Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FCUP
Você está em: Início > CC111

Introdução à Programação

Código: CC111     Sigla: CC111

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Ciência de Computadores

Ocorrência: 2013/2014 - 1S Ícone do Moodle

Ativa? Sim
Página Web: http://www.dcc.fc.up.pt/~nam/web/Teaching/IP2013/
Unidade Responsável: Departamento de Ciência de Computadores
Curso/CE Responsável: Licenciatura em Ciência de Computadores

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
L:CC 61 Plano de estudos de 2008 até 2013/14 1 - 7,5 -
MI:ERS 134 Plano de Estudos a partir de 2007 1 - 7,5 -

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Nelma Resende Araújo Moreira Regente

Docência - Horas

Teórica: 2,00
Teorico-Prática: 1,00
Práticas Laboratoriais: 2,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teórica Totais 1 2,00
Nelma Resende Araújo Moreira 2,00
Teorico-Prática Totais 2 2,00
Nelma Resende Araújo Moreira 2,00
Práticas Laboratoriais Totais 6 12,00
João Pedro Pedroso Ramos dos Santos 6,00
Nelma Resende Araújo Moreira 4,00
Sérgio Armindo Lopes Crisóstomo 2,00
Mais informaçõesA ficha foi alterada no dia 2013-09-09.

Campos alterados: Componentes de Avaliação e Ocupação

Língua de trabalho

Português

Objetivos

Aprendizagem dos conceitos elementares de programação imperativa enfatizando a noção de algoritmo e de modularidade.


Resultados de aprendizagem e competências

Pretende-se que os estudantes: 

    - sejam capazes de conceber algoritmos para resolução de problemas simples e de os implementar na linguagem de programação C

    - fiquem a conhecer alguns algoritmos básicos (contagem, pesquisa, ordenação, ...)

    -  adquiram bons hábitos de programação

     

Modo de trabalho

Presencial

Programa

Noções de algoritmo e de programa de computador. Construtores fundamentais de programação: valores, variáveis e expressões; tipos de dados básicos: números inteiros e de vírgula flutuante; caracteres. Definição de procedimentos e funções; âmbito de variáveis (locais/globais). Expressões condicionais e de ciclos básicos (for/while); I/O simples. Tipos compostos: variáveis indexadas, listas e tuplos. Recursividade; resolução de problemas simples usando algoritmos iterativos e recursivos.  Algoritmos de pesquisa e ordenação.

Bibliografia Obrigatória

000002544. ISBN: 0-393-96945-2 (K.N.King, C programming : a modern approach : with a preview of C++, 2nd Edition 2008)
000002798. ISBN: 0-13-089572-5 (Deitel & Deitel, C How to Program, 3rd Ed ou seguintes)

Bibliografia Complementar

000102107. ISBN: 9780262033848 (T.H.Cormen, C.E.Leiserson, R.L.Rivest, and C.Stein: Introduction to algorithms, 3rd ed, 2009)

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Aulas teóricas: exposição da matéria, acompanhada de alguns exemplos.

Aulas teórico-práticas: serão aprofundadas diversas questões abordadas nas aulas teóricas, propondo-se exercícios complementares.

Aulas práticas: aulas laboratoriais para resolução de problemas em computador (análise de problemas, concepção de programas, sua implementação, teste e correcção).

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Exame 60,00
Participação presencial 0,00
Teste 20,00
Trabalho laboratorial 20,00
Total: 100,00

Obtenção de frequência

Perde a frequência o estudante que faltar a mais de 25% das aulas práticas ou das aulas teórico-práticas previstas. Poderão ser dispensados da frequência das aulas teórico-práticas os estudantes que tiverem sobreposição de horário com disciplinas de outros anos. Estes estudantes devem contatar a regente da disciplina por e-mail e expor o seu caso concreto.

Fórmula de cálculo da classificação final

A avaliação tem em conta as seguintes provas:

      P:   nota de testes práticos  (avaliação automática por sistema Mooshak)
      TEI: nota de teste escrito intermédio    
      EF: nota de exame escrito final

       F = (TEI*4 +  EF*12 +4*P)/20

Ficam aprovados  os estudantes que tiverem frequência e classificação superior  ou igual a 25% em cada componente e  F >= 9.5 valores.      

Avaliação especial (TE, DA, ...)

Os alunos com estatuto de trabalhador-estudante tem a mesma avaliação dos restantes alunos, mas estão dispensados do cumprimento das regras para obtenção de frequência. Não haverá concessão de dispensa de frequência da componente prática. A presença nas aulas é fortemente aconselhada.

Melhoria de classificação

Os alunos que tendo tido aproveitamento na disciplina em anos lectivos anteriores ou no correntre e pretendam efectuar exame para melhoria de nota no presente ano lectivo, terão os seus exames avaliados para 20 valores.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2018 © Faculdade de Ciências da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2018-05-26 às 11:15:37