Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Projecto da Casa da U. Porto
Você está em: Início > EEC0011
Autenticação




Mapa das Instalações
Edifício A (Administração) Edifício B (Aulas) - Bloco I Edifício B (Aulas) - Bloco II Edifício B (Aulas) - Bloco III Edifício B (Aulas) - Bloco IV Edifício C (Biblioteca) Edifício D (CICA) Edifício E (Química) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício G (Civil) Edifício H (Civil) Edifício I (Electrotecnia) Edifício J (Electrotecnia) Edifício K (Pavilhão FCNAUP) Edifício L (Mecânica) Edifício M (Mecânica) Edifício N (Garagem) Edifício O (Cafetaria) Edifício P (Cantina) Edifício Q (Central de Gases) Edifício R (Laboratório de Engenharia do Ambiente) Edifício S (INESC) Edifício T (Torre do INEGI) Edifício U (Nave do INEGI) Edifício X (Associação de Estudantes)

Probabilidades e Estatística

Código: EEC0011     Sigla: PEST

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Matemática

Ocorrência: 2018/2019 - 1S

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Departamento de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores
Curso/CE Responsável: Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
MIEEC 310 Plano de estudos oficial 2 - 6 56 162

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Jaime dos Santos Cardoso Regente

Docência - Horas

Teóricas: 2,00
Teórico-Práticas: 2,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teóricas Totais 2 4,00
Fernando Arménio da Costa Castro e Fontes 2,00
Jaime dos Santos Cardoso 2,00
Teórico-Práticas Totais 10 20,00
Jaime dos Santos Cardoso 6,00
Susana Pereira Bulas Cruz 4,00
José Nuno Teixeira de Almeida 6,00
Fernando Arménio da Costa Castro e Fontes 4,00
Mais informaçõesA ficha foi alterada no dia 2018-09-11.

Campos alterados: Fórmula de cálculo da classificação final, Melhoria de classificação, Componentes de Avaliação e Ocupação, Tipo de avaliação, Obtenção de frequência

Língua de trabalho

Português

Objetivos

Garantir que os aluno adquirem uma base sólida de conhecimentos básicos de Probabilidades e Estatística que constituem uma ferramenta indispensável à tomada de decisão em situações de incerteza, presente em muitas áreas no domínio da Engenharia. Pretende-se também que os alunos adquiram uma capacidade de comunicação rigorosa quando abordam temas que envolvam conceitos de Probabilidades e Estatística. Outro objectivo da disciplina, prende-se com o desenvolvimento de uma atitude crítica na análise de problemas de Engenharia e na capacidade de aplicação dos conceitos apreendidos na resolução de problemas práticos. A apreensão adequada dos conceitos fundamentais que se pretende garantir, deverá também possibilitar e facilitar aos alunos uma aprendizagem futura de conceitos mais avançados que surjam no seu percurso de formação académica e/ou profissional.

Resultados de aprendizagem e competências

Aquisição de um corpo de conhecimento fundamental e a transmissão do próprio processo de construção do conhecimento. Pretende-se fornecer uma sólida preparação matemática em probabilidades e estatística e preparar competências e engenho em técnicas de modelação matemática fundamentais para nos processos de aquisição, processamento e uso de Informação.

Modo de trabalho

Presencial

Programa

1) Probabilidades Probabilidade condicionada e independência; Teorema de Bayes.

2) Variáveis Aleatórias Variáveis aleatórias unidimensionais e multidimensionais; Funções de variável aleatória; Distribuições mais importantes (discretas e contínuas).

3) Amostragem: Amostras e distribuições amostrais.

4) Estimação pontual Estimadores e estimativas; Propriedades desejáveis dos estimadores pontuais; Métodos de estimação (Método dos mínimos quadrados).

5) Estimação por intervalo: Conceito de intervalo de confiança; Especificação de intervalos de confiança; Dimendionamento de amostras.

6) Teste de hipóteses Introdução; Procedimento de um teste de hipóteses; Valor de prova; Potência do teste; Relação entre intervalos de confiança e teste de hipóteses; Testes de dispersão e de localização.

 

Bibliografia Obrigatória

Douglas C. Montgomery, George C. Runger; Applied statistics and probability for engineers. ISBN: 0-471-74589-8
Douglas C. Montgomery, George C. Runger; Estatística aplicada e probabilidade para engenheiros. ISBN: 85-216-1360-1

Bibliografia Complementar

Papoulis, Athanasios; Probability, random variables, and stochastic processes. ISBN: 0-07-100870-5
Guimarães, Rui Manuel Campos; Estatística. ISBN: 978-84-481-5589-6
Meyer, Paul L.; Probabilidade. ISBN: 85-216-0294-4
Isabel Ferreira; Probabilidades e Estatística, 2007 (texto de apoio)
Ronald E. Walpole, Raymond H. Myers, Sharon L. Myers, Keying Ye; Probability and Statistics for Engineers and Scientists, Pearson Education International
Dimitri P. Bertsekas and John N. Tsitsiklis; Introduction to Probability, Athena Scientific

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Aulas teóricas - Exposição dos temas programáticos ilustrada por exemplos que permitem clarificar os conceitos e resultados apresentados.

Aulas teórico-práticas - Resolução de exercícios, propostos e resolvidos pelo docente, estimulando-se a participação activa dos alunos com sugestões diversas de resolução desses mesmos exercícios e crítica dos resultados obtidos.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída sem exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Teste 100,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Estudo autónomo 110,00
Frequência das aulas 52,00
Total: 162,00

Obtenção de frequência

Para ter frequência à unidade curricular o aluno não poderá exceder o número limite de faltas às aulas teórico-práticas (25% do número de aulas previstas).

Estudantes que obtiveram frequência nos anos letivos 2017/2018 ou 2016/2017:
1) Estão isentos das aulas TP;
2) Em vez de fazer os minitestes de 2018/2019, podem optar por manter a média dos valores obtidos nos minitestes de 2017/2018 ou 2016/2017. Têm de tomar essa decisão antes do primeiro miniteste e é irreversível.

Fórmula de cálculo da classificação final

Qualquer estudante com frequência ou dispensado de frequência pode escolher obter aprovação na disciplina por minitestes ou exame de recurso. Caso um estudante não obtenha aprovação à disciplina por minitestes, pode ainda realizar o exame de recurso. 

Avaliação distribuída sem exame final.
Existem 3 mini-testes (MT1, MT2, MT3).

Classificação final
CF = 0,25* MT1+ 0,25 * MT2+0,5*MT3
onde:
CF é a classificação final (de 0 a 20 valores)
MT1 a classificação no miniteste1 (de 0 e 20 valores)
MT2 a classificação no miniteste2 (de 0 e 20 valores)
MT3 a classificação no miniteste3 (de 0 e 20 valores)

Melhoria de classificação

A melhoria da classificação final será efectuada mediante a realização de novo exame final nas duas épocas seguintes.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2019-04-20 às 21:56:08 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais