Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Formação regular da Biblioteca |fevereiro a maio
Você está em: Início > EIC0108
Autenticação




Mapa das Instalações
Edifício A (Administração) Edifício B (Aulas) - Bloco I Edifício B (Aulas) - Bloco II Edifício B (Aulas) - Bloco III Edifício B (Aulas) - Bloco IV Edifício C (Biblioteca) Edifício D (CICA) Edifício E (Química) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício G (Civil) Edifício H (Civil) Edifício I (Electrotecnia) Edifício J (Electrotecnia) Edifício K (Pavilhão FCNAUP) Edifício L (Mecânica) Edifício M (Mecânica) Edifício N (Garagem) Edifício O (Cafetaria) Edifício P (Cantina) Edifício Q (Central de Gases) Edifício R (Laboratório de Engenharia do Ambiente) Edifício S (INESC) Edifício T (Torre do INEGI) Edifício U (Nave do INEGI) Edifício X (Associação de Estudantes)

Descrição, Armazenamento e Pesquisa de Informação

Código: EIC0108     Sigla: DAPI

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Sistemas de Informação

Ocorrência: 2018/2019 - 1S Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Página Web: https://web.fe.up.pt/~ssn/dokuwiki/teach/dapi/201819/index
Unidade Responsável: Departamento de Engenharia Informática
Curso/CE Responsável: Mestrado Integrado em Engenharia Informática e Computação

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
MIEIC 23 Plano de estudos a partir de 2009/10 5 - 6 42 162

Docência - Horas

Teórico-Práticas: 3,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teórico-Práticas Totais 1 3,00
Sérgio Sobral Nunes 3,00

Língua de trabalho

Inglês

Objetivos

ENQUADRAMENTO

A unidade curricular "Descrição, Armazenamento e Pesquisa de Informação" tem como contexto a existência de grandes repositórios de informação de natureza muito diversa e os requisitos para a sua organização, descrição, armazenamento e pesquisa.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Sensibilizar os estudantes para os problemas do armazenamento e organização de grandes coleções de dados.
  • Familiarizar os estudantes com os conceitos principais na pesquisa de documentos textuais e da sua aplicação em ferramentas.
  • Explorar os métodos e ferramentas para a descrição de recursos na web e para o uso da descrição em aplicações que fazem uso do significado dos dados.

Resultados de aprendizagem e competências

No final desta unidade curricular o estudante deverá ser capaz de:

  • Identificar fontes de dados em repositórios de dados, APIs de serviços on-line e registos (logs) de utilizadores;
  • Decidir sobre a qualidade das fontes de dados e caracterizar um conjunto de dados selecionado;
  • Escolher a granularidade do documento e um modelo de armazenamento para o conjunto de dados;
  • Usar as ferramentas de manipulação de dados para selecionar subconjuntos de dados apropriados e para ajustar os dados às suas aplicações pretendidas;
  • Descrever os modelos usados na recuperação de informação, e em particular na recuperação na web;
  • Reconhecer as diversas tarefas que são consideradas na recuperação de informação;
  • Aplicar as medidas de avaliação da recuperação de informação à comparação de ferramentas de pesquisa na web;
  • Relacionar os documentos na web com a meta-informação que os descreve e relaciona;
  • Tratar as ontologias como fornecedoras de ferramentas de descrição;
  • Explorar as aplicações que manipulam descrições de informação na web semântica e criar conjuntos de metadados para um domínio;
  • Comparar serviços baseados na web semântica e outras abordagens mais simples para a descrição de recursos.

Modo de trabalho

Presencial

Pré-requisitos (conhecimentos prévios) e co-requisitos (conhecimentos simultâneos)

Conhecimento e prática com linguagens de programação para o desenvolvimento de aplicações.

Programa


  • Introdução às coleções de dados; ferramentas para recolha, preparação e acesso a dados; modelos de dados e armazenamento de coleções.

  • Pesquisa de informação de base textual; modelos de recuperação; avaliação; recuperação de informação na web.

  • Descrição de informação: linguagens da Web semântica; RDF, RDF-Schema, OWL; ontologias para dados de um domínio.

Bibliografia Obrigatória

Christopher D. Manning, Prabhakar Raghavan, Hinrich Schütze; Introduction to Information Retrieval, Cambridge University Press, 2008. ISBN: 0521865719
Anders Møller, Michael I. Schwartzbach; An Introduction to XML and Web Technologies, Addison Wesley Professional, 2006. ISBN: 0321269667

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Os tempos letivos são usadas para exposição de matéria teórica, com referência à bibliografia relevante, desenvolvimento de exemplos relacionados, discussão de leituras propostas e resolução pelos estudantes de exercícios propostos.

Software

Apache Lucene
Apache Solr
Protégé

Palavras Chave

Ciências Físicas > Ciência de computadores > Informática

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída sem exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Teste 40,00
Trabalho escrito 60,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Elaboração de projeto 81,00
Estudo autónomo 48,00
Frequência das aulas 33,00
Total: 162,00

Obtenção de frequência

A unidade curricular tem uma componente de avaliação prática que é o resultado da realização dos trabalhos, a entregar antes das respetivas datas limite fixadas no plano da unidade curricular.

Os estudantes têm de obter 50% em cada um dos elementos da avaliação prática.

A aprovação na unidade curricular está condicionada à obtenção de classificação superior a 40% em cada um dos mini-testes.

Fórmula de cálculo da classificação final

A classificação final é calculada usando a fórmula: NOTA = 60% Trabalho + 40% Mini-testes.

A componente Trabalho é o resultado da avaliação prática e pode ser obtida:

  • realizando trabalhos de acordo com os guiões propostos;
  • propondo um projeto para o semestre e realizando entregas e apresentações de resultados nos mesmos prazos que os dos trabalhos.

A opção pelo projeto e o seu plano de trabalho têm de ser acordados com os docentes.

Provas e trabalhos especiais

Não há provas nem trabalhos especiais.

Avaliação especial (TE, DA, ...)

A avaliação distribuída, realizada durante o semestre de funcionamento da unidade curricular, é exigida a todos os estudantes, independentemente do regime de inscrição.

Melhoria de classificação

A classificação pode ser melhorada na edição seguinte da unidade curricular.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2019-05-25 às 04:55:23 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais