Saltar para:
Logótipo
Você está em: Início > Cursos/CE > M:SI
Mapa das Instalações
FC6 - Departamento de Ciência de Computadores FC5 - Edifício Central FC4 - Departamento de Biologia FC3 - Departamento de Física e Astronomia e Departamento GAOT FC2 - Departamento de Química e Bioquímica FC1 - Departamento de Matemática

Cursos

Mestrado em Segurança Informática

InformaçãoO curso/CE encontra-se acreditado pela Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES).
As tecnologias da informação e comunicação (TIC) são hoje meios indispensáveis para o regular funcionamento da sociedade. Dependemos, em larga escala, do regular funcionamento dos sistemas de informação, infra-estruturas de comunicações e mecanismos que implementem as garantias legais de direitos e liberdades cidadãos. Ameaças contra a sua disponibilidade, integridade e confidencialidade podem resultar em ocorrências funestas para a normal atividade das instituições. A problemática da ciber-segurança também não se restringe às fronteiras físicas de uma instituição, região ou país constituindo hoje em dia um dos grandes desafios internacionais que urge desenvolver. Assim, a cooperação (regional, nacional e internacional) entre os vários intervenientes é essencial para se conseguir atingir níveis de segurança elevados e desse modo contribuir de forma efetiva para o regular funcionamento da sociedade.

A ciber-segurança é também um tópico que tem vindo a merecer uma atenção crescente por parte dos meios de comunicação social.  Com efeito é cada vez mais notório o preenchimento do espaço público informativo com o impacto que os incidentes e ataques de segurança informática tem vindo a ter no regular funcionamento das organizações.

Face à constante evolução da tecnologia e ao crescente grau de sofisticação de tais ataques, cabe às Universidades, como entidades geradoras de conhecimento, participar na criação das respostas que a sociedade necessita para enfrentar e lidar com estes desafios. Estas passam necessariamente pela transmissão do conhecimento que decorre do estudo e investigação aprofundado sobre as causas e mecanismos que têm vindo a ser mais usados como vetores privilegiados desses ataques. O mestrado em segurança informática (MSI) constitui por isso um espaço privilegiado para a transferência desse mesmo conhecimento para a sociedade civil  e um contexto de aprendizagem de índole muito prática, onde o aluno é desafiado a ligar conceitos e princípios teóricos com as melhores práticas, para desse modo elaborar e implementar políticas, normas e mecanismos de segurança que sejam eficazes contra as ameaças e desafios concretos que as organizações enfrentam atualmente no mundo real.

No mestrado o aluno irá aprender a usar e integrar ferramentas avançadas de segurança no âmbito de uma metodologia de planeamento apropriado para projetar sistemas e redes complexas, que sejam capazes de resistir a ameaças concretas. Isto requer uma ampla gama de conhecimentos e capacidades tecnológicas que, aliados a princípios de segurança sólidos e boas práticas permitem aos graduados do curso projetar e consolidar de forma efetiva a segurança informática das instituições que integrem ou venham a integrar.

Objetivos

O Mestrado em Segurança Informática visa a formação avançada e de qualidade de profissionais e investigadores na área da ciber-segurança. No curso procura-se melhorar os conhecimentos técnicos e práticos de segurança informática dos licenciados que pretendam seguir rapidamente uma carreira profissional de sucesso na área e, simultaneamente, cimentar os conceitos teóricos daqueles que queiram prosseguir uma formação acadêmica.

No fim ciclo de estudos os estudantes deverão:
  • possuir conhecimentos aprofundados na área científica de Segurança Informática, com recurso à atividade de investigação, de inovação, ou de aprofundamento de competências profissionais;
  • capacidade de compreensão e de resolução de problemas em situações novas ou em contextos alargados e multidisciplinares para o exercício de uma atividade profissional especializada ou para a prática da investigação;
  • capacidade para integrar conhecimentos, lidar com questões complexas, desenvolver soluções ou emitir juízo em situações de informação limitada ou incompleta, incluindo reflexões sobre as implicações e responsabilidades éticas e sociais que daí resultem;
  • ser capazes de comunicar conhecimentos, conclusões e raciocínios subjacentes de uma forma clara e correta a especialistas e não especialistas;
  • obter competências que lhes permitam uma aprendizagem autónoma ao longo da vida.

LÍNGUA DE TRABALHO

O MSI  é um mestrado que tem a sua porta aberta para os estudantes internacionais. A lecionação e os materiais disponibilizados poderão ser em português ou em inglês, sendo dada preferência ao inglês sempre que estejam presentes estudantes que não dominem a língua portuguesa. Por isso, os candidatos ao MSI devem ter um bom domínio da língua inglesa.

Saídas Profissionais

Os Mestres deste curso estão habilitados para planear e gerir processos complexos da segurança da informação das organizações e assumir a liderança dos processos ativos de segurança informática nos mais variados tipos de empresas. No mestrado são abordadas os vários componentes de segurança que devem fazer parte de uma organização que pretende ter os seus ativos seguros. É por isso que os graduados do curso irão estar em condições de assumir a gestão da segurança de sistemas informáticos envolvendo bases de dados, administração de sistemas, redes de comunicações, desenvolvimento web, aplicações móveis, desmaterialização de processos de negócio, preservação digital segura, etc. Estas capacidades podem ser aplicadas  a nível de especialização numa área ou consultoria geral sobre os sistemas, abarcando por isso diferentes perfis de empresas, institutos, organismos públicos, etc. Como decorre do âmbito do mestrado a prossecução de investigação na área é também uma possibilidade, onde se irá tirar partido da articulação existente entre este curso e o recém criado centro de competências em privacidade e segurança da UP (C3P).

Condições de Acesso

  • Titulares do grau de licenciado ou titulares de um grau académico superior estrangeiro equivalente, nas condições descritas na lei, nas áreas de Ciência de Computadores, Engenharia Informática, Matemática, Física, Engenharia Eletrotécnica, ou áreas afins.
  • Candidatos não licenciados, mas que estejam em condições de concluir uma licenciatura nos termos do ponto anterior antes do final do prazo de inscrições no ciclo de estudos; serão excluídas candidaturas que não comprovem a conclusão de 85% dos créditos do ciclo de estudos em questão à data de candidatura.

Nota: na fase de inscrição serão excluídas candidaturas que não comprovem ter concluído a licenciatura (ou equivalente) até ao final do prazo de realização da matrícula.

Critérios de Seleção e Seriação

A seriação será feita atendendo aos seguintes critérios e subcritérios:

  • Critério 1: currículo académico (área de formação e média obtida) (85%)
    • Subcritério 1.1: adequação da licenciatura (10%)

      A classificação da adequação da licenciatura será atribuída numa escala 0 a 20 de acordo com os seguintes princípios:

      • licenciaturas conferentes de formação sólida nas áreas fundamentais da Ciência de Computadores, Engenharia Informática, Matemática, Física, e Engenharia Eletrotécnica, terão a classificação de 20;
      • outras licenciaturas com formação sólida em matemática e/ou tecnologias em áreas relacionadas com o ciclo de estudos terão a classificação de 15;
      • candidaturas que não se enquadrem nos casos anteriores serão analisadas caso a caso, sendo a classificação neste subcritério determinada em função das Unidades Curriculares realizadas nas áreas relevantes para o ciclo de estudos.
    • Subcritério 1.2: média aferida de licenciatura (75%)

      A média aferida é obtida normalizando a média para a escala de 0 a 20, somando-lhe o valor de ln(R/r), e arredondando para o inteiro mais próximo na escala de 0 a 20, sendo ln o logaritmo natural e sendo R e r, respetivamente para a Universidade do Porto e para universidade onde foi realizado o curso, as posições no ranking mundial divulgado em http://www.webometrics.info

      Para candidaturas admitidas em que não tenha ainda sido concluída a licenciatura aplica-se a fórmula anterior, substituindo a média final de licenciatura pela média ponderada das unidades curriculares realizadas à data de candidatura arredondada para o inteiro mais próximo.

  • Critério 2: currículo científico e experiência profissional (15%)

    O currículo científico e experiência profissional são classificados de 0 a 20 segundo dois subcritérios seguintes, sendo ponderada a relevância dos indicadores para a área do ciclo de estudos.

    • Subcritério 2.1: publicações e comunicações técnicas e/ou científicas (7.5%)
    • Subcritério 2.2: experiência profissional em empresas, participação em projetos de investigação ou em estágios (7.5%)

Critério de desempate:
Em caso de empate, será usado como primeiro critério de desempate o ranking da instituição de ensino superior considerada no subcritério 1.2 e, como segundo critério de desempate, o resultado de uma entrevista.

Observações:
As notas das unidades curriculares realizadas deverão ser atestadas por um documento oficial a apresentar pelo candidato incluindo, sempre que possível, a média ponderada das mesmas. No caso de o candidato ainda não possuir o grau de licenciado e a apresentação da média não for possível via documento oficial, a mesma deverá ser indicada, de forma explícita, no campo de observações do formulário de candidatura.


Informações


Contactos

Diretor do Curso: m.si.diretor@fc.up.pt
Secção de Pós-Graduação: pos.graduacao@fc.up.pt
Estudantes do curso: m.si@fc.up.pt


Nota: Informação disponibilizada a título informativo.
Não dispensa a consulta do Diário da República.

Dados Gerais

Código Oficial: 6955
Diretor: Manuel Barbosa
Sigla: M:SI
Grau Académico: Mestre
Tipo de curso/ciclo de estudos: Mestrado
Início: 2014/2015
Duração: 4 Semestres

Planos de Estudos

Diplomas

  • Mestrado em Segurança Informática (120 Créditos ECTS)
  • Curso de Mestrado em Segurança de Sistemas de Informação (72 Créditos ECTS)

Áreas Científicas Predominantes

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2022 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2022-09-29 I  Página gerada em: 2022-10-04 às 02:29:00 | Política de Utilização Aceitável | Política de Proteção de Dados Pessoais | Denúncias