Saltar para:
Logótipo
Você está em: Início > Notícias > Novos materiais para vestuário de proteção aos raios-X made in FCUP
Mapa das Instalações
FC6 - Departamento de Ciência de Computadores FC5 - Edifício Central FC4 - Departamento de Biologia FC3 - Departamento de Física e Astronomia e Departamento GAOT FC2 - Departamento de Química e Bioquímica FC1 - Departamento de Matemática

Novos materiais para vestuário de proteção aos raios-X made in FCUP

Projeto mobilizador TexBoost


A Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) ajudou a desenvolver novas formulações não tóxicas, mais seguras e sustentáveis com propriedades de barreira aos raios-X, para equipamentos e vestuário de proteção radiológica individual.  

O trabalho foi realizado no âmbito do Projeto Mobilizador TexBoost - less Commodities more Specialities, projeto estruturante do Cluster Têxtil: Tecnologia e Moda, liderado pela empresa RIOPELE e sob a coordenação técnica do Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário de Portugal – CITEVE. 

A FCUP, através do Laboratório Associado para a Química Verde – LAQV-REQUIMTE, é uma das 43 entidades envolvidas nesta iniciativa. Em conjunto com o  Instituto de Ciências, Tecnologias e Agroambiente da Universidade do Porto, a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), o CITEVE e 3 empresas – Lemar, Polyanswer e OnWork, centrou-se na criação de materiais avançados e novas formulações isentas de chumbo que posteriormente foram aplicadas em substratos têxteis para conferir proteção aos raios-X.

“Como forma de proteção, os profissionais de saúde e os doentes recorrem a vestuário médico de proteção individual a raios-X, que no geral são constituídos por chumbo e apresentam elevado peso e toxicidade, o que traz sérios problemas para a saúde pública e ambiente”, explica Clara Pereira, coordenadora do projeto na FCUP e no LAQV-REQUIMTE. 

Os investigadores desenvolveram formulações inovadoras que foram depois incorporadas em substratos têxteis. O resultou deu origem a “propriedades excelentes como barreira de proteção aos raios-X e já há um pedido de proteção de propriedade intelectual”.

Desta atividade do Texboost fizeram parte Ana Cristina Freire e Cosme Moura, docentes do Departamento de Química e Bioquímica da FCUP e Clara Pereira e Tânia Pinto, investigadoras do LAQV-REQUIMTE. A equipa da FEUP contou com a participação de Manuel Fernando Pereira, docente do Departamento de Engenharia Química, e das investigadoras Salomé Soares e Patrícia Ramalho, do Laboratório de Processos de Separação e Reação - Laboratório de Catálise. 

O Projeto Mobilizador TexBoost começou em 2017 e terminou no final do ano passado. Atualmente, os investigadores estão numa fase de validação final das peças de vestuário. 

vestuarioraiox







Divulgue os seus eventos e projetos | comunica@fc.up.pt  



Renata Silva. SICC. 22-06-2021

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2022 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2022-07-18 I  Página gerada em: 2022-09-30 às 14:13:55 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias