Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
FAUP
Você está em: Início > Notícias > Prémio Fernando Távora | Vencedor da 9ª edição . Susana Ventura

Notícias

Prémio Fernando Távora | Vencedor da 9ª edição . Susana Ventura

Investigadora do CEAU vence com proposta de expedição a uma arquitectura intensiva por terras do Japão e da Europa do Norte e Central




Os membros do Júri da 9ª edição do Prémio Fernando Távora, presidido pela Arquitecta Paula Santos (em representação da OASRN) e constituído pelo Escultor José Pedro Croft, Arquitectos Pedro Bandeira, José António Bandeirinha (nomeado pela Casa da Arquitectura) e pela Dra. Maria José Ferrão (designada pela família do Arquitecto Fernando Távora), deliberaram por unanimidade atribuir o Prémio à proposta "Expedição a uma arquitectura intensiva" da Arquitecta Susana Ventura.

Os jurados viram na candidatura de Susana Ventura uma "clareza de propósitos e consistência" capazes de "unificar diferentes geografias e culturas". "Referenciando distintos objectos arquitectónicos, [a proposta vencedora] propõe uma leitura temática capaz de construir uma narrativa inesperada. A viagem relaciona paisagens entre o Oriente e o Norte e Centro da Europa, e arquitectos modernos e contemporâneos", nota ainda a acta do júri.

"Esta é uma viagem de expedição, porque passa pelo meio das coisas, pelo meio das palavras, pelo meio dos lugares, atravessa paisagens longínquas, terras desconhecidas, limites imprecisos... Mas é a única viagem possível, quando se procura uma arquitectura intensiva, lugar incógnito, ainda, da Teoria da Arquitectura. A expedição assume dois importantes desígnios: nasce de uma intuição, que advém de todas as outras viagens que têm início numa incerteza, numa necessidade de "partir", para encontrar o tempo e o espaço necessários para criar algo de novo, que não existe ainda, e, por último, criar e construir uma teoria para uma arquitectura intensiva, que se afaste da história e da crítica (nas suas acepções tornadas comuns), mas cristaliza esse pensamento que sobrevoa a obra de arquitectura, que se encontra nas coisas, na percepção, na intuição, na sensibilidade e no tempo e que só pode emergir à superfície do texto (teoria), quando se olha para o que existe no mundo (e não só na obra) como vestígios. E, então, há uma descoberta da obra de arquitectura só possível pelo andar, pela presença do corpo, pelo olhar e pelo tempo. Na prática, traça-se uma linha horizontal que atravessa a Europa Central e olha-se para cima e para os extremos desta linha: as terras, a descobrir, são imensos espaços vazios a Norte (Europa Central e Fiordes) e a Oriente. Mas o processo nunca é o da predeterminação, mas antes o de uma inquietação: partir, partir.
Excerto da proposta vencedora.

O roteiro da viagem passará pelo Japão (Tóquio ‹ Kamakura ‹ Karuizawa ‹ Kawaguchi ‹ Tokamachi ‹ Aichi), Noruega (Vardo), Finlândia (Helsínquia), Suécia ( Estocolmo, Malmö), República Checa (Praga), Áustria (Viena), Suíça (Kreuzberg, Montreux).

Susana ventura integra o Centro de Comunicação e Representação Espacial, grupo de investigação integrado no CEAU sob coordenação do professor Pedro Leão Neto (docente da FAUP e membro integrado no CEAU) onde desenvolve um projecto de pós-doutoramento sob orientação dos professores José Miguel Rodrigues (docente da FAUP e membro integrado no CEAU) e Ana Godinho Gil (FCSHUNL). «Susana Ventura associa à sua actividade de arquitecta também a de escritora, professora, investigadora e curadora. Defendeu a sua licenciatura com uma tese sobre o conceito de felicidade no pensamento e na obra de Le Corbusier. Trabalhou nos ateliers de Gonçalo Byrne e João Mendes Ribeiro. Encontra-se actualmente a desenvolver um projecto de pós-doutoramento sobre o tema da arquitectura intensiva na Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto.

O Vencedor da 9ª edição do Prémio Fernando Távora, foi anunciado a 7 de Abril, Segunda-feira, às 22h00, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Matosinhos.

O Prémio Fernando Távora é um prémio anual, único - consiste na atribuição de uma bolsa de viagem, no valor de seis mil euros -, e de âmbito nacional, destinado a todos os membros efectivos da Ordem dos Arquitectos. Instituído em homenagem ao arquitecto Portuense, figura referência da arquitectura portuguesa pela sua actividade enquanto arquitecto e pedagogo.

Mais informações em www.oasrn.org
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2019 © Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2019-04-24 às 01:37:28