Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FCUP
Você está em: Início > Notícias > Docente da FCUP distinguido com o prémio Food Chemistry Research Article of the Year Award 2013

Notícias

Docente da FCUP distinguido com o prémio 'Food Chemistry Research Article of the Year Award 2013'

Victor Freitas docente do Departamento de Química e Bioquímica da FCUP






Victor Freitas lidera o grupo de "Química Alimentar" do Centro de Investigação em Química da Universidade do Porto (CIQ-UP) que acaba de ser distinguido pela American Chemical Society, responsável pela edição de algumas das revistas científicas de química mais reputadas em todo o mundo, com o prémio "Food Chemistry Research Article of the Year Award 2013".

Com o objetivo de perceber como diferentes compostos fenólicos ativam diferentes recetores do sabor amargo nos seres humanos, o projeto "Different Phenolic Compounds Activate Distinct Human Bitter Taste Receptors" foi distinguido como o melhor trabalho de 2013 na área das Ciências Alimentares, destacando-se entre cerca de 2000 artigos científicos publicados nesse ano. O prémio será entregue a Victor Freitas e Susana Soares no ACS National Meeting (Encontro Nacional da American Chemical Society), que terá lugar em São Francisco, na Califórnia, em agosto de 2014. No mesmo evento, os vencedores apresentarão uma palestra sobre a investigação realizada. A American Chemical Society (ACS) é a maior sociedade científica do mundo e uma das maiores fontes mundiais de informação científica autorizada, que está na vanguarda da evolução química mundial.

Susana Soares, doutorada em Química pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto e investigadora da equipa de Victor Freitas, professor catedrático e presidente do Departamento de Química e Bioquímica da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP), desenvolvem o trabalho em colaboração com um grupo de investigação alemão, cujo estudo incide sabor amargo de um conjunto de moléculas (polifenóis) presentes nas plantas, frutos e produtos derivados (vinho, chá, cerveja, sumos de fruta, etc.) e a forma como estes compostos ativam os 25 recetores de sabor amargo (hTAS2Rs), sendo possível identificar nos alimentos um grupo de moléculas da família das catequinas, das procianidinas e das antocianinas que têm um sabor amargo, característica até então desconhecida para estas moléculas.



Segundo Victor Freitas, este estudo permitiu observar que diferentes moléculas ativam diferentes recetores de sabor amargo (hTAS2Rs), mas moléculas diferentes podem ativar o mesmo recetor. Um dos resultados mais notáveis foi a descoberta pela primeira vez de compostos naturais que ativam fortemente o recetor hTAS2R5. Os resultados obtidos sugerem ainda que a pentagaloilglucose e a oenina (antocianina) podem ser significativamente importantes no amargor dos frutos, vegetais e produtos derivados, mesmo que estejam presentes em concentrações muito baixas.

A abordagem experimental deste trabalho foi inovadora e consistiu na expressão dos diferentes recetores de sabor amargo (hTAS2Rs) à superfície de células embrionárias de rim que serviram como modelo para fazer o rastreio dos compostos amargos e saber quais os recetores que seriam ativados por cada um dos compostos estudados. Estes compostos têm sido alvo de numerosos estudos devido aos seus benefícios para a saúde, nomeadamente ação antioxidante e na prevenção de doenças neurodegenerativas. Para além deste efeito, estes compostos são também responsáveis nos alimentos por algumas das suas propriedades organolépticas (e.g. adstringência e cor). Com este trabalho conhece-se agora mais profundamente a sua implicação no sabor amargo de alguns alimentos, sabor que pode ser inconveniente nuns casos e benéficos noutros (chá, café, cerveja, vinho).

Numa vertente tecnológica, estes resultados permitiram obter informações importantes para a indústria transformadora alimentar de modo a poder jogar com as quantidades de alguns destes compostos nos alimentos indo de encontro com as preferências do consumidor.




















Divulgue os seus eventos e projetos através do e-mail: imagem@fc.up.pt
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2013-10-23 I  Página gerada em: 2019-11-22 às 19:14:27