Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FCUP
Você está em: Início > Notícias > António Amorim premiado "Seed of Science Especial 2012"

Notícias

António Amorim premiado "Seed of Science Especial 2012"

Grupo liderado por António Amorim é nono melhor do mundo em produção científica forense


2 António Amorim dos Santos lidera o grupo de Genética Populacional do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (IPATIMUP) que acaba de ser distinguido pelo "Ciência Hoje" na categoria «Seed of Science Especial 2012». Os galardões são entregues a 26 de maio na V Gala da Ciência, no Casino da Figueira da Foz.

Na base desta distinção está o facto do departamento se encontrar no "top ten da lista mundial de Medicina Legal e Ciência Forense de 2001 a 2011". O IPATIMUP atingiu esta fasquia graças às "citações por referência de artigos publicados e `factor h` (factor de medida da qualidade de um investigador em função do seu número de publicações e citações)". Esta produção cientifica foi classificada pela ISI Web of Knowledge, de acordo com a qual o grupo "detém o nono lugar no ranking dos melhores ao longo de uma década".

António Amorim dos Santos é professor catedrático da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP), diretor do mestrado em Genética Forense da FCUP e investigador na área da genética (pura e aplicada, em particular genética humana) do IPATIMUP. Já desenvolveu vários estudos, nomeadamente sobre a comunidade de descendentes de judeus em Trás-os-Montes, movimentos migratórios de ovinos, entre muitos outros.

Leonor Gusmão e Cíntia Alves investigadoras do IPATIMUP e professoras convidadas do mestrado em Genética Forense da FCUP, lideram os 15 melhores classificados a nível mundial em número de publicações (Leonor Gusmão: 75; Cíntia Alves: 34) e os 10 melhores no índice H (fator de medida da qualidade de um investigador em função do seu número de publicações e citações nestas áreas | Leonor Gusmão: 18; Cíntia Alves: 14 ) durante o período de 2001-2011.

Ambas investigadoras são graduadas pela Universidade do Porto, Leonor Gusmão, licenciada e doutorada em Biologia pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, mestrado na FCT Univ. Coimbra (tese orientada por docente U.Porto) e Cíntia Alves, licenciada em Farmácia e mestre em Genética Humana Aplicada (deixou de funcionar aquando da criação do GABBA) pela Faculdade de Ciências.

A Genética Populacional dedica-se à compreensão da origem e evolução da diversidade genética em várias espécies, as suas consequências - tanto normais como patológicas. Para obter a caracterização genética de populações, as suas origens, filogenia e evolução, bem como os seus perfis de suscetibilidade a doenças, tem desenvolvido instrumentos formais descritivos e analíticos, bem como técnicas adequadas a segmentos genómicos específicos.
Segundo António Amorim dos Santos, Diretor do mestrado em Genética Forense da Faculdade de Ciências, o mestrado corresponde a uma linha de investigação de longa data, iniciada nos princípios da década de 80 do século passado no Instituto de Antropologia da FCUP, em que se conjugam os interesses da antropologia e da genética populacional nas suas aplicações forenses. O sucesso desta aposta foi agora salientado, mas deverá ser realçado que o mestrado, em consonância com o nível de excelência atingido, é extremamente seletivo e exigente, tendo um número de vagas reduzidas, por forma a garantir a qualidade da formação e a adequação à empregabilidade. O sucesso do mestrado em Genética Forense deve ser medido, não em termos de números de mestres, mas dos resultados obtidos, por exemplo, em termos de publicações indexadas resultantes das dissertações.


Fale-me um pouco do seu trabalho?
Muito (sem ironia); neste momento passo mais tempo a organizar (desburocratizando o mais possível) e orientar do que a investigar ou lecionar...

O seu grupo é nono melhor do mundo em produção científica forense. Qual o próximo objetivo?
Continuar e melhorar, no sentido organizativo do termo, por forma a que esta investigação e formação continue 'por si'

Se lhe pedisse para se auto-descrever utilizando apenas 5 palavras, quais é que escolheria?
Anarquista (na pesquisa), organizado (na prova), teimoso (sempre)

"FCUP: 100 anos. Compromisso com o Futuro"”, qual a mensagem que gostaria de transmitir?
Fazer o melhor possível, competir sem atropelar


3
Cíntia Alves, António Amorim e Leonor Gusmão
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2017 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2013-10-23 I  Página gerada em: 2017-03-29 às 06:24:52