Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FCNAUP
Você está em: Início > CN12001

Anatomia Humana II

Código: CN12001     Sigla: ANTHII

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Ciências da Saúde

Ocorrência: 2011/2012 - 2S

Ativa? Sim
Curso/CE Responsável: Licenciatura em Ciências da Nutrição

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
CNUP 109 Plano oficial 1 - 5,5 56 148,5

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Maria Dulce Cordeiro Madeira Regente

Docência - Horas

Teórica: 2,00
Práticas Laboratoriais: 2,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teórica Totais 1 2,00
Maria Dulce Cordeiro Madeira 2,00
Práticas Laboratoriais Totais 4 8,00
Tiago Alexandre Ferreira Tuna 4,00
Sara Marina Carneiro Pinto Coelho 4,00

Língua de trabalho

Português

Objetivos

Na disciplina de Anatomia II pretende-se que os alunos aprendam a terminologia anatómica e a nomenclatura das regiões em que se subdivide o corpo humano (Nomina Anatomica) bem como a constituição detalhada, relações, funções, desenvolvimento das estruturas que integram os aparelhos respiratório, digestivo, urinário e reprodutor, os sistemas cardiovascular e nervoso central e as glândulas endócrinas.
Pretende-se igualmente que desenvolvam as suas capacidades de observação e estudo autónomo, adquiram as bases do método descritivo e que integrem os conhecimentos morfológicos com noções de anatomia funcional.

Programa

Sistema ventrículo-subaracnoideu. Meninges cranianas.
Componentes funcionais dos nervos cranianos. Vias olfactiva e gustativa.
Músculos da mastigação. Músculos da mímica. Nervos trigémio e facial.
Globo ocular. Músculos extrínsecos do globo ocular. Nervos óptico, oculomotor, troclear e abducente.
Ouvido. Nervo vestibulococlear. Via auditiva.
Vascularização da cabeça e do pescoço. Vascularização do encéfalo.
Introdução ao estudo da Esplancnologia. Organização geral do aparelho respiratório e do aparelho digestivo.
Nariz, fossas nasais e seios paranasais.
Laringe, traqueia, brônquios e pulmões. Cavidades pleurais.
Coração e pericárdio.
Grandes vasos do tórax, seus ramos e tributárias. Mediastino.
Boca, língua e glândulas salivares. Mecanismo da mastigação. Nervo hipoglosso.
Faringe. Esófago. Mecanismo da deglutição. Nervos glossofaríngeo e vago.
Estômago. Intestino delgado. Cólon. Recto. Canal anal.
Fígado e vias biliares extra-hepáticas. Pâncreas e canais pancreáticos. Baço.
O peritoneu e a cavidade peritoneal.
Aparelho urinário.
Aparelhos genitais feminino e masculino.
Vascularização das vísceras abdominais e pélvicas.
Hipotálamo. Sistema endócrino. Sistema Nervoso Autónomo.

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

2 aulas teóricas de 60 minutos por semana
1 aula prática de 120 minutos por semana

Aulas teóricas de apresentação de conceitos de Anatomia Geral, de introdução ou de sinopse de grandes temas e de explanação descritiva de matérias.
Aulas práticas de observação, identificação e descrição de estruturas no Teatro Anatómico.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Obtenção de frequência

De acordo com o estabelecido no Regulamento Pedagógico.

Fórmula de cálculo da classificação final

A avaliação inclui uma componente de avaliação distribuída e um exame final.

A AVALIAÇÃO DISTRIBUÍDA (AD) será efectuada através da realização de 4 exames teóricos, nos dias e horários calendarizados no Plano Curricular. Representará 100% da classificação final teórica. A classificação máxima de cada ADT é de 5 valores. Esta classificação será atribuída aos estudantes que responderem correctamente a 25 perguntas de escolha múltipla. As classificações intermediárias serão calculadas em função do número de respostas correctas. A classificação final da avaliação distribuída (ADTF) corresponde ao somatório das classificações obtidas nos 4 ADT.

Os alunos que obtiverem classificação na ADTF igual ou superior a 10 valores estão dispensados da prova teórica, sendo esta classificação substituída pela da ADTF.

O EXAME FINAL constará de uma prova prática e de uma prova teórica.
A prova prática (P) é do tipo “gincana” e consiste na identificação de um conjunto de 30 estruturas anatómicas. Estas estarão colocadas aos pares, tendo os alunos 1 minuto para identificar cada conjunto de duas estruturas. Para serem admitidos à prova teórica, os alunos terão que obter a classificação mínima de 10 valores, o que corresponde à correcta identificação de 20 estruturas. A classificação de 20 valores corresponde à correcta identificação das 30 estruturas, sendo as classificações intermédias calculadas proporcionalmente ao número de estruturas identificadas. A prova teórica (T) consta de 50 questões de escolha múltipla. Cada pergunta vale 0,4 valores. Serão considerados aprovados no exame teórico os estudantes que obtiverem a classificação mínima de 10 valores.

Terão de se submeter a esta prova teórica os alunos que quiserem fazer melhoria de nota da ADTF. Neste caso, prescindem da classificação da ADTF.

A classificação final (CF) será calculada através das fórmulas:
- Para os alunos com classificação superior a 10 valores na avaliação distribuída teórica final (ADTF):
CF = (3ADTF + P) /4
- Para os alunos que realizam a prova teórica:
CF = (3T + P) /4


Avaliação especial (TE, DA, ...)

Segundo o nº 2 e nº 3 do Art. 8º do Estatuto do Trabalhador-Estudante da Universidade do Porto (DR, 2.ª série; N.º 107; 2 de Junho de 2011)


Melhoria de classificação

Exame final com realização das duas provas previstas no Quadro do Cálculo da Classificação Final.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2017 © Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2017-07-20 às 19:29:47