Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Formação de utilizadores da Biblioteca
Você está em: Início > Cursos/CE > Mestrado Integrado > MIEIC > Informação para Candidatos
Autenticação




Mapa das Instalações
Edifício A (Administração) Edifício B (Aulas) - Bloco I Edifício B (Aulas) - Bloco II Edifício B (Aulas) - Bloco III Edifício B (Aulas) - Bloco IV Edifício C (Biblioteca) Edifício D (CICA) Edifício E (Química) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício G (Civil) Edifício H (Civil) Edifício I (Electrotecnia) Edifício J (Electrotecnia) Edifício K (Pavilhão FCNAUP) Edifício L (Mecânica) Edifício M (Mecânica) Edifício N (Garagem) Edifício O (Cafetaria) Edifício P (Cantina) Edifício Q (Central de Gases) Edifício R (Laboratório de Engenharia do Ambiente) Edifício S (INESC) Edifício T (Torre do INEGI) Edifício U (Nave do INEGI) Edifício X (Associação de Estudantes)

Cursos

Mestrado Integrado em Engenharia Informática e Computação

Dados Gerais

Código Oficial: 9459
Sigla: MIEIC
Descrição:

No final dos cinco anos do curso os diplomados terão uma formação avançada em Engenharia Informática e Computação, podendo ter escolhido uma área de especialização ou manter um leque mais alargado de interesses, mercê de uma ampla oferta de opções, configurável individualmente, contida no plano de estudos. As possíveis especializações incluem atualmente: * Engenharia de Software e Sistemas de Informação (2 sub-áreas com estes nomes) * Redes e Tecnologias de Informação (sub-áreas de Tecnologias da Internet e de Infraestruturas Informáticas) * Sistemas Inteligentes e Multimédia (2 sub-áreas com estes nomes)

Diplomas

  • Mestrado em Engenharia Informática e Computação (300 Créditos ECTS)
  • Licenciatura em Ciências de Engenharia - perfil de Engenharia Informática e Computação (180 Créditos ECTS)

Concursos Nacionais

Média de acesso do último colocado nos últimos 5 anos

2008 2009 2010 2011 2012
161,8 154 156,5 157,8 157,3

Nº Clausus / Vagas

Regime Fase Nº Clausus / Vagas
Regime Geral 1 117
As candidaturas e os prazos são da responsabilidade da Direcção-Geral do Ensino Superior.

Unidades Curriculares

Álgebra

EIC0003 - ECTS

OBJECTIVOS ESPECÍFICOS: Esta disciplina tem dois objectivos fundamentais: por um lado, tratando-se de uma disciplina propedêutica tem um carácter didáctico/científico, promovendo o desenvolvimento do raciocínio lógico e de métodos de análise e, por outro, visa introduzir e desenvolver em termos teóricos um conjunto de conceitos que serão ferramentas essenciais para apoio às disciplinas mais específicas da Engenharia. 

Análise Matemática

EIC0004 - ECTS

Pretende-se ,que os alunos adquiram conhecimentos teóricos e práticos,sobre o cálculo diferencial e integral em R,que possibilitem a aplicação das ferramentas básicas da análise matemática ao tratamento e resolução dos problemas mais adaptados ao perfil do curso,assim como ficar com capacidade para complementar os conhecimentos de forma a permitir desenvolver soluções para resolução de novas questões . No final da disciplina, os alunos devem possuir as seguintes competências: 1. Saber derivar funções, desenhar graficos e estudar as funções 2. Saber integrar e aplicar os integrais em aplicações de engenharia 3. Dominar as técnicas de integração e as equações diferenciais 4. Saber relacionar séries e polinómios, perceber os conceitos da aproximação

Arquitectura e Organização de Computadores

EIC0083 - ECTS

Esta unidade curricular introduz os princípios de funcionamento de um computador moderno e a sua arquitetura geral, com especial ênfase na contribuição de cada subsistema para o desempenho global. A análise da tecnologia de implementação física dos computadores (circuitos lógicos e de memória), associada à explicação das formas elementares de representação de informação em formato digital, permitirá aos estudantes identificar e descrever princípios fundamentais da operação dos computadores, das linguagens de programação e do desenvolvimento de software.

 

Fundamentos da Programação

EIC0005 - ECTS

1 - INTRODUÇÃO

Os engenheiros informáticos requerem conhecimentos elevados de técnicas de programação que só podem ser consolidados com uma boa base de fundamentos da programação.

2 - OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Desenvolver o conhecimento básico para resolver problemas de programação de média complexidade.

3 - DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL

Componente científica: 40%

Componente tecnológica: 60%

 

Matemática Discreta

EIC0011 - ECTS

Enquadramento

A Lógica constitui a base de qualquer raciocínio científico e essa é a razão primeira da sua inclusão no 1º ano do curso. Para além disso, no caso da Engenharia Informática, a Lógica tem um interesse direto operacional em múltiplas dimensões da profissão.

Objetivos específicos

Os objetivos são o desenvolvimento de competências de raciocínio rigoroso e de técnicas de matemática discreta necessárias em várias áreas da informática, como a resolução de problemas, a criação e análise de algoritmos, a teoria da computação, a representação de conhecimento e a segurança.

Distribuição percentual

Componente científica: 100%

Componente tecnológica: 0%.

Projeto FEUP

FEUP002 - ECTS
  • Receber e integrar no ambiente FEUP os alunos recém chegados
  • Dar a conhecer os principais serviços disponíveis
  • Dar formação inicial nas áreas conhecidas como “Soft Skills” e alertar para a sua importância ao longo da carreira em engenharia (soft skills: trabalho em equipa, comunicação, etc.)
  • Discutir cientificamente um tema / resolver um projeto de dificuldade limitada

Complementos de Matemática

EIC0009 - ECTS

1- ENQUADRAMENTO (BACKGROUND) Unidade Curricular essencialmente formativa, coordenando os conhecimentos teóricos fundamentais necessários nas cadeiras que se seguem no plano de estudos.

2- OBJETIVOS ESPECÍFICOS (SPECIFIC AIMS) Adquirir conhecimentos teóricos e práticos, essenciais, sobre o cálculo diferencial e integral de funções reais e vetoriais de uma ou várias variáveis, e sobre algumas das suas aplicações.

3- CONHECIMENTO PRÉVIO (PREVIOUS KNOWLEDGE) São considerados essenciais para a frequência desta unidade curricular os conhecimentos relativos ao cálculo diferencial e integral adquiridos na Unidade Curricular Análise Matemática e os relativos à geometria analítica e cálculo matricial adquiridos na Unidade Curricular Álgebra, ambas lecionadas no 1º Ano, 1º Semestre do MIEIC.

4- DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL (PERCENTAGE DISTRIBUTION) Componente Científica: 75% Componente Tecnológica 25%

5- RESULTADOS DA APRENDIZAGEM (LEARNING OUTCOMES) No fim do período lectivo os estudantes devem ser capazes de: 1. Usar representações paramétricas de curvas em Rn e obter o seu vector tangente e normal; calcular integrais de linha ao longo dessas curvas. 2. Discutir a continuidade de funções escalares de várias variáveis. 3. Obter derivadas parciais e direccionais para campos escalares e campos vectoriais e saber. construir o vector gradiente. 4. Calcular derivadas de funções compostas, de campos escalares e vectoriais, bem como de funções definidas implicitamente. 5. Calcular integrais de linha e de superfície 

Física I

EIC0010 - ECTS

A Física é uma das ciências de base de qualquer Engenharia. Com o desenvolvimento dos computadores pessoais, o tipo de problemas físicos que podem ser resolvidos numa disciplina introdutória aumentou significativamente. A Física Computacional e as técnicas de simulação permitem que o aluno possa ter uma visão geral de um problema de física, sem ter que usar técnicas analíticas complicadas. As técnicas computacionais desenvolvidas para resolver problemas de mecânica têm sido aplicadas com sucesso em outros campos fora da física, dando origem à teoria geral dos sistemas dinâmicos.

O objetivo desta unidade curricular é dar ao estudante conhecimentos básicos de mecânica e dos métodos computacionais usados para resolver sistemas dinâmicos. É usado um Sistema de Álgebra Computacional (CAS), para permitir que o estudante possa resolver problemas práticos de mecânica e sistemas dinâmicos, em vez de perder muito tempo em aprender métodos abstratos. Os conhecimentos adquiridos de dinâmica e modelação de sistemas físicos no computador serão bastante importantes em outras unidades curriculares relacionadas com computação gráfica e visualização, teoria de jogos, simulação e computação científica.

Métodos Estatísticos

EIC0105 - ECTS

Garantir que os alunos adquiram uma visão integrada de conceitos e técnicas básicas da Estatística no âmbito do curso de Engenharia Informática.

Microprocessadores e Computadores Pessoais

EIC0016 - ECTS

ENQUADRAMENTO

Os computadores pessoais (PC), tanto computadores de mesa como portáteis, constituem uma ferramenta ubíqua nas sociedades modernas. A sua arquitetura reflete o avanço tecnológico atual, mas também estabelece os limites das suas capacidades e desempenho . O conjunto de instruções IA-32 está no centro de todos os computadores pessoais atualmente em uso. Tanto a arquitetura como o conjunto de instruções têm um impacto profundo na prática diária dos engenheiros informáticos.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

A unidade curricular de Microprocessadores e Computadores Pessoais tem por objectivo desenvolver, combinar e aplicar de forma integrada conceitos das áreas de Arquitectura de Computadores e de Linguagens de Programação. Por um lado, a unidade curricular explora as relações entre o conjunto de instruções do CPU e a programação de baixo nível (linguagem "assembly"). Por outro lado, reconhecendo que a arquitectura de computadores pessoais modernos vai muito para além da arquitectura do CPU, a unidade curricular abordará a arquitectura geral de um PC, incluindo o subsistema de armazenamento de dados e outros periféricos. Após a conclusão com sucesso desta unidade curricular, o estudante terá adquirido a capacidade de identificar e descrever a arquitectura dos computadores pessoais em uso actualmente, bem como a capacidade de aplicar as técnicas de programação "assembly" na implementação de qualquer tipo de algoritmo. 

DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL

  • Componente científica: 60%
  • Componente tecnológica: 40%

Programação

EIC0012 - ECTS

Os objetivos principais desta unidade curricular são dotar os estudantes com:
- conhecimentos fundamentais sobre a programação procedimental e a programação baseada em objectos;
- a capacidade de aplicar esses paradigmas de programação para desenvolver programas, usando a linguagem C++ como ferramenta.

 

Algoritmos e Estruturas de Dados

EIC0013 - ECTS

Na sequência das unidades curriculares de Introdução à Programação, é objetivo desta unidade curricular: recorrer às noções de programação já estabelecidas e sistematizar o uso de estruturas de informação e de algoritmos para resolver categorias de problemas;  usar, como paradigma de suporte ao desenvolvimento de programas, a orientação por objetos; dar ênfase à organização dos programas em torno de tipos de dados abstratos. Serão realizados pequenos projetos usando a linguagem C++.

Física II

EIC0014 - ECTS

Atualmente o processamento, armazenamento e transmissão de informação são feitos usando fenômenos eletromagnéticos. Consequentemente, a formação de base de um engenheiro informático deve incluir o estudo da eletricidade, do magnetismo e dos circuitos elétricos

Esta unidade curricular visa dotar os estudantes com conhecimentos básicos de eletromagnetismo e processamento de sinais. A abordagem é experimental, com recurso a experiências simples que os estudantes podem realizar durante as aulas teórico-práticas para consolidar os conhecimentos teóricos e adquirir experiência no uso dos instrumentos de medição. O Sistema de Computação Algébrica (CAS) usado na unidade curricular Física 1 é também aproveitado para facilitar a resolução de problemas e para visualizar campos elétricos e magnéticos.

Laboratório de Computadores

EIC0020 - ECTS

1- Enquadramento

 

Os dispositivos periféricos são uma parte fundamental dum computador, sem a qual a utilidade ou a facilidade de uso dos computadores seriam significativamente inferiores. A importância destes dispositivos em sistemas baseados em computadores tem crescido desde os primórdios dos computadores (cerca de 1950) e continua com a difusão cada vez maior de sistemas embebidos. Contudo, a programação dos dispositivos periféricos usando a sua interface programática, i.e. a interface de "hardware", requer conhecimentos e técnicas específicas.

 


2- Objetivos Específicos

Os objetivos da unidade curricular são dotar os estudantes com conhecimentos essenciais para serem capazes de:



    • utilizar a interface de "hardware" dos periféricos mais habituais de um PC;

 

    • desenvolver "software" de baixo nível e de "software" embebido para a plataforma PC;

 

    • usarem a linguagem de programação C de modo estruturado;

 

    • utilizarem várias ferramentas de desenvolvimento de software.



3- Distribuição Percentual

 

Científica: 10%
Tecnológica: 90%

 

Métodos Numéricos

EIC0021 - ECTS

A disciplina pretende em primeiro lugar fornecer aos estudantes competências sólidas no cálculo numérico. Será organizada por tópicos, cobrindo os problemas de representação numérica, a resolução de equações e sistemas de equações algébricas e diferenciais, a integração definida, a optimização não linear e o ajuste de curvas.

O estudante deverá:

  • desenvolver a capacidade de identificar os problemas numéricos, propondo diferentes metodologias de resolução, escolhendo e implementando adequadamente um método de resolução. A escolha decorrerá de um processo de experimentação;
  • compreender o enquadramento dos métodos numéricos no contexto da engenharia, pelo que os problemas propostos serão, sempre que possível, situações concretas da engenharia, de forma a que o método numérico seja entendido no seu contexto de aplicação;
  • desenvolver a capacidade crítica, pelo que os resultados obtidos serão sempre objecto de crítica, quer em termos do método, quer em termos da implementação, quer em termos do próprio problema.

Como o enfoque da disciplina não é a algoritmia dos métodos mas a compreensão da sua aplicabilidade e da sua implementação, as ferramentas informáticas mais usadas nas aulas serão as que fornecem uma maior clareza no processo de cálculo, rapidez de desenvolvimento e flexibilidade,essencialmente 'super máquinas de calcular', como são as folhas de cálculo, os manipuladores algébricos ou matriciais.

Dominado o processo numérico, é pedido ao aluno que faça a sua implementação usando ferramentas mais eficientes, mas menos flexíveis e de maior exigência em termos de preparação, como são as linguagens de programação.

Teoria da Computação

EIC0022 - ECTS

Preparar os estudantes em tópicos relacionados com teoria da computação, com um ênfase especial em tópicos relacionados com linguagens formais. Munir os estudantes dos conhecimentos necessários que lhes permitam utilizar corretamente  linguagens regulares, expressões regulares, linguagens não-regulares, automatos finitos deterministas e não-deterministas, linguagens e gramáticas livres de contexto, autómatos de pilha, e Máquinas de Turing. Capacitar os estudantes para que estes sejam capazes de expressar problemas computacionais usando linguagens formais, automatos, e máquinas de Turing. Capacitar os estudantes de métodos para formalizar problemas computationais relacionados com linguagens e para provar afirmações relacionadas com esses problemas.

Bases de Dados

EIC0023 - ECTS

ENQUADRAMENTO

Sistemas de Informação (SI) é ums área fundamental em engenharia informática. Bases de dados são repositórios de dados necessários em qualquer SI. A unidade curricular de bases de dados é uma unidade chave na área de SI. O objetivo principal desta unidade curricular é preparar os alunos para projetar e desenvolver sistemas de bases de dados que atendam às necessidades dos utilizadores de acordo com os objetivos de gestão organizacionais.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Este é um curso introdutório sobre bases de dados. Aborda o paradigma relacional. Abrange o desenho (modelo UML), construção (linguagem de definição de dados SQL), consulta (linguagem de manipulação de dados SQL) e gestão (optimização, controlo de acesso e políticas de concorrência) de bases de dados relacionais. Intorduz, ainda, o conceito de bases de dados multi-dimensionais.

DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL

Componente científica: 50% Componente tecnológica: 50% 

Computação Gráfica

EIC0019 - ECTS

ENQUADRAMENTO: A computação Gráfica tem vindo a afirmar-se e é hoje um componente muito importante em toda a envolvente de interação pessoa-computador. No entanto, a sua aplicabilidade vai muito além, tendo hoje em dia uma posição de relevo em indústrias importantes como sejam a cinematográfica e a dos jogos. Também na tecnologia e na ciência desempenha um papel insubstituível permitindo a visualização de fenómenos, muitas vezes ligada a simulação e a técnicas de realidade virtual. Nesta unidade curricular, efetua-se uma abordagem às matérias de Computação Gráfica segundo uma filosofia tipo Top-Down, iniciando-se com os temas mais relacionados com os 3D (síntese de imagem, modelação) e terminando com a visita a vários algoritmos mais elementares, no âmbito dos 2D. A componente 3D da matéria é acompanhada, nas aulas práticas, com exercícios baseados numa tecnologia de grande utilização, o OpenGL.

OBJETIVOS ESPECÌFICOS: - Transmitir o conhecimento de conceitos, técnicas, algoritmos, tecnologias e arquitecturas de Computação Gráfica. - Reforçar os conhecimentos teóricos com a sua aplicação prática, por meio da implementação, teste e avaliação de algoritmos abordados em teoria.

DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL
- Componente científica: 50%
- Componente tecnológica: 50%

 

Concepção e Análise de Algoritmos

EIC0110 - ECTS

Esta Unidade Curricular tem por objectivo complementar e aprofundar os conhecimentos assimilados nas disciplinas de "Programação" e de "Algoritmos e Estruturas de Dados", nomeadamente pela introdução de técnicas de concepção e implementação de algoritmos eficientes para a resolução de diferentes tipos de problemas, assim como a sua análise e avaliação.

Mais especificamenet, pretende-se permitir aos estudantes:

  • conhecer e saber aplicar algoritmos eficientes em grafos, conjuntos e cadeias de caracteres;
  • conhecer e saber aplicar técnicas genéricas de concepção de algoritmos;
  • conhecer alguns problemas intratáveis e algoritmos que fornecem soluções aproximadas para alguns deles. 

Laboratório de Programação Orientada por Objectos

EIC0111 - ECTS

 

    • Desenvolver e aprofundar as competências de programação orientada por objetos, numa linguagem orientada por objetos moderna (Java), representativa das linguagens utilizadas para desenvolvimento de software aplicacional. 

 

    • Desenvolver competências de desenho orientado por objetos, usando a linguagem UML e padrões de desenho.

 

    • Aprender a desenvolver aplicações com interface gráfica e a utilizar bibliotecas extensas. 

 

    • Adquirir o hábito de seguir boas práticas de desenvolvimento de software (desenvolvimento iterativo, testes unitários, "refactoring", programação em pares, etc.).

 

Sistemas Operativos

EIC0027 - ECTS

Os objetivos principais desta unidade curricular são fornecer os conhecimentos fundamentais sobre:
O1- a estrutura e o funcionamento de um sistema operativo;
O2- a utilização da interface de programação (API) de um sistema operativo real.

Engenharia de Software

EIC0024 - ECTS

Familiarizar-se com os métodos de engenharia e gestão necessários ao desenvolvimento de sistemas de software complexos e/ou em larga escala, de forma economicamente eficaz e com elevada qualidade.

 

Laboratório de Aplicações com Interface Gráfica

EIC0084 - ECTS

ENQUADRAMENTO

Esta unidade curricular surge na sequência de "Computação Gráfica", do segundo semestre do segundo ano, onde foram dados a conhecer os principais princípios teóricos da matéria.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Esta unidade curricular tem por objectivo principal desenvolver um conjunto de competências práticas, algumas já tratadas em unidades curriculares anteriores num contexto mais teórico. Foca-se em trabalhos práticos de desenvolvimento, tendencialmente multidisciplinares, nomeadamente nas áreas de Computação Gráfica e Interfaces, de Programação em Lógica e de Sistemas Operativos.

DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL
Componente científica: 30%
Componente tecnológica: 70%



Pretende-se dotar os alunos de capacidade de exploração adequada ao desenvolvimento de software, nomeadamente na criação de ambientes 3D (representação poligonal, iluminação e interacção) e na utilização dos serviços oferecidos por um sistema operativo, com ênfase especial em comunicações e sincronização. 

Linguagens e Tecnologias Web

EIC0112 - ECTS

Pretende-se, nesta disciplina, que os alunos desenvolvam competências nas linguagens e tecnologias WEB mais significativas, no contexto tecnológico atual, ou que foram determinantes no processo evolutivo da WEB. 

Programação em Lógica

EIC0026 - ECTS

O paradigma da Programação em Lógica apresenta uma abordagem declarativa e baseada em processos formais de raciocínio à programação, mais apropriada para a resolução de alguns tipos de problemas. A programação em lógica com restrições permite abordar problemas de satisfação de restrições e de optimização, modelando-os de uma forma directa e elegante.

Objetivos: Adquirir familiaridade com os paradigmas da Programação em Lógica e da Programação com Restrições. Desenvolver as capacidades de raciocínio abstracto e de representação de problemas de forma declarativa.

A Unidade Curricular centra-se no paradigma da programação baseada em lógica de primeira ordem. A componente prática baseia-se na utilização da linguagem de programação Prolog. Adicionalmente, é também abordada a programação em lógica com restrições, com ilustração de diversas aplicações práticas.

Distribuição Percentual: Componente científica: 50%; Componente tecnológica: 50%

Redes de Computadores

EIC0032 - ECTS

Redes de Computadores (RCOM) é a unidade curricular que introduz os estudantes no domínio de conhecimento das redes de comunicações. Os conceitos fundamentais endereçados em RCOM incluem os seguintes: canais de comunicação e controlo da ligação de dados, modelos de erro e atraso, comunicações multi-acesso, encaminhamento, controlo de fluxo e controlo de congestionamento. As principais tecnologias discutidas em RCOM são a Ethernet comutada, a Wireless LAN 802.11, a Internet e a pilha de comunicações TCP/IP. As implementações e projetos a desenvolver em RCOM incluem um protocolo de ligação de dados com controlo de fluxo, uma aplicação a funcionar em modo cliente, e a configuração e teste de redes Ethernet e IP.

Compiladores

EIC0028 - ECTS

Fornecer os conceitos que permitam:

- compreender as fases de compilação de linguagens, em especial das linguagens imperativas e orientada por objectos;

- especificar a sintaxe e semântica de uma linguagem de programação;

- compreender e utilizar as estruturas de dados e os algoritmos principais usados na implementação de compiladores.

Inteligência Artificial

EIC0029 - ECTS

Esta unidade curricular apresenta um conjunto de assuntos nucleares para a área dos Sistemas Inteligentes.

Objectivos:

  • Saber o que carateriza e distingue a IA e qual a sua aplicabilidade.
  • Saber como Representar, Adquirir, Manipular e Aplicar Conhecimento usando Sistemas Computacionais.
  • Desenvolver um pequeno projeto usando técnicas de IA.

Distribuição Percentual: Componente científica: 60%; Componente tecnológica: 40%

Laboratório de Bases de Dados e Aplicações Web

EIC0085 - ECTS

A unidade curricular de LBAW tem como objetivo sedimentar as matérias expostas nas unidades curriculares de bases de dados e linguagens e tecnologias web. Esta unidade curricular oferece uma perspetiva prática sobre duas áreas centrais da engenharia informática.

Nesta unidade curricular pretende-se dotar os estudantes da capacidade de projetar e desenvolver sistemas de informação acessíveis através da web e suportados por sistemas de gestão de bases de dados.

Proficiência Pessoal e Interpessoal

EIC0031 - ECTS

OBJETIVOS: ●Identificar e adquirir os conhecimentos essenciais para saber como maximizar progressivamente as condições de êxito do desempenho pessoal e interpessoal. ●Aplicar técnicas de auto-controlo e estratégias de relacionamento interpessoal que permitam gerir com elevada mestria a eficiência dos processos de trabalho a implementar e a eficácia dos resultados a atingir em cada organização. ●Ter consciência da importância de saber utilizar competências complementares (soft skills) e de realizar mudanças evolutivas de forma a desenvolver um perfil profissional que contribua para melhorar continuamente a futura atividade do engenheiro informático.

Sistemas Distribuídos

EIC0036 - ECTS

1 - Enquadramento

Um dos mais importantes desenvolvimentos recentes na computação é o crescimento de aplicações distribuídas, como é ilustrado pelo enorme número de aplicações orientadas para a Web, muitas delas móveis.

2 - Objectivos Específicos

Esta unidade curricular tem dois objectivos fundamentais:

  • dotar os estudantes com conhecimentos teóricos sobre sistemas distribuídos para que possam tomar decisões correctas quando confrontados com a necessidade de implementar um sistema desta natureza;
  • dotar os estudantes com conhecimentos práticos para que possa desenvolver e tirar partido dos sistemas distribuídos.

3 - Distribuição Percentual

Componente Científica: 50%; Componente Tecnológica: 50%

 

Agentes e Inteligência Artificial Distribuída

EIC0033 - ECTS

A unidade curricular assume-se como de Engenharia (evidenciando apenas a teoria essencial para se entender as aplicações práticas) e proporciona uma perspetiva global das técnicas associadas à especificação e desenvolvimento de Agentes computacionais bem como realça a sua relevância prática apresentando exemplos de aplicação.

A Programação Orientada a Agentes é apresentada como uma nova metáfora para a descrição e programação de sistemas computacionais distribuídos. Os conhecimentos sobre Agentes e Sistemas Multi-Agente são apreendidos quer usando formalismos lógicos quer através da utilização de ferramentas de software. Para consolidar os conhecimentos ministrados nas aulas teóricas incentiva-se a realização de pequenos projetos, apoiados nas aulas práticas, ilustrativos dos tópicos abordados na disciplina. O OBJETIVO principal é, assim, que os estudantes saibam especificar e implementar sistemas distribuídos e descentralizados usando o paradigma dos Sistemas Multi-Agente.

Gestão de Empresas

EIC0034 - ECTS

A unidade curricular tem por objetivo desenvolver competências na área da Gestão, integrando uma sólida componente teórica, baseada na apresentação e discussão de conceitos e metodologias, com a sua aplicação a um projeto de estudo de uma empresa e à discussão de casos de estudo.

Laboratório de Desenvolvimento de Software

EIC0086 - ECTS

A unidade curricular tem como objectivo principal desenvolver nos estudantes as seguintes competências:
- aplicar um processo de Engenharia de Software ao desenvolvimento completo de um sistema de software real, ao longo do semestre, abrangendo a especificação de requisitos, arquitectura e desenho, implementação, integração, teste, documentação e demonstração;
- adquirir os conhecimentos fundamentais e experiência sobre as práticas de desenvolvimento ágil de software: planeamento de iterações, testes unitários, refactoring, pattern-based design, autoria colectiva de código, programação em pares, integração contínua;
- utilizar ferramentas de desenvolvimento de software adequadas à metodologia em uso e que permitam o acompanhamento do desenvolvimento do produto durante todo o seu ciclo de vida;
- utilizar APIs e infraestruturas de software de grande escala, introduzindo o desenvolvimento baseado em componentes e problemas relacionados com integração aplicacional;
- desenvolvimento de trabalho colaborativo integrando outros intervenientes do projecto em decisões de desenho e planeamento e delegar, negociar e rever estas decisões em grupo;
- aplicar os conhecimentos anteriormente adquiridos em disciplinas nas áreas Engenharia de Software, Bases de Dados, Interfaces Gráficas, Sistemas Operativos, Linguagens de Programação e Inteligência Artificial.

Métodos Formais em Engenharia de Software

EIC0039 - ECTS

1-CONHECIMENTOS ÚTEIS Conhecimentos de engenharia de software (nomeadamente, processos de desenvolvimento e modelação de software) e conhecimentos de teoria de computação. 2-OBJETIVOS ESPECÍFICOS Desenvolver as capacidades de abstração de forma a descrever o que o sistema deve fazer e não a maneira de o fazer. Estar familiarizados com os métodos formais e forma como eles podem contribuir para aumentar a qualidade dos sistemas de software. 3-CONHECIMENTO PRÉVIO É útil frequência anterior em Engenharia de software, Teoria de computação e Conceção e análise de algoritmos. 4-DISTRIBUIÇÂO PERCENTUAL Componente científica = 75% Componente tecnológica = 25% 5-RESULTADO DA APRENDIZAGEM No final da unidade curricular os estudantes devem ser capazes de: - aplicar métodos formais de especificação (baseado em modelos; baseado em propriedades; baseado em comportamento) e verificação ("Model-checking", provas formais e teste) no desenvolvimento de sistemas de software. - identificar os métodos formais existentes e saber quando devem ser aplicados e quais são mais adequados em cada caso.

Sistemas de Informação

EIC0040 - ECTS

ENQUADRAMENTO: Esta é a única UC de sistemas de informação no MIEIC. Por este motivo, pretende ser uma UC introdutória aos Sistemas de Informação nas Organizações focando-se no seu papel e na forma como o SI contribui para a construção de valor.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS: É objectivo desta unidade curricular preparar os estudantes para compreender o papel dos Sistemas de Informação (SI) nas organizações e a importância de se encontrarem alinhados com a sua estratégia de negócio.

Arquitectura de Sistemas de Software

EIC0048 - ECTS

ENQUADRAMENTO À medida que os sistemas de software aumentam de dimensão e de complexidade torna-se cada vez mais importante compreendê-los a níveis de abstracção mais elevados. A arquitectura de um sistema de software descreve a sua estrutura global em termos dos seus componentes, das propriedades externas desses componentes e das suas interrelações. Para sistemas de média e grande dimensão a escolha adequada da arquitectura assume uma importância crucial para o sucesso do seu desenvolvimento.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS A disciplina de Arquitecturas de Sistemas de Software tem como objectivo principal introduzir os conceitos de arquitecturas de software, padrões de desenho e tópicos directamente relacionados, tais como o de componentes de software. Pretende ensinar a desenhar, compreender e avaliar arquitecturas de sistemas de software, tanto ao nível de abstracção de macro-arquitectura como de micro-arquitectura e assim familiarizar os alunos com os conceitos fundamentais de arquitectura de software, as propriedades e aplicabilidade dos diferentes estilos de arquitectura existentes, os padrões de desenho mais populares, componentes de software, arquitecturas reutilizáveis e as relações destes conceitos todos com a reutilização de software.

DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL Componente Científica: 50% Componente Tecnológica 50%.

Computação Paralela

EIC0089 - ECTS

ENQUADRAMENTO

A programação paralela e distribuída está a tornar-se o paradigma comum de programação dada a evolução do hardware para arquiteturas multicore e elementos massivamente paralelos como as GPUs. O computador pessoal atual é composto por vários processadores que coletivamente disponibilizam maior capacidade de processamento, do que os anteriores single-core, mas que individualmente têm menor capacidade. Os programadores terão de dominar a programação multi-processador para que possam utilizar com eficiência as máquinas do presente e do futuro.

OBJECTIVOS

Aquisição de conhecimentos conducentes à utilização simultânea de várias unidades de processamento num sistema de computação. Construção de bases sólidas sobre arquiteturas paralelas, paralelização de algoritmos, modelos de programação, sincronização de processos e medidas de desempenho, através do desenvolvimento de programas.

Componente ciêntifica:50%

Componente técnica:50%

 

Desenvolvimento de Jogos de Computador

EIC0090 - ECTS

1 - INTRODUÇÃO

Os engenheiros informáticos podem tirar grandes vantagens em possuir competências no desenvolvimento de jogos digitais, não só como produto final da indústria do entretenimento, mas também pelas capacidades imersiva e de interatividade desta tecnologia, que podem potenciar, inclusivamente, a aprendizagem.

2 - OBJETIVOS ESPECÍFICOS

O objetivo desta unidade curricular é transmitir o conhecimento sobre o processo de desenvolvimento de jogos de computador, com ênfase particular nos aspetos relacionados com a programação dos diversos módulos que compõem um motor de jogo.

3 - DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL

  • Componente científica: 30%
  • Componente tecnológica: 70%

 

Engenharia de Requisitos de Sistemas de Software

EIC0053 - ECTS

Dotar os alunos com competências para planear, gerir e levar a cabo um processo de análise e especificação de requisitos de um sistema de software.

Investigação Operacional

EIC0037 - ECTS

Dotar os alunos com competências para: - identificar problemas de decisão; - aplicar as várias fases de resolução de um problema de decisão, em particular, a definição e estruturação de problemas, a construção de modelos e a utilização de métodos quatitativoas para a obtenção da solução - analisar de forma crítica a solução obtida - perceber a importância do papel de agente de mudança nas organizações

Laboratório de Gestão de Projectos

EIC0106 - ECTS

1- ENQUADRAMENTO
O sucesso dos projetos e produtos de software depende não só do domínio das competências técnicas necessárias à realização das várias atividades do ciclo de vida do desenvolvimento do software, mas também, e cada vez mais, de um conjunto de capacidades e competências de gestão, comportamentais e comunicacionais, tais como competências de gestão de projeto (nas suas diversas variáveis de prazo, orçamento, âmbito, qualidade, recursos, etc.), capacidade de trabalhar em equipa, capacidade de relacionamento com clientes e capacidade de comunicação e marketing.

2- OBJETIVOS ESPECÍFICOS

No final da Unidade Curricular os estudantes deverão ser capazes de:
1.Identificar a necessidade de recurso à gestão de projetos bem como a importância do seu enquadramento estratégico;
2.Identificar os diferentes referenciais normativos e metodologias para a gestão de projetos; 3.Identificar e definir as áreas de processo e variáveis da gestão de projetos;
4. Aplicar metodologias e ferramentas de gestão de projeto e trabalho em equipa;
5. Aplicar conceitos e ferramentas de gestão da qualidade a projetos;
6. Identificar e gerir os riscos inerentes a um projeto.


3- CONHECIMENTO PRÉVIO
Domínio das competências técnicas necessárias ao desenvolvimento de projetos de software.
Ter frequentado Laboratório de Desenvolvimento de Software (LDSO).

4- DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL
Componente Científica: 50%
Componente Tecnológica 50%

Linguagens de Anotação e Processamento de Documentos

EIC0107 - ECTS

ENQUADRAMENTO

A unidade curricular "Linguagens de Anotação e Processamento de Documentos" tem como contexto o uso generalizado de linguagens de anotação para a representação de informação semi-estruturada e a existência de ferramentas normalizadas para o seu tratamento.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Esta unidade curricular foca-se na obtenção de linguagens de anotação para um dado domínio e na realização de aplicações baseadas em linguagens de anotação e tem por objetivos:

1. Sensibilizar os estudantes para as múltiplas aplicações não triviais das linguagens de anotação;
2. Familiarizar os estudantes com as tecnologias de processamento e armazenamento de informação semi-estruturada;
3.Aplicar as tecnologias de anotação na definição de uma linguagem e na resolução de um problema com recurso ao desenvolvimento de uma aplicação.

Marketing

EIC0061 - ECTS

A unidade curricular tem por objectivo desenvolver competências na área da Gestão de Marketing, integrando uma sólida componente teórica, baseada na apresentação e discussão de conceitos e metodologias, com a sua aplicação ao desenvolvimento de um plano de marketing e à discussão de casos de estudo.

Metodologias de Planeamento e Escalonamento

EIC0063 - ECTS

Abordar de uma forma integrada as problemáticas de planeamento e escalonamento.

Estudar abordagens tradicionais a problemas de planeamento e escalonamento.

Explorar metodologias de planeamento e escalonamento recentes, baseadas em algoritmos heurísticos do domínio da Inteligência Artificial.

Aplicar técnicas heurísticas de planeamento e escalonamento a problemas de complexidade média.

Multimédia e Novos Serviços

EIC0064 - ECTS

São objectivos da unidade curricular: a) apresentar os conceitos, os serviços e as aplicações multimédia e hipermédia; b) apresentar as técnicas de codificação e representação da informação multimédia; c) introduzir as ferramentas de desenvolvimento de aplicações; d) desenvolver aplicações. 

Paradigmas da Programação

EIC0065 - ECTS

ENQUADRAMENTO

Nos anos anteriores do curso, os estudantes aprenderam diversas linguagens de programação. Não lhes foi, no entanto, lecionada uma perspectiva global e sistemática das Linguagens de Programação.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Dotar os estudantes de uma visão global dos vários paradigmas de programação com ênfase nos conceitos, implementação e adequação às classes de problemas, levando-os a perceber os compromissos no desenho de linguagens e as vantagens e desvantagens na utilização das linguagens mais usadas em programação.

Serviços de Rede e de Sistema

EIC0092 - ECTS

1- ENQUADRAMENTO
Esta unidade curricular aborda conceitos e aspectos tecnológicos no contexto da actual arquitectura de rede da  Internet. Embora possa parecer como operando como uma única rede, a Internet é na realidade formada por um grande conjunto interligado de redes heterogéneas, as quais utilizam diferentes tecnologias de rede. Torna-se assim necessário estudar a forma como se estabelece a interligação de todas estas redes e tecnologias. Por outro lado, a utilização da Internet e da World Wide Web, tornou-se numa parte fundamental da vida, sendo intensamente utiizada diariamente por todos, quer de forma professional quer privada. Deste modo, é fundamental que um engenheiro de telecomunicações adquira os conhecimentos necessários para projectar, instalar e gerir os serviços essenciais que devem correr na Internet de forma a satisfazer todos os requisitos.

2- OBJETIVOS ESPECÍFICOS
O objectivo desta unidade curricular é o de dotar os alunos com conhecimentos consolidados na área das redes de computadores sob uma prespectiva de projectores e gestores de uma rede, nomedadamente, constituição de várias sub-redes para satisfazer requisitos específicos de organizações e utilizadores, atribuição de gamas de enderecos IP, gestão de serviços de encaminhamento de pacotes dentro de um domínio e entre domínios, identificação de servicos de redes necessários, sua instalação e configuração.

3- CONHECIMENTO PRÉVIO
Conhecimentos básicos de redes de Comunicação de Dados, incluindo os princípios e conceitos da arquitectura de redes de computadores, as tecnologias e soluções mais usadas e os principais protocolos em vigor em redes IP.

4- DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL

Componente Científica: 50%
Componente Tecnológica 50%

5- RESULTADOS DA APRENDIZAGEM
No final da unidade curricular os estudantes serão capazes de projectar e configurar as infra-estruturas de rede e sistemas de uma rede empresarial dotada de todos os servicos fundamentais tais como DNS, email, Web.

Sistemas Críticos

EIC0073 - ECTS

Abrir os horizontes dos Engenheiros Informáticos, especialistas em desenvolvimento de software, para a área dos Sistemas Críticos. Abordar noções ligadas à cultura da Segurança, fundamentais para o ciclo de vida de desenvolvimento de Sistemas Críticos. Os principais tópicos abordados incluem: a) Uma abordagem de todas as fases da vida de um sistema de segurança crítica, desde a sua conceção e especificação, até à sua certificação, instalação, manutenção e desativação; b) Informação sobre como avaliar as implicações de segurança de projetos e determinar as medidas necessárias para desenvolver sistemas para atender às necessidades de segurança; c) Quais as técnicas disponíveis para abordar os aspetos de segurança crítica em sistemas computacionais e as metodologias que podem ser utilizadas para melhorar a sua fiabilidade.

Tecnologias de Bases de Dados

EIC0076 - ECTS

Habilitar os alunos a desenvolver e administrar grandes bases de dados, nomeadamente a afinar o esquema físico, a otimizar interrogações SQL, a tirar partido das extensões à manipulação de objetos e à tecnologia XML e a recuperar e replicar dados.

Tecnologias de Distribuição e Integração

EIC0077 - ECTS

Os objetivos principais da unidade curricular incluem:
- a aquisição de conhecimento e prática dos conceitos essenciais do projeto e arquitetura de aplicaçãoes distribuídas empresariais;
- aplicação dos principais padrões e tecnologias, consoante os requisitos e funcionalidades dos cenários finais;
- conhecimaento detalhado de várias tecnologias, com vista à sua implementação fluente, e à sua interoperabilidade e integração.

Tecnologias para Negócio Electrónico

EIC0078 - ECTS

 A condução de negócios por via electrónica é uma abordagem cada vez mais ubíqua. Nesta unidade curricular aborda-se este conceito sob um ponto de vista científico-tecnológico.

São objetivos da UC: Compreender o interesse e oportunidade de Negócio Electrónico; Explicitar Modelos de Negócio Electrónico; Apresentar Tecnologias de Suporte ao Negócio Electrónico

Componente científica: 50% Componente tecnológica: 50%

Análise de Projectos de Investimento

EIC0044 - ECTS

O objetivo desta disciplina é dotar os alunos do conhecimento das metodologias-base para a análise da viabilidade económica e financeira de projetos de investimento em condições de certeza e de incerteza. 

Armazéns de Dados

EIC0046 - ECTS

Dotar os alunos da capacidade de projetar, implementar e explorar armazéns de dados (data warehouses).

Arquitectura e Gestão de Redes e Sistemas

EIC0095 - ECTS

Como objectivo desta unidade curricular os estudantes deverão adquirir competências no planeamento e gestão integrada de infra-estruturas de rede e sistemas. Hoje, estas infra-estruturas de rede e sistemas pode chegar facilmente a ter redes core a petabit/s, redes de acesso com milhões de utilizadores, serviços de rede complexos como a distribuição de conteúdo de vídeo, dezenas de milhares de servidores e aplicações, e milhares de dispositivos móveis trazidos de casa pelos funcionários (BYOD), tudo com requisitos *-as-a-service. Planear, configurar, e aferir o desempenho e a contabilização nestes sistemas de forma segura é um desafio hoje, e também amanhã.

Computação Móvel

EIC0050 - ECTS

A computação móvel tem tido um enorme incremento nos últimos anos com a explosão da utilização de dispositivos móveis de elevadas capacidades de computação, comunicação, armazenamento e interface. As aplicações estendem-se por cada vez mais campos desde o entretenimento e redes sociais até ao trabalho empresarial.
Os objectivos principais desta unidade curricular visam a aquisição de conhecimento e prática dos conceitos essenciais do projecto, arquitectura e implementação de aplicações, principalmente empresariais, em dispositivos móveis, utilizando APIs de grande divulgação corrente.
São problemas e desafios a vencer a grande diversidade de capacidades e formas de interação dos dispositivos móveis atuais.

Descrição, Armazenamento e Pesquisa de Informação

EIC0108 - ECTS

ENQUADRAMENTO

A unidade curricular "Descrição, Armazenamento e Pesquisa de Informação" tem como contexto a existência de grandes repositórios de informação de natureza muito diversa e os requisitos para a sua organização, descrição, armazenamento e pesquisa.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Sensibilizar os estudantes para os problemas do armazenamento e organização de grandes coleções de dados.
  • Familiarizar os estudantes com os conceitos principais na pesquisa de documentos textuais e da sua aplicação em ferramentas.
  • Explorar os métodos e ferramentas para a descrição de recursos na web e para o uso da descrição em aplicações que fazem uso do significado dos dados.

Dissertação

EIC0041 - ECTS

Nos termos do estipulado em normas específicas da FEUP, a caracterização de Dissertação é a seguinte: 1. Trabalho individual de investigação e desenvolvimento, conducente à elaboração de uma dissertação de natureza científica sobre um tema da área de conhecimento do curso, ou visando a integração e aplicação à resolução de problemas complexos de engenharia de conhecimentos, competências e atitudes adquiridos ao longo do curso. 2. Pode ser um trabalho de investigação ou de desenvolvimento tecnológico e aplicação, envolvendo meios experimentais e/ou de simulação, que promova o desenvolvimento de capacidades de iniciativa, de decisão, de inovação, de pensamento criativo e crítico, num contexto de trabalho individual ou em grupo. 3. Deve envolver a análise de situações novas, a recolha de informação pertinente, o desenvolvimento e selecção ou concepção das metodologias de abordagem e dos instrumentos de resolução do problema proposto, a sua resolução, o exercício de sín-tese e elaboração de conclusões, e a preparação de uma dissertação pertinente sujeita a apresentação pública e discussão dos resultados. 4. Pode ser realizado em ambiente académico ou académico e empresarial. Neste caso os objectivos, natureza e forma de acompanhamento do trabalho devem ser objecto de acordo prévio entre o estudante e os orientadores por parte da Faculdade e da empresa, validado pelo Director do Curso, que garanta a satisfação dos objectivos de natureza científica e pedagógica da unidade curricular, e proteja eventuais questões de confidencialidade por parte da empresa/instituição de acolhimento.

Extracção de Conhecimento e Aprendizagem Computacional

EIC0096 - ECTS

Enquadramento

Após uma época em que as diferentes empresas/instituições muito investiram na recolha de dados no âmbito da informatização das suas operações, surge agora a necessidade de pôr esses dados ao serviço dessas empresas/instituições. O objetivo é ser capaz de extrair conhecimento desses dados que permita melhorar a eficiência e ganhar vantagem competitiva. É desta necessidade que surge a Unidade Curricular (UC) de Extração de Conhecimento e Aprendizagem Computacional (ECAC).

Objetivos

  • Motivar para a utilização de técnicas de extração de conhecimento (EC) de dados, ou data mining, no apoio à decisão.
  • Desenvolver a capacidade de utilizar corretamente essas técnicas para análise automática de grandes quantidades de dados. 

Distribuição percentual

  • Componente científica: 70%
  • Componente tecnológica: 30% 

Interacção Pessoa-Computador

EIC0057 - ECTS

OBJECTIVO GERAL O principal objectivo da disciplina é o de preparar os estudantes para analisarem e projectarem as componentes interactivas dos sistemas, em particular da interface com os utilizadores, de uma forma adequada às suas necessidades, considerando o curto, médio e longo prazo.

OBJECTIVOS PARTICULARES

1. Preparar os estudantes para analisarem sistemas interactivos, em termos de um conjunto de parâmetros quantitativos e qualitativos.

2. Preparar os estudantes para utilizarem técnicas de estudo, observação e interrogação de utilizadores suportadas na compreensão do modelo conceptual dos utilizadores de sistemas.

3. Preparar os alunos para utilizarem um processo de construção de produtos interactivos baseado numa filosofia de projecto, incluindo a avaliação dos utilizadores, concepção, prototipagem, validação, construção e manutenção.

Metodologias Ágeis de Desenvolvimento de Software

EIC0062 - ECTS

Os principais objectivos da unidade curricular é dotar os estudantes de conhecimentos e experiência concreta na definição, utilização e refinamento de processos ágeis para a especificidade de um projecto.

Planeamento Estratégico de Sistemas de Informação

EIC0067 - ECTS

Esta unidade curricular visa dotar os estudantes com conhecimentos teóricos e empíricos sobre o papel estratégico dos sistemas de informação nas organizações, e com capacidade para intervir no diagnóstico e planeamento estratégico de sistemas de informação nas organizações. 

Preparação da Dissertação

EIC0087 - ECTS

O1. Assimilação dos processos, metodologias e práticas associados à investigação científica, com particular relevância em engenharia informática.

O2. Desenvolvimento do espírito de crítica científica.

O3. Demonstração da capacidade de elaborar e de apresentar um plano de um projecto de dissertação, incluindo o respectivo estado da arte, em tema a seleccionar.

Realidade Virtual e Aumentada

EIC0070 - ECTS

Realidade Aumentada é uma tecnologia através da qual se pretende melhorar ou aumentar a visão que um utilizador tem do mundo real com imagens virtuais, usando técnicas de Visão por Computador e de Computação Gráfica/Realidade Virtual. O principal objectivo desta disciplina é transmitir aos alunos um conjunto de conhecimentos básicos destas técnicas, que lhes permitam prosseguir estudos mais avançados na área emergente da Realidade Aumentada, e a capacidade de realizar pequenos trabalhos ilustrativos das metodologias estudadas. 

Robótica

EIC0071 - ECTS
  • Compreender os conceitos básicos de Robótica e o enquadramento da Inteligência Artificial na Robótica.
  • Estudar métodos de perceção e interpretação sensorial (com ênfase na visão por computador) que permitam criar estados do mundo precisos e métodos de controlo de robôs móveis.
  • Estudar os métodos que permitam a robôs móveis navegarem em ambientes conhecidos ou desconhecidos usando algoritmos de Planeamento e Navegação.
  • Estudar os fundamentos da robótica cooperativa e da construção de equipas de robôs.
  • Analisar as principais competições robóticas nacionais e internacionais, os simuladores robóticos mais realistas e as plataformas robóticas mais avançadas disponíveis no mercado.
  • Incentivar capacidade de comunicação em tópicos técnicos.
  • Incentivar abordagens científicas saudáveis.

Segurança em Sistemas Informáticos

EIC0072 - ECTS

Esta Unidade Curricular tem por âmbito o estudo da problemática de segurança de sistemas Informáticos, de forma a fornecer aos estudantes um painel básico dos conceitos e das ameaças e defesas de uma utilização abusiva e destrutiva de tais sistemas.

Seminário de Engenharia de Software e Sistemas de Informação

EIC0099 - ECTS

Os engenheiros de software têm impacto na sociedade através da criação de aplicações. Embora estas aplicações produzem valor para os utilizadores, por vezes produzem também desconforto (e até mesmo desastres) nas situações cuja operação desce abaixo do nível de qualidade esperado.

Os engenheiros de software constroem aplicações que as pessoas usam para diferentes propósitos, as quais, por sua vez, pressionam-nos para resolver problemas com novas abordagens. Cada uma destas aplicações enfatiza diferentes requisitos, tais como segurança, usabilidade, escalabilidade, confiabilidade, acessibilidade, eficiência e correcção. Por exemplo, o software orientado ao consumo prioritiza custos baixos, o médico a elevada qualidade, e as aplicações web o desenvolvimento rápido.

Assim sendo, o objectivo fundamental desta unidade curricular é aprender, discutir e desenhar soluções para as várias problemáticas que surgem pela influência da engenharia de software (e do uso do software em geral) pelas pessoas e pela sociedade como um todo.


Seminário de Sistemas Inteligentes, Interacção e Multimédia

EIC0101 - ECTS

Objetivos:

- Tomar conhecimento e discutir sobre trabalhos de investigação em curso nas áreas dos Sistemas Inteligentes.

- Tomar contacto com diferentes investigadores em Sistemas Inteligentes e, através deles, com vários grupos de investigação ativos nos tópicos apresentados.

 

Sistemas de Apoio à Decisão

EIC0074 - ECTS

 

No final da UC, os estudantes deverão ser capazes de:

 

compreender a complexidade e os aspetos qualitativos dos processos de tomada de decisão, e de utilizar técnicas de estruturação de problemas e de abordagens multicritério; definir a estrutura e os componentes de um Sistema de Apoio à Decisão (SAD), bem como metodologias e técnicas para projectar e implementar SADs;- desenvolver modelos em folhas de cálculo, e desenhar ferramentas para apoio à decisão; usar os conceitos fundamentais da Teoria da Decisão e da Análise Multicritério; desenvolver modelos, algoritmos de otimização, heurísticas e abordagens de simulação, para resolver problemas de interesse prático, em Gestão de Operações e da Otimização Combinatória; desenvolver modelos de simulação.

 

 

 

 

 

Teste e Qualidade de Software

EIC0103 - ECTS

Familiarização com a terminologia usada em teste de software. Conhecer e saber aplicar as técnicas principais de teste para controlo de qualidade de software.

Visão por Computador

EIC0104 - ECTS

A visão por computador é uma área da ciência da computação focada na extracção de "informação útil" de imagens e vídeos. O objectivo da visão por computador é "descobrir a partir de imagens o que está presente no mundo, onde estão localizadas as coisas, que acções estão a ser executadas" (Marr,1982). Exemplos de "informação útil" incluem, por exemplo, o cálculo da geometria 3D de um objecto presente numa imagem, a detecção e identificação de faces ou de gestos humanos, o seguimento de pessoas ou de veículos numa sequência de vídeo. Os algoritmos da visão por computador têm imensas aplicações em muitas áreas, desde a industrial, militar ou médica até à sempre crescente área do entretenimento.

Este curso é uma introdução aos conceitos e métodos da visão por computador, adaptada aos estudantes do MIEIC que pretendam prosseguir investigação nesta área. Os principais tópicos a tratar incluem: o processo de formação de imagens, métodos básicos de processamento e análise de imagem, bem como métodos mais avançados de reconstrução 3D de uma cena, análise de movimento, seguimento e reconhecimento de objectos. 

Dissertação

EIC0041 - ECTS

1- ENQUADRAMENTO Nos termos do estipulado em normas específicas da FEUP, a caracterização de Dissertação é a seguinte: • Trabalho individual de investigação e desenvolvimento, conducente à elaboração de uma dissertação de natureza científica sobre um tema da área de conhecimento do curso, ou visando a integração e aplicação à resolução de problemas complexos de engenharia de conhecimentos, competências e atitudes adquiridos ao longo do curso. • Pode ser um trabalho de investigação ou de desenvolvimento tecnológico e aplicação, envolvendo meios experimentais e/ou de simulação, que promova o desenvolvimento de capacidades de iniciativa, de decisão, de inovação, de pensamento criativo e crítico, num contexto de trabalho individual ou em grupo. • Deve envolver a análise de situações novas, a recolha de informação pertinente, o desenvolvimento e seleção ou conceção das metodologias de abordagem e dos instrumentos de resolução do problema proposto, a sua resolução, o exercício de síntese e elaboração de conclusões, e a preparação de uma dissertação pertinente sujeita a apresentação pública e discussão dos resultados. • Pode ser realizado em ambiente académico ou académico e empresarial. Neste caso os objetivos, natureza e forma de acompanhamento do trabalho devem ser objeto de acordo prévio entre o estudante e os orientadores por parte da Faculdade e da empresa, validado pelo Diretor do Curso, que garanta a satisfação dos objetivos de natureza científica e pedagógica da unidade curricular, e proteja eventuais questões de confidencialidade por parte da empresa/instituição de acolhimento. 2- OBJETIVOS ESPECÍFICOS • Promover o desenvolvimento de capacidades de iniciativa, de decisão, de inovação, de pensamento criativo e crítico, num contexto de trabalho individual. • Desenvolver um trabalho individual de investigação e desenvolvimento; • Elaborar uma dissertação de natureza científica. 3- CONHECIMENTO PRÉVIO • Área de conhecimento tecnológico do curso, • Conhecimentos, competências e atitudes adquiridos ao longo do curso. 4- DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL • Componente Científica: 40% a 60% • Componente Tecnológica 40 a 60% 5- RESULTADOS DA APRENDIZAGEM No final da unidade curricular, os estudantes deverão demonstrar capacidade de: • Análise de situações novas com recolha de informação pertinente; • Desenvolvimento e seleção ou conceção das metodologias de abordagem e dos instrumentos de resolução do problema proposto; • Resolução de problemas, com o consequente o exercício de síntese e elaboração de conclusões; • Preparação de uma dissertação pertinente, a ser sujeita a apresentação pública e discussão dos resultados.

Preparação da Dissertação

EIC0087 - ECTS

O1. Assimilação dos processos, metodologias e práticas associados à investigação científica, com particular relevância em engenharia informática.

O2. Desenvolvimento do espírito de crítica científica.

O3. Demonstração da capacidade de elaborar e de apresentar um plano de um projecto de dissertação, incluindo o respectivo estado da arte, em tema a seleccionar.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2017 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2012-12-06 I  Página gerada em: 2017-11-22 às 03:31:27