresa pode interatuar com a sua envolvente externa (ambiente geral e específico) e, com base na posição atual, como planear (formular) estratégias adequadas ao seu desenvolvimento futuro. É dada ênfase  ao desenho organizacional, aos principais mecanismos de controlo e às abordagens para melhoria organizacional.

Explora-se igualmente as questões inerentes à gestão orientada a projetos numa lógica de múltiplos stakeholders e critérios.

Resultados de aprendizagem e competências

No final os estudantes devem ser capazes de: 

OBJ1 - Descrever os fundamentos associados ao sistema conceptual da organização.
OBJ2 - Enumerar os vários sub-sistemas que compõem uma organização. Descrever o ambiente organizacional. OBJ3 - Descrever os conceitos e princípios do desenho organizativo.
OBJ4 - Enumerar e descrever as formas principais que uma organização pode adoptar.
OBJ5 - Compreender, explicar e desenvolver o sistema de planeamento e controlo de gestão.
OBJ6 - Compreender a importância da atração do capital humano no âmbito do desenvolvimento das organizações. OBJ7 – Compreender os fundamentos subjacentes aos comportamentos humanos que conduzem ao desempenho profissional nas organizações.
OBJ8 – Ser capaz de utilizar o conhecimento inerente à resolução criativa de problemas para liderar equipas de forma mais eficaz.
OBJ9 - Entender e aplicar os princípios gerais de gestão por projetos.
OBJ10 - Ser capaz de estruturar e avaliar alternativas de projetos.
OBJ11- Ser capaz de organizar, planear e controlar projetos.

 

Modo de trabalho

Presencial

Programa





P1: Parte I
1 – Fundamentos
Organização e a função de Gestão.
Evolução cronológica.
A Organização e o Meio Ambiente.
2 – Desenho Organizacional
Abordagens mecanicistas e orgânicas.
Estruturas e modelos.
3 – Planeamento e Tomada de Decisão
Níveis de planeamento, processo de planeamento e ferramentas
4 – Controlo de Gestão
Processo e principais ferramentas

P2: Parte II
Gestão de Pessoas
Gestão de pessoas.
Formação e Desenvolvimento. Gestão do Desempenho. Cultura de feedback. Gestão do talento. Liderança e Gestão de Equipas. Cultura e Gestão da Mudança.

P3: Parte III
Gestão de Projetos
Gestão por projetos. Tipos e caraterísticas dos projetos. Avaliação multi-critério de ideias.
Planeamento de projetos.
Gestão da colaboração; mecanismos de comunicação; gestão da mudança; fatores críticos de sucesso. Questões culturais e aspetos informais na gestão de projetos.
The PMBOK – Project Management Body of Knowledge.
Gestão ágil de projetos: princípios gerais e implicações práticas.





Bibliografia Obrigatória

Gareth R. Jones ; Organizational Theory, Design, and Change , Pearson
Snell Scott A.; Principles of human resource management. ISBN: 978-0-324-59330-3

Bibliografia Complementar

David Boody; Management: An Introduction , Pearson
Sebastião Teixeira; Gestão das Organizações , McGraw Hill
Kathryn M. Bartol, David C. Martin; Management. ISBN: 0-07-005722-2
Jack Meredith / Samuel Mantel; Project Management – A managerial Approach, 2005. ISBN: John Wiley & Sons, Inc.

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

A lecionação desta disciplina baseia-se nas seguintes atividades complementares de ensino e de aprendizagem, e correspondente avaliação:

  1. Aulas teóricas de exposição dos conceitos acompanhadas com apresentação de casos
  2. Aulas práticas com discussão de casos 
  3. Realização de três trabalhos em equipa (5 a 6 elementos) - orientados a cada uma das partes do programa.

Palavras Chave

Ciências Sociais > Economia > Estudos de gestão > Gestão de empresas

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Exame 60,00
Trabalho escrito 40,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Estudo autónomo 63,00
Frequência das aulas 49,00
Trabalho de campo 50,00
Total: 162,00

Obtenção de frequência

Frequência das aulas da disciplina previstas teóricas e teórica/práticas (em conformidade com o definido nas normas gerais de avaliação) e realização dos trabalhos práticos previstos.

Fórmula de cálculo da classificação final

Classificação Final = 0,50*EF + 0,50*AP

Sendo:

EF: exame final
AP: avaliação prática - Avaliação resultante da média ponderada de três trabalhos práticos realizados em grupo;


A aprovação na disciplina também pressupõe a obtenção das seguintes classificações mínimas: 
- exame final: mínimo de 40% 
- trabalho prático em grupo: mínimo de 40% 

No caso de haver uma diferença superior a 4 valores (numa escala 0 a 20) nas classificações obtidas nos trabalhos práticos (individuais e/ou de equipa) e na prova escrita, então, a classificação superior será diminuída até que a diferença seja de 4 valores.

Todos os trabalhos recebidos após a data definida sofrerão uma penalização ao nível da avaliação.

A frequência das aulas é fundamental. Se por motivo de força maior tiverem de faltar a alguma das aulas é expectável que informem com antecedência os docentes envolvidos.

Provas e trabalhos especiais

- exame final, sem consulta

- três trabalhos práticos, realizados em grupo

(a avaliação dos trabalhos pode incluir uma sessão de discussão)

Os estudantes que se candidatem a exame de conclusão de curso não serão dispensados da realização de um conjunto de os trabalhos práticos a definir, caso a caso, pelos .

Trabalho de estágio/projeto

Não aplicável

Avaliação especial (TE, DA, ...)

Nenhum requisito adicional aplicável.

Melhoria de classificação

Apenas a componente escrita (exame) pode ser objecto de melhoria;

 

Observações

Os Estudantes que se candidatem a exame de conclusão de curso não serão dispensados da realização de um conjunto de os trabalhos práticos a definir, caso a caso, pelos docentes.

Qualquer comportamento considerado inaceitável (p.e. fraude, plágio) não será tolerado e resultará num processo disciplinar.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2021 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2021-09-16 às 16:59:18 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais