Saltar para:
Logótipo
This page in english A Ajuda Contextual não se encontra disponível Autenticar-se
FCUP
Você está em: Início > Testemunho

Testemunho

Maria João Brandão Pereira VOLTAR >
Qual a motivação para concorrer ao programa Erasmus+ Estágio/Erasmus Estágio?
A minha motivação não poderia ser maior. De todas as escolhas que já tomei, esta não poderia ser a mais acertada. No início tive muito medo, de tudo um pouco, principalmente se iria ter o conhecimento suficiente para exercer as tarefas propostas com sucesso.
O que me deixa mais orgulhosa e motivada é que para além do trabalho que exerci ter sido excelente, abri portas para outros colegas no local onde realizei o meu estágio.

Se pudesse usufruir de novo deste programa, concorria sem pensar duas vezes.
Quais as principais dificuldades encontradas?
No geral, não encontrei nenhuma dificuldade. Mas isto também foi possível graças ao trabalho da Dra. Elisabete Rodrigues, que nos apoiou desde o primeiro ao último dia, prestando todas as informações necessárias à execução deste estágio. Normalmente os estudantes têm receio da língua, mas este medo é desnecessário. Quando é mesmo necessário, falamos até Alemão. Apesar de vir para Espanha, o meu Inglês acabou por evoluir bastante também.
Que mensagem gostarias de transmitir aos teus colegas?
Incentivo todos os meus colegas a viver esta experiência. Seja um Erasmus Curricular, seja um Erasmus Estágio, o ambiente multicultural que se cria leva-nos a crescer e a aprender muito com as diferentes culturas. Eu trabalhei com pessoas de todos os países, que utilizavam métodos de trabalho diferentes dos meus, que tinham ideias diferentes das minhas, que viviam de um modo diferente do meu. E esta diferença leva-nos a crescer tanto como profissionais como pessoas. Tenho a certeza que estes 8 meses foram suficientes para eu voltar a Portugal uma pessoa muito diferente, mais corajosa, menos tímida, mais aventureira, mais responsável também. Não se trata apenas de ter um currículo mais rico, eu própria vou muito mais preenchida e com uma bagagem cheia de recordações. Força, não tenham medo.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2018 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2014-07-25 I  Página gerada em: 2018-05-25 às 21:50:15