Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Formação regular da Biblioteca |fevereiro a maio
Você está em: Início > Cursos/CE > Licenciatura > LCEEMG > Informação para Candidatos
Autenticação




Mapa das Instalações
Edifício A (Administração) Edifício B (Aulas) - Bloco I Edifício B (Aulas) - Bloco II Edifício B (Aulas) - Bloco III Edifício B (Aulas) - Bloco IV Edifício C (Biblioteca) Edifício D (CICA) Edifício E (Química) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício G (Civil) Edifício H (Civil) Edifício I (Electrotecnia) Edifício J (Electrotecnia) Edifício K (Pavilhão FCNAUP) Edifício L (Mecânica) Edifício M (Mecânica) Edifício N (Garagem) Edifício O (Cafetaria) Edifício P (Cantina) Edifício Q (Central de Gases) Edifício R (Laboratório de Engenharia do Ambiente) Edifício S (INESC) Edifício T (Torre do INEGI) Edifício U (Nave do INEGI) Edifício X (Associação de Estudantes)

Cursos

Licenciatura em Ciências de Engenharia - Engenharia de Minas e Geo-Ambiente

Dados Gerais

Código Oficial: 9897
Sigla: LCEEMG
Descrição:

A LCEEMG é o primeiro ciclo de estudos (licenciatura) em engenharia de minas da FEUP.
Tem como objetivo a preparação básica, científica e técnica, necessária para engenheiros de minas com um perfil de conceção, capazes não só de operar mas também conceber um sistema mineiro com toda a sua complexidade.

Diplomas

  • Licenciatura em Ciências de Engenharia - Engenharia de Minas e Geo-Ambiente (180 Créditos ECTS)

Concursos Nacionais

Média de acesso do último colocado nos últimos 5 anos

2012 2013 2014 2015 2016
130,3 110 112,8 117 112,3

Nº Clausus / Vagas

Regime Fase Nº Clausus / Vagas
Regime Geral 1 20
As candidaturas e os prazos são da responsabilidade da Direcção-Geral do Ensino Superior.

Concursos Locais

Prazos de Candidaturas e Vagas

Edição Concursos por Regime Regime Vagas Prazos
Concurso especial - estudante internacional Concurso especial - estudante internacional 4 2016-12-15 a 2017-01-30
Concurso especial - estudante internacional Concurso especial - estudante internacional 4 2016-12-15 a 2017-01-30
Mudança Par Instituição/Curso - restantes anos curriculares Mudança Par Instituição/Curso - restantes anos curriculares 2 2017-03-24 a 2017-04-24

Unidades Curriculares

Álgebra

EMM0003 - ECTS

Esta unidade curricular tem dois objectivos fundamentais: por um lado, tratando-se de uma unidade curricular propedêutica tem um carácter didáctico/científico, promovendo o desenvolvimento do raciocínio lógico e de métodos de análise e, por outro, visa introduzir e desenvolver em termos teóricos um conjunto de conceitos que serão ferramentas essenciais para apoio às unidades curriculares mais específicas dos diferentes ramos da Engenharia.

Esta unidade curricular tem o objectivo de introduzir os conceitos fundamentais sobre Álgebra Linear, Álgebra Vectorial e Geometria Analítica, que são essenciais para a formação matemática de um estudante de Engenharia.

O estudante deverá ter conhecimentos básicos sobre trigonometria, funções reais a uma variável real, geometria analítica plana, sistemas de equações lineares e lógica.

Componente científica: 100%

Análise Matemática I

EMG0002 - ECTS

A disciplina ocupa-se da compreensão e exercício de uma linguagem extremamente operacional compacta e sintética necessária ao desenvolvimento (matemático) de conceitos e temas fundamentais ao longo do curso. Funciona também como uma das pontes entre o ensino secundário e o superior.
Os temas leccionados nesta disciplina são encarados como uma ferramenta/linguagem de organização do pensamento e, consequentemente, de apoio básico na formulação quantitativa de problemas, exercício típico da engenharia.
Os objectivos da disciplina são:
Conhecimento (Knowledge):
- Relembrar os conceitos de número, função, sucessão, limite e derivada;
- Aprender o conceito de integral;
- Operar com funções multivariável;
Compreensão (Comprehension):
- Ligar coerentemente os conceitos matemáticos de derivada, diferencial e integral;
- Identificar situações da sua aplicação;
- Formular matematicamente problemas concretos simples, sendo capaz de operar sobre a sua representação simbólica;
Aplicação (Application):
- Usar os conhecimentos adquiridos em problemas simples da física e da engenharia em geral;
- Usar manipuladores algébricos na implementação e resolução desses problemas.

Desenho Técnico

EMG0003 - ECTS

Introdução do conceito de normalização em geral e sua importância na Engenharia. Aquisição de bons conhecimentos sobre representação de objectos, em termos da sua geometria e dimensões nominais. Desenvolvimento das capacidades de visualização espacial, através da leitura de desenhos em representação ortográfica. Desenvolvimento das capacidades de comunicação técnica, através da execução de desenhos em representação isométrica. Introdução aos conceitos de tolerância e de intermutabilidade, através de um estudo desenvolvido do toleranciamento dimensional.

Geologia I

EMG0004 - ECTS

Compreender e adquirir conceitos fundamentais sobre: (i) o sistema Terra como um sistema dinâmico e os seus componentes; (ii) a dinâmica global do planeta, os processos de geodinâmica interna e externa, e respectiva inter-relação; (iii) o ciclo geológico e a génese das rochas magmáticas, metamórficas e sedimentares.

Projeto FEUP

FEUP002 - ECTS
  • Receber e integrar no ambiente FEUP os alunos recém chegados
  • Dar a conhecer os principais serviços disponíveis no campus
  • Dar formação inicial nas áreas conhecidas como “Soft Skills” (trabalho em equipa, comunicação, etc.) e alertar para a sua importância ao longo da carreira em engenharia
  • Discutir cientificamente um Tema / resolver um Projeto de dificuldade limitada nas áreas de engenharia.

Química I

EMM0005 - ECTS

A química é o estudo da matéria e das mudanças que ela sofre. Um conhecimento básico de química é essencial para estudantes de muitas áreas, pois a química é uma ciência que tem uma importância vital para o nosso mundo, quer no âmbito da natureza quer no da sociedade. A química tem sido, e continuará a ser, um agente principal em todas as áreas da ciência e da tecnologia. De fato a investigação química e o desenvolvimento dos últimos séculos providenciaram novos materiais que melhoraram profundamente a nossa qualidade de vida, e ajudaram a avançar a tecnologia de inúmeras maneiras.

OBJETIVOS

Rever e aprofundar de uma forma bastante clara e abrangente os princípios básicos indispensáveis para a compreensão racional do comportamento químico e físico-químico da matéria. Mostrar a importância da química em todas as suas vertentes: vida, indústria e sociedade. Consciencializar, motivar e desenvolver aptidões para o trabalho em laboratório: manipulação correta de materiais, equipamentos e técnicas experimentais simples.

 

Análise Matemática II

EMG0007 - ECTS

OBJETIVOS:
Adquirir conhecimentos teóricos e práticos, sobre o cálculo diferencial e integral de funções reais e de funções vetoriais de uma ou várias variáveis, e sobre algumas das suas aplicações em engenharia. Adquirir conhecimentos elementares na resolução de equações diferenciais. Desenvolver capacidades de formulação, identificação e modelação de problemas de engenharia. Desenvolver o pensamento crítico e criativo na resolução de problemas de engenharia.

Computadores e Programação

EMG0008 - ECTS

A diversidade dos problemas computacionais da engenharia exige muitas vezes soluções originais ou feitas à medida.
A sua abordagem necessita do domínio e compreensão da heurística e da algoritmia bem como de linguagens de programação.
Por isso o objectivo da disciplina pode ser resumido em três pontos:

  • Como formular um problema, fazer a sua exploração prévia, identificar ou descobrir a sua solução, e formalizar a sua técnica de resolução; 
  • Como ler e escrever linguagens formais estruturadas; 
  • Como programar um computador (rudimentos da programação imperativa ).

Física I

EMM0004 - ECTS

1- Adquirir os conhecimentos fundamentais da física nas áreas da mecânica, hidrostática, vibrações e ondas, e aplicar estes conhecimentos à explicação de fenómenos físicos, de aplicações tecnológicas e à análise e resolução de problemas nestes assuntos da Física.

2- Demonstrar perseverança no estudo e análise autónomos das matérias, de espírito crítico, da consciência individual do conhecimento sobre a Física e da curiosidade para a Física, e para a ciência e geral, em particular para a relação da Física com a Engenharia.

3- Desenvolver as capacidades de trabalho em grupo e de comunicação escrita de resultados.

4 - Aplicação dos conhecimentos a problemas de materiais (incluindo minerais).

Mineralogia

EMG0009 - ECTS

1. Compreender as propriedades fundamentais da matéria cristalina e entender os conceitos de cristal e de mineral.

2. Compreender e integrar os principais critérios químicos e estruturais que presidem à classificação sistemática dos minerais.

3. Reconhecer, saber descrever e identificar macroscopicamente os minerais através das suas propriedades físicas.

4. Noções básicas de óptica de meios cristalinos transparentes;

5. Identificação dos minerais constituintes das rochas no microscópio polarizante (luz transmitida).

6. Reconhecimento da ocorrência de transformações mineralógicas; modelos termodinâmico simples para a explicação de transformações mineralógicas espontâneas.

Química II

EMM0009 - ECTS

JUSTIFICAÇÃO

A presente unidade curricular é uma continuidade de QUÍMICA I. A química é o estudo da matéria e das mudanças que ela sofre. Um conhecimento básico de química é essencial para estudantes de muitas áreas, pois a química é uma ciência que tem uma importância vital para o nosso mundo, quer no âmbito da natureza quer no da sociedade. A química tem sido, e continuará a ser, um agente principal em todas as áreas da ciência e da tecnologia. De fato a investigação química e o desenvolvimento dos últimos séculos providenciaram novos materiais que melhoraram profundamente a nossa qualidade de vida, e ajudaram a avançar a tecnologia de inúmeras maneiras.

OBJETIVOS

A presente unidade curricular é uma continuidade de QUÍMICA I. Rever e aprofundar de uma forma bastante clara e abrangente os princípios básicos indispensáveis para a compreensão racional do comportamento químico e físico-químico da matéria. Mostrar a importância da química em todas as suas vertentes: vida, indústria e sociedade. Consciencializar, motivar e desenvolver aptidões para o trabalho em laboratório: manipulação correta de materiais, equipamentos e técnicas experimentais simples. 

Física II

EMM0008 - ECTS

A unidade curricular Física II visa dotar os estudantes com conhecimento operacional (cf. Resultados da aprendizagem e competências) em Circuitos eléctricos e Electromagnetismo que são áreas do conhecimento absolutamente fundamentais para a engenharia contemporânea. Em particular, as leis físicas abordadas explicam um vasto leque de tecnologias, desde motores, instrumentos, sensores, até redes de transporte de energia e informação ou radiação electromagnética. Permitem também compreender em parte o comportamento electromagnético dos materiais que têm uma crescente utilidade tecnológica.

Durante esta unidade curricular os estudantes irão:

  1. a) desenvolver intuição física discutindo e analisando situações de carácter electromagnético observadas na natureza e utilizados em dispositivos, identificando as leis físicas que os regem;
  2. b) modelizar essas situações, fazendo uso de aproximações, usando ferramentas analíticas e numéricas, com sentido crítico.
  3. c) medir no laboratório grandezas electromagnéticas, numa variedade de situações, com sentido crítico, comparando com previsões dos modelos.

 

A unidade curricular integra-se essencialmente nos descritores “1. Conhecimento e Raciocínio Científico-Técnicos” e “2. Aptidões pessoais e profissionais” do sistema de qualidade CDIO (Conceiving - Designing - Implementing - Operating). Nomeadamente: a) “1.1. Conhecimentos de ciências fundamentais”; “1.2. Conhecimentos nucleares de Engenharia (Ciências de Engenharia)”; c) “2.1. Pensamento e resolução de problemas de Engenharia”; d) “2.2. Experimentação e descoberta do conhecimento”. É também trabalhado parcialmente o descritor “3.1. Trabalho em grupo” de “3. Aptidões interpessoais”.

Ao nível do sistema de qualidade EUR-ACE a unidade curricular integra-se essencialmente no descritor “Conhecimento e compreensão” e, em menor escala, nos descritores “Análise de Engenharia” e “Comunicação e Trabalho em Equipa”.

Métodos Numéricos

EMG0012 - ECTS

A disciplina pretende em primeiro lugar fornecer aos estudantes competências sólidas no cálculo numérico. Será organizada por tópicos, cobrindo os problemas de representação numérica, a resolução de equações e sistemas de equações algébricas e diferenciais, a integração definida, a optimização não linear e o ajuste de curvas.

 

O estudante deverá:

 

 

    • desenvolver a capacidade de identificar os problemas numéricos, propondo diferentes metodologias de resolução, escolhendo e implementando adequadamente um método de resolução. A escolha decorrerá de um processo de experimentação;

 

    • compreender o enquadramento dos métodos numéricos no contexto da engenharia, pelo que os problemas propostos serão, sempre que possível, situações concretas da engenharia, de forma a que o método numérico seja entendido no seu contexto de aplicação;

 

    • desenvolver a capacidade crítica, pelo que os resultados obtidos serão sempre objecto de crítica, quer em termos do método, quer em termos da implementação, quer em termos do próprio problema.

 

 

Como o enfoque da disciplina não é a algoritmia dos métodos mas a compreensão da sua aplicabilidade e da sua implementação, as ferramentas informáticas mais usadas nas aulas serão as que fornecem uma maior clareza no processo de cálculo, rapidez de desenvolvimento e flexibilidade,essencialmente 'super máquinas de calcular', como são as folhas de cálculo, os manipuladores algébricos ou matriciais.

 

Dominado o processo numérico, é pedido ao aluno que faça a sua implementação usando ferramentas mais eficientes, mas menos flexíveis e de maior exigência em termos de preparação, como são as linguagens de programação.

 

Petrologia

EMG0014 - ECTS Classificação dos diferentes tipos de rochas magmáticas, sedimentares  e metamórficas.
Processos de formação de diferentes tipos de rochas magmáticas, sedimentares, e metamórficas.


Química Ambiental

EMG0011 - ECTS

Estudar as propriedades físicas e químicas da água e os equilíbrios químicos nos sistemas aquosos naturais. Apresentar os principais parâmetros físico-químicos e biológicos de avaliação da qualidade de uma água e os principais processos de tratamento de uma água contaminada. Introduzir conceitos de termodinâmica clássica e sua aplicação prática, em particular na área da engenharia ambiental.

Resistência de Materiais

EMG0013 - ECTS

Introdução aos fundamentos da Análise Estrutural Elástica e aos conceitos básicos da Resistência de Materiais.

Caracterização de Materiais

EMG0018 - ECTS

Com esta disciplina pretende-se fornecer conhecimentos gerais acerca dos diferentes tipos de materiais metálicos e não metálicos. Merecerão uma abordagem mais pormenorizada os minerais e rochas industriais (rochas ornamentais e agregados). CONHECIMENTO (KNOWLEDGE): - Adquirir conhecimentos gerais acerca dos diferentes tipos de materiais metálicos e não metálicos; - Conhecer as propriedades e aprender a realizar os ensaios aplicáveis aos materiais (em particular, agregados e rochas ornamentais), tendo por objectivo a sua caracterização; - Conhecer as propriedades básicas dos diferentes tipos de materiais e as principais aplicações; - Conhecimentos de utilização de Normas. COMPREENSÃO (COMPREHENSION): - Relacionar a composição e a estrutura química dos materiais com as suas propriedades; - Relacionar as propriedades dos materiais com o seu campo de aplicação; - Distinguir os processos gerais de produção de diferentes tipologias de matérias-primas; - Identificar as propriedades básicas de determinados tipos de materiais. APLICAÇÃO (APPLICATION): - Usar os conhecimentos adquiridos para a realização em laboratório de ensaios específicos (normalizados) em agregados e rochas ornamentais; - Elaboração de relatórios laboratoriais, de acordo com o conhecimento adquirido através da utilização das Normas ; - Pesquisa de informação, de produção de documentos consistentes e de preparação de meios audiovisuais que sirvam o propósito da apresentação pública e da comunicação escrita e verbal dos alunos. ANÁLISE (ANALYSIS): - Identificar e decidir possíveis aplicações para determinado material, em função da sua caracterização;

Cartografia, Topografia e SIG

EMG0016 - ECTS

Familiarizar os Estudantes com os diversos recursos existentes e disponíveis para o geo-referenciamento das atividades e trabalhos de engenharia, nomeadamente a Cartografia, Topografia e os Sistemas de Informação Geográfica.

Assume-se a condução da UC de CTSIG em dois módulos, a saber:

Módulo de Cartografia e Topografia (TC).

Módulo de Sistemas de Informação Geográfica (SIG).

Módulo de Modelação Digital de Terrenos (MDT).

Geologia II

EMG0019 - ECTS
  1. Reconhecer os diversos ambientes geotectónicos considerados num Ciclo de Wilson;
  2. Analisar e caracterizar cada um dos ambientes geotectónicos relativamente aos principais processos geológicos (e.g. sedimentação, magmatismo, metamorfismo, metalogénese, deformação e tectónica) aí ocorrentes e respectiva génese de recursos minerais associados.
  3. Saber descrever e interpretar as principais unidades da geologia de Portugal como um produto do dinamismo do nosso planeta e os recursos e jazigos minerais associados.
  4. Conhecer as metodologias de trabalho de campo.
  5. Deter a capacidade de leitura e interpretação sumária de cartas geológicas e sua utilização no terreno.
  6. Saber transformar problemas estruturais em problemas de análise geométrica resolúveis com projeções diversas, designadamente, a projeção estereográfica.

Métodos Estatísticos

EMG0020 - ECTS

Esta unidade curricular tem dois objectivos fundamentais: por um lado, tem um carácter didáctico/científico, promovendo o desenvolvimento do raciocínio lógico e de métodos de análise e, por outro, visa introduzir e desenvolver em termos teóricos um conjunto de conceitos que serão ferramentas essenciais para apoio às suas necessidades futuras.

Pretende desenvolver a capacidade de comunicação rigorosa tendo por base conceitos de Probabilidades e Estatística. Pretende ainda desenvolver uma atitude crítica na análise de problemas estatísticos.

 

Componente científica: 100%

Sistemas Dinâmicos e Optimização

EMG0017 - ECTS

O lugar da disciplina no plano de estudos dita o seu papel de ligação entre as análises matemáticas e as disciplinas específicas do curso que têm subjacente um forte suporte matemático.
A disciplina está dividida em duas partes, a saber:
1ª parte - Sistemas Dinâmicos;
2ª parte - Optimização Linear.
Os objectivos da 1ª parte da disciplina são: Conhecimento (Knowledge):
- Relembrar os conceitos de função, variável independente, variável dependente;
- Aprender o conceito de sistema dinâmico;
- Classificar os sistemas dinâmicos a partir da equação diferencial e das condições iniciais;
- Operar com transformações integrais.
Compreensão (Comprehension):
- Rever o significado de equação diferencial ordinária;
- Identificar ordem de um sistema dinâmico;
- Fazer a destrinça entre sistemas lineares de não lineares, contínuos de discretos;
- Descrever os métodos aplicáveis à resolução de cada equação diferencial;
- Traduzir matematicamente um processo cinético de 1ª
ordem.
Aplicação (Application):
- Interpretar em termos físicos a solução de uma equação diferencial;
- Usar manipuladores algébricos na implementação e resolução de equações diferenciais;
- Operar com entidades abstractas complexas como as transformações integrais.

Os objectivos da 2ª parte da disciplina são:
Conhecimento (Knowledge):
- Aprender o conceito de função objectivo, ligações e constrições;
- Definir praticável.
Compreensão (Comprehension):
- Identificar problemas de optimização linear;
- Identificar o problema primal e;
- Escrever o problema dual;
- Discutir a solução de um problema de programação linear;
- Formular matematicamente problemas simples (2 e 3 variáveis) de programação linear.
Aplicação (Application):
- Aplicar o algoritmo de Simplex na resolução de problemas de optimização linear;
- Usar a folha de cálculo na obtenção da solução do problema.
Análise (Analysis):
- Interpretar e criticar as soluções obtidas para cada problema de optimização linear;
- Testar o comportamento das soluções fazendo variar as folgas;
- Analisar o modo como a solução óptima varia em consequência de variações nos dados do problema.

Aquisição e Análise de Dados

EMG0025 - ECTS Podem distinguir-se quatro objectivos fundamentais:
- Adquirir as noções técnicas fundamentais e saber manipulá-las;
- Saber escolher em face de uma estrutura particular da informação, o objecto estatístico ou proto-estatístico adequado à questão a resolver;
- Compreender os algoritmos utilizados em análise de dados e saber construí-los utilizando uma linguagem de alto nível;
- Compreender as ligações que existem entre a análise de dados e a investigação empírica tradicional e a subjectividade inerente à ausência da incorporação dos fenómenos em estudo numa teoria científica fundamentada e abrangente.

Desmonte de Maciços

EMG0023 - ECTS

Introduzir conceitos e aspectos práticos do desmonte de rochas para os mais diversos fins.

Engenharia de Custos e Avaliação de Projetos

EMG0030 - ECTS

Estimar os elementos básicos de avaliação económica: investimentos, custos e mercado. Efetuar estimativas económicas relativamente a projetos de vária índole: produtores de serviços, geradores de receitas, análise marginal, comparações entre leasing e aquisição em contextos sucessivamente mais complexos.

Geologia Ambiental

EMG0026 - ECTS

Esta disciplina está estruturada por forma a apelar aos conhecimentos oriundos das disciplinas da área das ciências da terra leccionadas nos 1º e 2º anos permitindo a sua consolidação conceptual. Centra-se no conceito de vulnerabilidade do território para permitir uma análise dos diversos risco ambientais, subdivididos em risco naturais e antrópicos.

Tratamento de Matérias Primas e Resíduos I

EMG0024 - ECTS

- Conhecimento: conhecimentos de ciências de fundamentais (química, física) aplicados à caracterização de sistemas particulados;- Compreensão: Reconhecer, descrever e identificar as operações unitárias envolvidas num processos físicos de tratamento de minérios; Redução e classificação granulométrica das partículas;- Aplicação: Distinguir o campo de aplicação das diferentes alternativas tecnológicas; Selecionar as tecnologias adaptadas a cada situação;- Análise: Calcular de balanços de massa em estado estacionário utilizando métodos analíticos, numéricos e gráficos sobre cada operação unitária estudada. Simulação de projetos de circuitos- Síntese: Criar e organizar diagramas coerentes processo para cada operação unitária e para o conjunto do processo. Avaliação: Comparar alternativas processuais.

Mecânica de Fluidos

EMG0022 - ECTS

Objetivos: Ensino dos conceitos, princípios e teorias fundamentais que permitem traduzir a realidade dos diversos tipos de fenómenos hidráulicos e escoamentos. Ensino de teorias e métodos usados na Engenharia Civil para a conceção e o projeto de obras e estruturas hidráulicas no âmbito das matérias versadas.

Metalogénese

EMG0021 - ECTS

A unidade curricular de Metalogénese tem como objectivo fundamental a consolidação dos conceitos fundamentais de Geologia Económica e de Sustentabilidade em recursos minerais. Dado que uma concentração só é possível graças ao encadeamento feliz de vários processos geológicos faz-se uma abordagem dos principais tipos de jazigos de minérios.

 

Prospeção Geológica e Geofísica

EMG0027 - ECTS

Dotar os estudantes de uma visão integrada de vários princípios/métodos de prospecção geofísica - bases teóricas, equipamentos, procedimentos de campo, tratamento/interpretação de dados/sinais - que lhes permita, perante um caso de estudo concreto, seleccionar os métodos e procedimentos mais adequados em distintos possíveis domínios de actuação, nomeadamente, mineiro, geotécnico, geo-ambiental e arqueológico. 

Sistemas de Carga e Transporte

EMG0028 - ECTS

Caracterização dos equipamentos de carga e transporte mais correntes em explorações mineiras e em pedreiras, visando a integração, em bases científicas, dos modos de execução característicos dos múltiplos esquemas de concretização da operação unitária de transporte (sentido lato).
Apresentação de métodos determinísticos e estocásticos, algoritmizados ou não, capazes de se constituírem em agentes (a nível resolutivo) da abordagem integradora pretendida.

Tratamento de Matérias Primas e Resíduos II

EMG0029 - ECTS

- Conhecimento: conhecimentos de ciências de fundamentais (química, física) aplicados à caracterização de sistemas particulados;- Compreensão: Reconhecer, descrever e identificar as operações unitárias envolvidas num processos físicos de tratamento de minérios; Concentração de minérios;- Aplicação: Distinguir o campo de aplicação das diferentes alternativas tecnológicas; Selecionar as tecnologias adaptadas a cada situação;- Análise: Calcular de balanços de massa em estado estacionário utilizando métodos analíticos, numéricos e gráficos sobre cada operação unitária estudada. Simulação de projetos de circuitos- Síntese: Criar e organizar diagramas coerentes processo para cada operação unitária e para o conjunto do processo. Avaliação: Comparar alternativas processuais.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2012-12-06 I  Página gerada em: 2019-04-24 às 13:29:24 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais