Saltar para:
Logótipo
Você está em: Início > Notícias > Jorge Freitas: o LASI e o aparecimento das cidades inteligentes
Mapa das Instalações
FC6 - Departamento de Ciência de Computadores FC5 - Edifício Central FC4 - Departamento de Biologia FC3 - Departamento de Física e Astronomia e Departamento GAOT FC2 - Departamento de Química e Bioquímica FC1 - Departamento de Matemática

Jorge Freitas: o LASI e o aparecimento das cidades inteligentes

Novos laboratórios associados da FCUP


No seguimento do anúncio dos novos laboratórios associados ligados à Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP), damos a conhecer, em maior pormenor, cada um deles e quais os objetivos a que se propõem. Depois do Inov4Agro, segue-se agora o Laboratório Associado de Sistemas Inteligentes (LASI), que foi concebido na FCUP pelo docente do Departamento de Matemática, Jorge Freitas. 




Como surgiu o Laboratório Associado de Sistemas Inteligentes?

Desde o início dos tempos, o ser humano tudo tem feito para melhorar a sua qualidade de vida. Na vanguarda desta revolução tecnológica, devemos estar prontos para continuar esta melhoria e, com isso, fazer evoluir o conhecimento. Nenhuma solução monolítica resolverá todos os problemas. Ao invés, a expectativa é que será a soma de pequenas contribuições a dar resposta a importantes desafios. Daí a criação do Laboratório Associado em Sistemas Inteligentes (LASI), coordenado pelo Centro ALGORITMI, e composto por 13 unidades de I&D. Todas estas unidades, fortemente consolidadas no panorama científico português, têm uma rica relação com os domínios da inteligência artificial e da ciência dos dados, indo desde as suas fundações teóricas até à sua aplicação prática.

Quais os objetivos deste laboratório?

A nossa contribuição será baseada na perceção das pessoas como atores ativos do ecossistema tecnológico, fazendo parte de uma sociedade mais inovadora, sustentável e inclusiva, com foco na igualdade de género. Em si, isto sustenta o aparecimento de Cidades Inteligentes, uma vez que esta sociedade interligada permitirá a produção de avanços significativos em domínios como a administração pública e sistemas de transportes inteligentes, energia verde, saúde pública e bem-estar, e conceber soluções inovadoras que, no fim, têm como objetivo melhorar a qualidade de vida de cada um de nós.

Esta inclusão de cada cidadão permite-nos não só desenvolver uma Indústria 5.0 mas também uma Saúde e uma Sociedade de quinta geração, com uma graciosa harmonia entre inteligência humana e artificial. A metodologia a seguir focar-se-á numa sequência lógica de procedimentos replicáveis, precisos e transparentes para produção de conhecimento científico que, ao fazer uso de métodos inovadores e disruptivos, irá materializar os objetivos propostos. O LASI lutará para promover o emprego científico e proporcionar um importante crescimento ao nível da comunidade científica portuguesa, no geral, e da comunidade de sistemas inteligentes, em particular.


Quais as linhas temáticas que vão ser abordadas? 

Innovative and Sustainable Industries
Smart Cities, Mobility and Energy
Health and Well-being
Infrastructures and Highly Connected Society
Public Administration and Governance




jfreitas
© DR | Shutterstock










Renata Silva. SICC. 26-03-2021
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2022 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2022-07-18 I  Página gerada em: 2022-09-30 às 13:10:25 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias