Saltar para:
Logótipo
Comuta visibilidade da coluna esquerda
Você está em: Início > Cursos/CE > Mestrado > MDTI

Cursos

Desenho e Técnicas de Impressão

APRESENTAÇÃO:
Este curso é um espaço de conhecimento avançado para apoiar a elaboração de projetos nos campos do desenho e das técnicas de impressão. É particularmente vocacionado para projetos no âmbito das práticas artísticas, da ilustração, da relação do desenho com a ciência, de estudos tecnológicos de novos e velhos meios ou procedimentos gráficos, e do desenvolvimento de práticas de concepção imagética e projetual.

A diversidade de funções que o desenho assume, as áreas artísticas e científicas que relaciona e as teorias e a história que o enquadram, são o sintoma de um campo poliédrico que se pretende interrogar. Fundamentado na ligação dos processos do desenho com as tecnologias de impressão, o programa oferece a possibilidade aos seus estudantes de trabalharem simultaneamente em projetos artísticos ou de investigação próprios, elegendo a área do desenho ou da obra gráfica, na diversidade das suas formas e funções. Este trabalho é apoiado em ações tutoriais individualizadas, assim como em núcleos temáticos e workshops de edição.
Os núcleos temáticos, vocacionados para uma aplicabilidade prática, são propostos pela atualidade de conteúdos que refletem o âmbito do desenho e as suas zonas limítrofes na arte, ciência e cultura contemporâneas. Os workshops de edição exploram a relevância plástica e conceptual de um vasto espectro de procedimentos gráficos orientados para a produção de uma obra gráfica.

ESTAMOS DEDICADOS A:
– Criar um ambiente propício à consolidação de uma prática artística e/ou de investigação fundamentada no desenho e nas técnicas de impressão, e ao desenvolvimento de uma reflexão crítica e contextualizada das preocupações inerentes a cada um.
– Explorar o desenho e as técnicas de impressão no seu potencial de cruzamento entre disciplinas, como estratégia transversal de comunicação e resolução de problemas, com contribuições de artistas, arquitetos, cientistas e escritores.
– Desenvolver processos criativos e tecnológicos relacionados com os procedimentos do desenho e da obra gráfica, ampliando as competências instrumentais de cada estudante;
– Desenvolver metodologias de investigação baseadas em práticas de desenho, que apoiem o projeto artístico de cada um, e reforcem a comunicabilidade dos seus resultados de forma coerente;
– Proporcionar um conhecimento cruzado dos conceitos, textos críticos e fontes históricas diretamente relacionadas com a investigação em desenho, potenciando a análise crítica das suas imagens, funções e processos nos contextos artísticos e científicos onde atuam.
 
ORGANIZAÇÃO DO CURSO
O programa assenta na ideia de que a prática do desenho e a investigação do desenho são dois campos distintos, implicados com estratégias e objetivos distintos, que se complementam mutuamente quando colocadas no mesmo espaço de atuação. A atividade generativa e reflexiva da prática é central à nossa cultura de investigação, como lugar de verificação, provocação, exemplificação e posicionamento das ideias desenvolvidas.
O programa curricular do primeiro ano desenvolve-se em torno do estúdio e da oficina, em ações tutoriais estruturadas semanais, e orientadas em função do projeto artístico e de investigação de cada estudante. Os estudantes são encorajados a questionar as suas ideias iniciais e a definir os parâmetros da sua própria prática. Pretende-se que sejam capazes de desenvolver abordagens inovadoras, quer na resolução dos problemas decorrentes do trabalho de estúdio e oficina, quer nos modelos de apresentação dos resultados da sua prática.
Este espaço é enquadrado por um conjunto de unidades curriculares que, através de seminários, workshops, conferências e tutorias, permitem ao estudante situar-se de forma crítica e informada no campo mais alargado do desenho e da obra gráfica. Nestas unidades, o estudante é encorajado a confrontar-se com outros procedimentos, campos, funções e concepções de desenho.
A apresentação final do  trabalho é planeada e comissariada pelo próprio estudante, acompanhado pelos docentes, tendo em conta o impacto e o contexto da sua prática. Os estudantes são encorajados a desenvolver estratégias inovadoras para a sua apresentação, apropriadas à singularidade do seu trabalho.
O segundo ano corresponde ao desenvolvimento do projeto ou dissertação ou estágio, apoiado por orientações individualizadas e seminários de metodologia de investigação em desenho.
.
 
INSTALAÇÕES
Os estudantes inscritos beneficiam de um estúdio permanente para realização do seu trabalho, ao qual podem aceder livremente durante toda a semana.
Simultaneamente, cada estudante tem acesso livre às oficinas de Gravura e Serigrafia, onde conta com apoio técnico permanente.
A FBAUP disponibiliza ainda o acesso a outras oficinas e apoio técnico nas áreas da fotografia, vídeo, informática, metais e madeira, cerâmica e vidro, que permitem complementar, se necessário, os projetos em curso.

 


Informações

Sem edição em 2010/2011


Dados Gerais

Código Oficial: 6066
Diretor: Paulo Almeida
Sigla: MDTI
Grau Académico: Mestre
Tipo de curso/ciclo de estudos: Mestrado
Início: 2005/2006
Duração: 2 Anos

Planos de Estudos

Diplomas

  • Mestrado em Desenho e Técnicas de Impressão (120 Créditos ECTS)
  • Especialização em Desenho e Técnicas de Impressão (60 Créditos ECTS)

Áreas Científicas Predominantes

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2017 © Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2017-04-23 às 12:58:12