Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Projecto da Casa da U. Porto
Você está em: Início > EEC0150
Autenticação




Mapa das Instalações
Edifício A (Administração) Edifício B (Aulas) - Bloco I Edifício B (Aulas) - Bloco II Edifício B (Aulas) - Bloco III Edifício B (Aulas) - Bloco IV Edifício C (Biblioteca) Edifício D (CICA) Edifício E (Química) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício G (Civil) Edifício H (Civil) Edifício I (Electrotecnia) Edifício J (Electrotecnia) Edifício K (Pavilhão FCNAUP) Edifício L (Mecânica) Edifício M (Mecânica) Edifício N (Garagem) Edifício O (Cafetaria) Edifício P (Cantina) Edifício Q (Central de Gases) Edifício R (Laboratório de Engenharia do Ambiente) Edifício S (INESC) Edifício T (Torre do INEGI) Edifício U (Nave do INEGI) Edifício X (Associação de Estudantes)

Sistemas Embarcados

Código: EEC0150     Sigla: SEMB

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Automação, Controlo e Sistemas de Produção Indust.

Ocorrência: 2013/2014 - 2S

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Departamento de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores
Curso/CE Responsável: Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
MIEEC 57 Plano de estudos de Transição a partir de 2010/11 4 - 6 63 162
Plano de estudos oficial 4 - 6 63 162

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Luis Miguel Pinho de Almeida Regente
Mário Jorge Rodrigues de Sousa Regente

Docência - Horas

Teóricas: 2,00
Práticas Laboratoriais: 2,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teóricas Totais 1 2,00
Luis Miguel Pinho de Almeida 1,00
Mário Jorge Rodrigues de Sousa 1,00
Práticas Laboratoriais Totais 3 6,00
Mário Jorge Rodrigues de Sousa 4,00
Luis Miguel Pinho de Almeida 2,00

Língua de trabalho

Português - Suitable for English-speaking students

Objetivos

Dotar os alunos com capacidade de desenvolver sistemas embarcados com requisitos de tempo-real, recorrendo, se necessário, a sistemas operativos de tempo-real.

Resultados de aprendizagem e competências

- Capacidade para identificar requisitos funcionais e não funcionais de sistemas embarcados, com ênfase no requisitos temporals

- Capacidade para modelar aplicações de sistemas embarcados expondo o máximo de concorrência

- Capacidade para utilizar ferramentas de desenvolvimento de sistemas embarcados

- Capacidade para definir e utilizar plataformas computacionais programáveis basedas em micro-controladores com sistemas operativos de tempo-real

- Capacidade para projetar e construir sistemas embarcados utilizando os modelos, as ferramentas e as plataformas referidos acima.

 

Modo de trabalho

Presencial

Programa

- Introdução aos sistemas embarcados e conceitos base
- Arquitecturas de Hardware para sistemas embarcados (CPUs e barramentos para periféricos)
- Arquitecturas de Software para Sistemas Embarcados
- Compilação, Linkagem e 'Debugging'
- Noções básicas sobre os Sistemas Operativos (gestão de memória, gestão de processos, e comunicação esincronização entre processos)
- Escalonamento para Tempo-Real (escalonamento de tarefas periódicas e aperiódicas usando métodos cíclico, prioridades estáticas, e prioridades dinâmicas)
- Programação com POSIX para Tempo-Real

Bibliografia Obrigatória

Giorgio C. Buttazzo; Hard Real-Time Computing Systems. ISBN: 0-7923-9994-3

Bibliografia Complementar

Jane W. S. Liu; Real-time systems. ISBN: 0-13-099651-3
Qing Li ; with Caroline Yao; Real-time concepts for embedded systems. ISBN: 978-1-57820-124-2
Hermann Kopetz; Real-time systems. ISBN: 0-7923-9894-7

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

- Aulas teóricas: exposição dos assuntos a tratar, acompanhados pela presentação e discussão de exemplos.
- Aulas práticas: complementares das aulas teóricas, permitindo aos alunos o contacto com algumas soluções tecnológicas existentes. Realização de trabalhos guiados, em grupo, e apoio ao projecto.
- Trabalho prático: realização de um pequeno projecto.
- Seminários: os alunos, organizados em pequenos grupos, realizarão um seminário dedicado a um tema especifico, o qual apresentam aos restantes colegas durante uma aula teorica.

Palavras Chave

Ciências Tecnológicas > Tecnologia > Tecnologia de computadores > Tecnologia de software
Ciências Tecnológicas > Engenharia > Engenharia de computadores

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Participação presencial 100,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Elaboração de projeto 60,00
Estudo autónomo 20,00
Frequência das aulas 28,00
Trabalho laboratorial 8,00
Total: 116,00

Obtenção de frequência

Condições de Frequência: Realização da componente prática

Fórmula de cálculo da classificação final

Fórmula de avaliação: NF = 0,5*NP + 0,5*NT
NP - pratica (mín. 7)
NT - teorica (mín. 7)
NF - Final

NP = 0,5*NP_D + 0,3*NP_R + 0,2*NP_A
NT = 0,7*NT_T + 0,2*NT_A + 0,1*NT_P
NP_D - demo projeto
NP_R - relatório
NP_A - apresentação
NT_T - teste
NT_A - seminário
NT_P - participação nas discussões

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2019-04-23 às 09:44:03 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais